domingo, 7 de agosto de 2022

PL faz 7 denúncias contra Lula por propagada ilegal e discurso de ódio

 Mesmo no PL poucos acreditam que o TSE puna petistas

Do - Diário do Poder - O Partido Liberal (PL) entrou com sete representações no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o PT e Lula, seu candidato à presidência. O PL é o partido do candidato à reeleição Jair Bolsonaro.

Nas representações, o PL denuncia que Lula pediu voto para ele, incorrendo em crime de propaganda eleitoral eleitoral fora de época, e pelo discurso de ódio contra Bolsonaro em sete eventos realizados recentemente em Brasília e cidades do Nordeste.

O discurso de ódio se caracteriza pelas acusações contra o presidente, chamado de “genocida e mentiroso”.

Os advogados do partido também pediram ao TSE a retirada aos vídeos da internet. Não há prazo para decisão liminar do caso, nem tampouco se acredita que o TSE adote qualquer medida para além de multa a ser paga com dinheiro público que abastece o Fundo Eleitoral.

Bolsonaro e Lula estão empatados com 38%, aponta o Instituto Gerp

Ciro Gomes (PDT) aparece em terceiro lugar com 10% das intenções de voto, seguido por Simone Tebet (MDB) com 3%

Empate:

O presidente da República, Jair Bolsonaro, está empatado com o ex-presidente Lula nas intenções de voto para presidente com 38%, segundo pesquisa do instituto Gerp.

Segundo levantamento divulgado nesta sexta (5), os dois principais candidatos variaram dentro da margem de erro desde a última pesquisa, mas agora estão empatados numericamente na disputa pelo Planalto.

Ciro Gomes aparece em terceiro com 10% das intenções de voto, seguido por Simone Tebet com 3%. Nenhum outro candidato superou 1% das intenções de votos.

O Gerp ouviu 2.098 pessoas entre os dias 1º e 5 de agosto e a pesquisa está registrada junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-009327/2022. A margem de erro é de 2,18% para mais ou menos.

Bolsonaro lidera motociata em Pernambuco com milhares de apoiadores


Presidente visita Pernambuco um dia depois de ter sido alvo de discursos de ódio na convenção do PSB

O presidente Jair Bolsonaro (PL) participou neste sábado (6), no Recife, de mais uma motociata que impressionou pelo número de participantes.

Durante o passeio, Bolsonaro foi acompanhado de milhares de apoiadores e de políticos aliados que estão em campanha, como Anderson Ferreira, candidato do PL a governador.

Entre os políticos que seguiram Bolsonaro na motociata estava também o ex-ministro do TurismoGilson Machado, que se encontra em campanha pelavaga de Pernambuco no Senado.

O presidente foi elogiado por aliados por haver priorizado Pernambuco em sua primeira agenda após as convenções partidárias e seu gesto foi entendido como uma resposta aos discursos de ódio durante o evento do PSB, cujo candidato Danilo Cabral anda mal nas pesquisas.

Além de um candidato a governador considerado fraco, o PSB amarga as consequências do governo mais mal avaliado do Brasil, chefiado por Paulo Câmara. De acordo co levantamento recente do instituto Paraná Pesquisas, o governador de Pernambuco está próximo de 70% de desaprovação de sua gestão pelos pernambucanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja responsável

ITABUNA EM FOCO

  Secretaria Municipal da Educação promove encontro com professores Diretores, vice-diretores e professores das escolas da Rede Municipal de...