Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio natural. Não jogue lixo em seu leito.

quinta-feira, 27 de junho de 2013

VEM AÍ LAVAGEM DE DINHEIRO PUBLICO


A prefeitura de Itabuna decidiu contratar uma empresa para desenvolver e administrar a emissão da nota fiscal eletrônica. O novo sistema estará funcionando a partir da próxima segunda-feira (1º). O novo sistema foi desenvolvido pela a empresa E&L Produções de Software, de Domingos Martins, no Espírito Santo. Mas em comparação com o atual, esse novo sistema é inferior.

O curioso é que o sistema atual foi desenvolvido e é administrado pela própria prefeitura, com custo zero. Em 2010 a prefeitura mobilizou quadros de sua própria estrutura, que desenvolveu o novo software. Sendo que antes, o serviço era terceirizado e a prefeitura pagava mensalmente R$ 150 mil.

Como o governo atual é o da “moralidade”, o prefeito Claudevane Leite (PRB), e o secretário de fazenda, Marcos Cerqueira, têm que informar o valor pago pela a terceirização do serviço de emissão da nota fiscal eletrônica. E por qual motivo a prefeitura decidiu terceirizar o serviço, sendo que o atual é a custo zero. Isso ta cheirando a lavagem de dinheiro publico.

Do: Políticos Sul da Bahia

Nenhum comentário: