sexta-feira, 24 de setembro de 2021

Alterações tributárias mobilizam vereadores e sociedade em Itabuna

 

Ronaldão
O projeto de lei do Governo de Itabuna com alterações significativas no Código Tributário do município (Lei 2.173/10) despertou o interesse da sociedade local, especialmente empresários e profissionais liberais que temem aumento na carga tributária. Em reunião nessa quinta, 23/9, Sivaldo Reis (PL) foi designado relator do projeto pelas comissões de Legislação e Finanças.

De antemão, a Prefeitura esclareceu que a proposição objetiva "atualizar a legislação vigente em conformidade com as alterações legais ocorridas" no Brasil. "Ressalte-se que não foram sugeridas alterações nas isenções atuais dos tributos nem nas hipóteses de infrações e penalidades, mas foram mantidos todos os benefícios concedidos em lei municipal para as micro e pequenas empresas", justificou o Executivo.

Vereadores como Ronaldão (PL) e Pastor Francisco (Republicanos) também mobilizaram-se em torno da matéria, especialmente por causa dos efeitos negativos do coronavírus na economia do município. Ronaldão questionou o Governo, via requerimento aprovado em Plenário, sobre os impactos financeiros das alterações tributárias no bolso do contribuinte itabunense.

Da matéria tributária encaminhada à Câmara, 13 pontos foram sublinhados pelo Governo, entre os quais: fixação de nova alíquota para o Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI); nova forma de reajuste dos valores do IPTU; obrigatoriedade de os cartórios repassarem ao Fisco informações das transações imobiliárias; e adequações do Imposto Sobre Serviços (ISS) à legislação nacional atualizada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja responsável

BARES CONTINUAM BLOQEUANDO RUAS EM ITABUNA

Itabuna dos contrastes  Um ilícito, que já acontece há muitos anos em Itabuna parece não ter fim. São as irregularidades de bares e restaura...