Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

terça-feira, 9 de outubro de 2018

E D I T O R I A L :


PT: Um processo que não deu certo!


Antes de 1964 ao final de 1984, o nosso país foi governado pelo Regime Militar, quando não se havia ou ouvia falar em corrupção. Prova disso, foi que todos os generais que assumiram o comando da nação, morreram pobres, ou seja, sem acumulo de fortuna, ilícita. Entre os presidentes destacamos Emílio Garrastazu Médici, Ernesto Geisel e João Figueiredo. Este último, dando o andamento do processo democrático, passando o governo a Tancredo Neves, que consolidou o movimento das “diretas já”, ao lado do deputado e líder do movimento  Ulisses Guimarães. Se constituindo numa das maiores manifestações populares de todos os tempos, dos brasileiros, “cantando a liberdade!”, de uma luta incansável, com a participação de  líderes sindicais e milhares de brasileiro clamando pela liberdade....

Tancredo Neves foi eleito para governar o Brasil, após o Regime Militar, numa grande festa no Congresso Nacional. Apesar de ser empossado, mas devido à sua morte, não ficou um dia no comando do governo. Assumiu o vice, José Sarney, ainda sem o voto direto. Depois, com a liberdade do voto do povo foram eleitos: José Sarney; Fernando Afonso Collor de Mello (que mais tarde sofreu um impeachment), assumindo o seu vice, Itamar Franco e Fernando Henrique Cardoso, que foi reeleito. 

Esses, mesmos, com “as diretas” eram considerados remanescentes da direita. Com a mobilização da chamada esquerda, caíram na insatisfação popular. E o sistema de governo implantado por eles, cheios de altos e baixos, já entrando no campo da corrução foi interrompido por outra linha, voltada para o apelo social, que prometia acabar com a corrupção, já existia naquela época.

Liderado pelo sindicalista Luís Inácia Lula da Silva, eleito  e reeleito, conseguiu governar o país por duas gestões, se tornando um dos maiores lideres da nação brasileira; considerado um fenômeno da politica brasileira! 

Mais tarde, devido à sua popularidade, conseguiu eleger a sua colega Dilma Rousseff, e ex-ministra de seu governo. Eleita Presidente. Governou o país por uma gestão, se reelegeu, mas também sofreu impeachment. Chamado de “golpe” pelos petistas e por muitos simpatizantes, daquele Partido, considerado um dos maiores da nação. Dai o projeto para os petistas governarem o país por 70 anos foi interrompido, depois de vários escândalos de corrupção, envolvendo também, Michel Temer, que assumiu o governo, quando vários lideres foram pegos “com a mão na botija” envolvidos com um grande esquema de corrupção, descoberto pela Policia Federal, liderada por um grande homem da lei e, que, ganhou toda a admiração e respeito dos brasileiros: “Juiz Sérgio Moro”, colocando muitos culpados na cadeira e resgatando o dinheiro da União, inclusive, os ex-ministros do PT, Antônio Palocci e Zé Dirceu, homens de extrema confiança do ex-presidente Lula e do PT. Foi a partir dai, que a nação brasileira, começou a ver o PT e seus asseclas   com outros olhos. Perdendo parte da confiança, depositada do povo brasileiro. O verdadeiro brasileiro!   

Com todos esses escândalos da “posse” do dinheiro público, milhões e bilhões de reais, o povo despertou! E, agora, tudo indica, nesse processo eleitoral de 2018, vai dá a vitória, a uma pessoa que diz não amar partido, “mas a minha Pátria!”. O candidato que tem uma larga experiência, pois é deputado federal, já em seu sétimo mandato, promete acabar com a corrupção no país e a nação brasileira está acreditando. 

Trata-se, do capitão Jair Messias Bolsonaro, que também quer resgatar a dignidade do cidadão e da família brasileira, que estava perdendo a tradição devido alguns projetos mirabolantes do PT. Entre eles, o estimulo sexual nas escolas às crianças a partir de seis anos de idade (opção sexual), fazendo parte de um projeto da ex-presidente Dilma Rousseff, que sancionou a Lei, casando pessoas do mesmo sexo, ou seja, homem com homem e mulher com mulher!

“Vamos moralizar o nosso país e resgatar a dignidade do cidadão!” diz Jair Bolsonaro.
  

Nenhum comentário: