Lixo

Itabunense seja educado não jogue lixo na rua e nem no Rio Cachoeira. A Natureza agradece!

quinta-feira, 21 de junho de 2018

Hospital da Costa do Cacau realiza primeira captação de córneas para doação


A Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT) do Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, realizou na manhã desta quarta-feira, 20, a primeira captação de córnea, autorizada pelo responsável legal do doador. De acordo com Silvana Batista, coordenadora da CIHDOTT, para que a captação seja realizada é necessário que o coração já tenha interrompido as suas atividades, e que o doador tenha idade entre dois e 70 anos e não apresente enfermidades como Hepatites B e/ou C; HIV (AIDS); morte de causa desconhecida e outras enfermidades infectocontagiosas transmissíveis por meio do transplante.

O HRCC já integra a rede, contribuindo para que as pessoas inscritas na lista de espera na Bahia e nos demais estados tenham acesso o mais breve possível a este nobre gesto de amor, que é o transplante. É importante que a pessoa manifeste em vida o desejo de se tornar uma doadora de múltiplos órgãos e tecidos”, afirma. Silvana lembra, porém, que a doação é consentida, ou seja, só pode ser realizada mediante autorização familiar documentada, na presença de duas testemunhas. Ela ressalta que os dados do doador, bem como dos familiares são mantidos em sigilo.

A captação de córneas no HRCC é realizada com equipe própria, fator determinante para dar celeridade ao processo, permitindo que mais captações sejam concretizadas na região, com maior frequência e diminuindo a fila de espera por este transplante na Bahia. As córneas serão transplantadas para as primeiras pessoas compatíveis que estão aguardando em lista única da Central de Transplantes da Bahia. De acordo com o Ministério da Saúde, até Maio, o Estado possuía mais de 740 pessoas em situação ativa aguardando por transplante de córnea.
A CIHDOTT é formada por equipe multiprofissional, responsável por formalizar o processo de doação. 
Por - Daniel Thame

Nenhum comentário: