Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio natural. Não jogue lixo em seu leito.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

DayHORC investe em reabilitação visual com Fisioterapia ocular

Buscando inovar no atendimento e no serviço ofertado aos seus pacientes, o DayHORC – Hospital de Olhos Ruy Cunha acaba de acrescentar às suas especialidades a Fisioterapia Ocular, um ramo auxiliar da Oftalmologia que trata da Reabilitação Visual de pacientes que apresentam alterações nos movimentos dos olhos.

A terapia motora dos olhos trata as deficiências da visão sensorial e da motricidade dos olhos através do treino da musculatura ocular com estimulação visual e exercícios dinâmicos proprioceptivos, que visam corrigir distúrbios da visão e recuperar a funcionalidade visual. “Baseia-se em exercícios monitorados que objetivam o fortalecimento e o equilíbrio da musculatura do olho, reeducação da postura e prevenindo complicações ortopédicas, promovendo, uma melhor realização das atividades profissionais e de vida diária para o paciente”, destaca o Fisioterapeuta Ocular do DayHORC Renato Barreto.


Ainda de acordo com o especialista, os exercícios são indicados principalmente nos casos de alterações e desvios nos movimentos oculares, bem como nos casos de desconforto aos esforços visuais. Reabilitam pessoas com disfunções músculos-oculares como Estrabismo, Insuficiência de Convergência, Queda Palpebral, Paralisia Facial, e quadro de tonturas decorrentes de Disfunções Labirínticas (“Labirintite”). Ainda mais, habilita deficientes visuais para locomoção independente, através do treino de orientação e mobilidade, bem como realiza estimulação visual para pessoas com Visão Subnormal, objetivando potencializar seu desempenho visual para as atividades de vida diária e profissionais.

“As alterações dos movimentos oculares podem ser detectadas através do Exame de Motilidade Ocular, e estas podem causar visão dupla, dificuldade ou sonolência durante a leitura, perda de concentração e diminuição da aprendizagem nos estudos, cansaço visual e dor de cabeça”.

A fisioterapia é indicada para pessoas de ambos os sexos e de qualquer idadequeixosas de sinais e sintomas relacionados disfunções músculos-oculares ou labirínticas, e que tenham diagnóstico positivo por meio do exame Eletro-Oculografia, realizado pelo profissional Fisioterapeuta Ocular.

O especialista preconiza que quanto mais cedo for feito o diagnóstico e iniciado o tratamento, melhor será o resultado e mais rápida será a recuperação. De acordo com o terapeuta ocular, Renato Barreto, em algumas situações a Fisioterapia evita a necessidade cirúrgica, como nos casos de Estrabismos.


Foto legenda: O especialista em terapia ocular Renato Barreto, afirma em algumas situações a Fisioterapia evita a necessidade cirúrgica.
Por - Lorena Guimarães

Nenhum comentário: