Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

Prefeitura garante permanência da gestão plena da saúde em Itabuna

  
Por meio de negociação junto ao governo baiano, a Secretaria de Saúde de Itabuna além de ter assegurado municipalização da saúde no município, ainda conseguiu aumentar o valor dos recursos destinados à rede pública, passando dos atuais R$104 para R$ 109 milhões. Ao comemorar a decisão do Governo do Estado, o  titular da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Jozimar Salles, disse que o aumento da verba resultará na melhoria da prestação de serviço à população.

“Ampliar a oferta e melhorar o atendimento na rede da saúde pública em Itabuna foi um dos compromissos do prefeito Fernando Gomes quando assumiu o poder municipal e estamos trabalhando para cumprir essa determinação que com certeza trará maior beneficio para a comunidade que depende do Sistema Único de Saúde (SUS)”, destacou o secretário.  
    
Ele explicou que o aumento no valor dos recursos foi por meio da Programação Pactuada e Integrada (PPI) do governo baiano, um instrumento que segundo ele, garante e facilita o acesso da população às ações e serviços executados pela rede de saúde pública no município, seja em consultas, exames ou cirurgias.


Jozimar disse que a gestão plena da saúde do SUS é uma forma de descentralização, regulação, controle, fiscalização e implantação das politicas públicas de saúde. E garantir a permanência da plena em Itabuna mostra, ainda segundo ele,   o resultado de um trabalho planejado e compromissado como deve ser uma administração, especialmente num município do porte de Itabuna.

“A busca do apoio necessário seja na esfera estadual ou na união, implicará na oferta de serviços e melhoria do atendimento, o que garantirá mais dignidade ao cidadão assistido pelo Sistema Único de Saúde”, concluiu o secretario.

 Texto: Rosi Barerto
Fotos: Waldir Gomes

Nenhum comentário: