Lixo

Itabunense seja educado não jogue lixo na rua e nem no Rio Cachoeira. A Natureza agradece!

quarta-feira, 30 de maio de 2018

TST declara ilegal e abusiva a greve de petroleiros petistas

O líder da pretensa greve dos petroleiros, militante petista, aparece sorridente ao lado da então presidente Dilma. Foto: Roberto Stuckert)




Multa será de R$ 500 mil por dia se petroleiros descumprirem decisão
Do - Diário do Poder - O Tribunal Superior do Trabalho (TST) declarou a ilegalidade e a abusividade da greve dos petroleiros prevista para esta quarta-feira (30) pelo sindicato Federação Única dos Petroleiros (FUP). O pedido foi protocolado no TST pela Advocacia-Geral da União (AGU), que fez o anúncio da declaração de ilegalidade na noite desta terça-feira.
Segundo a AGU foi estipulada uma multa diária de R$500 mil por dia à FUP, em caso de descumprimento da ordem judicial.
O sindicato dos petroleiros marcou a greve no domingo, durante o auge da paralisação dos caminhoneiros e a crise do desabastecimento. Os petroleiros também chegaram a listar a demissão do presidente da Petrobras, Pedro Parente, entre as reivindicações.
A entidade que lidera o movimento é liderada por conhecidos militantes petistas com histórico de participação em eventos de bajulação a políticos dessa tendência.

Nenhum comentário: