Lixo

Itabunense seja educado não jogue lixo na rua e nem no Rio Cachoeira. A Natureza agradece!

quarta-feira, 2 de maio de 2018

Professores de Itacaré participam de capacitação sobre o PNAIC


Professores da pré-escola, ciclos de alfabetização e também da Educação de Jovens e Adultos da rede municipal de Itacaré participaram na manhã deste sábado, dia 28, de um encontro para discutir sobre o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC), uma oportunidade de refletir sobre as metodologias trabalhadas em sala de aula, verificação de resultados obtidos com o trabalho e também abordar as mudanças que precisam ser adotadas para tornar a escola muito mais atrativa, participativa e moderna. O encontro aconteceu juntamente no Dia Internacional da Educação, um momento de refletir, rediscutir e lutar por um ensino público cada vez melhor.

Para os educadores da pré-escola e ciclos de alfabetização a formação aconteceu na Escola Maria Benjamina. Já para os professores da EJA a reunião foi no Centro Educacional de Itacaré. E no distrito de Taboquinhas a formação foi realizada na semana passada, envolvendo os ciclos educacionais tanto do campo quanto da cidade, garantindo a oportunidades de todos refletirem e compartilharem suas experiências, conhecimentos, projetos e ações inovadoras nas 47 escolas de Itacaré, para atender plenamente aos 5.804 alunos matriculados esse ano na rede municipal.
Em todos os encontros foi discutida sobre a importância do PNAIC, um compromisso formal assumido pelo governo federal, estados e municípios brasileiros, com objetivo de assegurar que todas as crianças estejam alfabetizadas até o 3º ano do Ensino Fundamental. O objetivo é assegurar que as crianças com até oito anos de idade estejam aptas a ler, escrever, interpretar e a desenvolver raciocínios matemáticos lógicos básicos, aprimorar cada vez mais as práticas em sala de aula e cumprir a meta do pacto, de alfabetizar crianças até no máximo 8 anos de idade.

A ideia da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Educação, é contribuir não somente com essas metas do PNAIC, como também tornar a escola de fato uma unidade transformadora, inovadora e atrativa, acompanhando as mudanças e transformações e possa de fato se trabalhar o aluno não somente como receptores dos conhecimentos, mas como cidadãos, garantindo a eles ferramentas necessárias tanto na sua formação intelectual quanto moral. E para isso, segundo os coordenadores da Secretaria de Educação, é preciso que haja um compromisso de todos envolvidos com o processo educacional, sejam o poder público, educadores, pais e alunos.

De acordo com os coordenadores da formação, através desses encontros de discussões os professores recebem orientações a respeito da proposta do PNAIC e de como desenvolver seu trabalho em sala de aula, como a reorganização da prática, assegurando os direitos de aprendizagem das crianças e garantindo uma formação de qualidade que concilia teoria e prática permeadas por experiências inovadoras de educadores que fazem a diferença na educação.



O PNAIC responde à Meta 5 do Plano Nacional da Educação (PNE) e é um compromisso formal assumido pelos governos: Federal, do Distrito Federal, dos Estados e dos Municípios, desde 2012, para assegurar a plena alfabetização de todas as crianças, no máximo até os oito anos de idade, ao final do 3º ano do ensino fundamental. Considerando que, segundo o Censo Escolar, 98% das crianças brasileiras de 6 anos são matriculadas no 1º ano do ensino fundamental, alfabetizá-las bem significa oferecer-lhes uma base sólida para um percurso escolar de sucesso e dar um importante passo para a qualidade, a inclusão e a equidade da educação. (Ascom)

Nenhum comentário: