Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

sábado, 20 de maio de 2017

Propina de Lula e Dilma milionária no exterior!


Conta-propina de Lula e Dilma no exterior tinha US$ 150 milhões






Os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff (Foto: Reprodução)
Os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff (Foto: Reprodução)

No acordo de delação premiada que fechou com a Operação Lava Jato, o empresário Joesley Batista revela como funcionava o esquema de propinas no BNDES durante os governos petistas de Lula e Dilma Rousseff. Segundo o empresário, o acesso do grupo JBS a aportes bilionários do banco estatal e de fundos de pensão foi comprado à custa de milionárias propinas que tinham Lula e Dilma como destinatários.
O dinheiro sujo era pago, segundo o empresário, para garantir que nenhum pleito do grupo fosse atrapalhado por burocratas do governo. O ex-ministro da Fazenda Guido Mantega era o responsável por receber os pleitos e negociar a propina devida em cada operação.
Foi por ordem de Mantega que o empresário abriu no exterior duas contas para depositar a propina que, diz ele, era destinada a Lula e Dilma. “Os saldos das contas vinculadas a Lula e Dilma eram formados pelos ajustes sucessivos de propina do esquema BNDES e do esquema-gêmeo, que funcionava no âmbito dos fundos Petros e Funcef. Esses saldos somavam, em 2014, cerca de 150 milhões de dólares”, afirmou Joesley na delação.
Confira o que declarou o delator da JBS sobre Dila e Lula:

Depois de Guido Mantega ter favorecido seu grupo empresarial em negócios no BNDES, Joesley abriu uma conta para depositar a propina devida no negócio. Tempos depois, o empresário teve uma conversa com Mantega na qual ele solicitou que outra conta fosse aberta. Joesley ficou confuso, mas a explicação de Mantega foi reveladora. “Em reunião com Guido Mantega ocorrida no final de 2010, este pediu ao depoente que abrisse uma nova conta, que se destinaria a Dilma. O depoente perguntou se a conta já existente não seria suficiente para os depósitos dos valores a serem provisionados, ao que Guido respondeu que esta era de Lula, fato que só então passou a ser do conhecimento do depoente. O depoente indagou se Lula e Dilma sabiam do esquema e Guido confirmou que sim”, anotaram os procuradores na transcrição do depoimento de Joesley.

RECORDAÇÕES BOAS E BOM SEMPRE SER LEMBRADA!

Projetos de 2012

Saneamento bairro Nova Califórnia :



Projeto de despoluição do Rio Cachoeira: "Sustenta Cidade" da professora Heloísa Pinheiro:




Entrevista do então presidente Geraldo Bríglia a Valter Machado:


Produção:

Assessoria de Comunicação da Emasa. 

JBS COMPROU POR R$43 MILHÕES APOIO DE RENAN E 4 SENADORES À REELEIÇÃO DE DILMA

DELAÇÃO DO LOBISTA DA JBS
JBS COMPROU POR R$43 MILHÕES APOIO DE RENAN E 4 SENADORES À REELEIÇÃO DE DILMA
RENAN LEVOU R$9,3 MILHÕES QUANDO ERA PRESIDENTE DO SENADO
Publicado: 20 de maio de 2017 às 12:42
Renam e Dilma

Do - Diário do Poder - O lobista da JBS, Ricardo Saud, disse em depoimento que a empresa de Joesley Batista comprou por R$43 milhões cinco senadores em 2014, a pedido do ministro Guido Mantega (Fazenda), para garantir o apoio do PMDB à reeleição de Dilma Rousseff.
O acerto da propina foi fechado na residência oficial do então presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), que Saud freqüentava assiduamente, organizando pessoalmente churrascos com carnes e bebidas finas.
Dos R$ 43 milhões da propina, Renan ficou com a maior parte (R$ 9,3 milhões). Eduardo Braga (AM), Jader Barbalho (PA) e Eunício Oliveira (CE), atual presidente do Senado, teriam levado R$ 6 milhões cada. Valdir Raupp (RO) ficou com R$ 4 milhões.
O lobista disse haver relatado esses pagamentos a Michel Temer: "O Joesley me entregou um bilhete, depois de uma reunião com Guido. Eu fui lá, no sábado à tarde, no Michel Temer, e mostrei isso a ele. Ele ficou muito indignado, porque estava perdendo o controle do PMDB."

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Emasa lança campanha: “Seja um Consumidor Legal”

Diretor-presidente da Emasa
A Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa) lançou a Campanha “Seja um consumidor legal”, com o objetivo de regularizar a situação dos usuários que encontram-se com dívidas ou mesmo em situação de ligações clandestinas. De acordo com o presidente da Emasa, Jader Guedes, a campanha segue até o dia 31 de Julho e a meta é ter um retorno de 50% nos pagamentos dessas dívidas. “Para isso, estamos oferecendo facilidades como, por exemplo, desconto de até 100% sobre juros e multas das dívidas contabilizadas até o ano de 2016”.

ASSISTA AOS VÍDEOS DAS DELAÇÕES DOS EXECUTIVOS DA JBS

DEPUTADOS R$ 3 MILHÕES CADA

R$ 3 MILHÕES CADA
JOESLEY DIZ TER PAGO 5 DEPUTADOS PARA VOTAREM CONTRA O IMPEACHMENT
JOESLEY PAGOU A 5 DEPUTADOS PARA VOTAREM CONTRA SAÍDA DE DILMA
Publicado: 19 de maio de 2017 às 18:42 - Atualizado às 19:00
DELATOR DA JBS RELATOU À PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA QUE ATUOU COM DEPUTADO JOÃO BACELAR (PR-BA) PARA COOPTAR 5 PARLAMENTARES AO CUSTO DE R$ 3 MILHÕES CADA (FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO CONTEÚDO)

O presidente da JBS, Joesley Batista, disse em depoimento que atuou juntamente com o deputado João Bacelar (PR-BA) na compra de cinco deputados federais, ao custo de R$ 3 milhões cada um, para votarem contra o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.
Segundo Joesley, no dia 9 de abril de 2016, um sábado, uma semana antes da votação do impeachment na Câmara dos Deputados, ele se reuniu com Bacelar. Na ocasião, segundo o delator da JBS, Bacelar disse que ‘tinha conseguido convencer 30 deputados a votarem a favor de Dilma em troca de R$ 5 milhões cada um’.

SAS convoca futuros moradores do Itabuna Park para assinatura de contrato


A Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) convoca os futuros moradores do Residencial Itabuna Park para a assinatura dos contratos dos imóveis. Essa etapa que antecede a entrega dos apartamentos ocorrerá na terça (23) e quarta-feira (24), onde os contemplados, divididos em quatro grupos, deverão comparecer à SAS que fica localizada na Rua Piauí, número 140, Bairro Jardim Vitória.

 Os beneficiários do empreendimento Itabuna Park foram selecionados em listas já divulgadas do Programa Minha Casa, Minha Vida, incluindo a sétima lista, publicada em dezembro de 2016. A lista com o dia e horário destinado a cada grupo encontra-se disponível no site da prefeitura de Itabuna: www.itabuna.ba.gov.br

Prefeitura de Itabuna convoca professores de matemática aprovados em concurso público


A Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria de Administração, convoca quatro candidatos aprovados e classificados no Concurso Público nº 001/2016 para ocupação do cargo de Professor de Matemática. Os profissionais convocados deverão assumir suas funções, conforme edital publicado no Diário Oficial do Município.

Para a contratação, os aprovados deverão comparecer na próxima segunda-feira (22), às 11h, ao Departamento de Recursos Humanos da Secretaria de Administração, no Centro Administrativo Municipal Firmino Alves, localizado na Avenida Princesa Isabel, nº 678, Bairro São Caetano. Para a contratação, os convocados deverão apresentar os documentos listados no referido edital.

tabuna faz mobilização no Dia Nacional Contra o Abuso Sexual de Crianças e Jovens

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (18) foi celebrado em Itabuna com uma grande caminhada na avenida Cinquentenário, que mobilizou centenas de pessoas, com muitos manifestantes portando faixas e cartazes.  O evento coordenado pela Secretaria de Assistência Social contou com a participação de diversas entidades da sociedade civil organizada, lideradas por uma animada charanga e culminou com a encenação de uma peça teatral na praça José Bastos, escrita por Fernando Caldas e dirigida por Marquinhos No.

A secretária de Assistência Social, Sandra Neilma, conta que a mobilização superou as expectativas mais otimistas, com a adesão de diversas instituições e pessoas da comunidade. E salienta que a mobilização foi realizada num prazo muito curto, até porque a SAS tem um amplo calendário de eventos na sua rotina, o que inclui este mês os festejos do Dia das Mães e outras atividades a exemplo do recadastramento do Bolsa Família.

Conselho Municipal do Idoso comemora 18 anos

Presidente  do Conselho, Agnaldo Batista uma luta para quebrar o preconceito em defesa dos idosos

Na próxima terça-feira (23) o Conselho Municipal do Idoso irá comemorar 18 anos de existência com uma programação pra lá de especial. O presidente Aguinaldo Batista, aproveita o momento para ressaltar a importância da data, tendo em vista os relevantes serviços prestados à comunidade idosa. “Ao longo dos anos temos trabalhado muito, lutado incansavelmente pelos nossos direitos”, frisa. E completa: “Além de desenvolver ações de fiscalização, o Conselho também encaminha ações visando fortalecer a rede de proteção ao idoso para o enfrentamento da violência e maus tratos”.

DELATOR RELATA EM DEPOIMENTO QUE COMBINOU PROPINA MILIONÁRIA



O EMPRESÁRIO JOESLEY BATISTA.
O DEVASTADOR 'ANEXO 9'
DELATOR RELATA EM DEPOIMENTO QUE COMBINOU PROPINA MILIONÁRIA PARA TEMER
JOESLEY CONTA QUE ACERTOU PROPINA DE R$50 MILHÕES PARA TEMER
Publicado: 19 de maio de 2017 às 02:26 - Atualizado às 08:50


Do - Diário do Poder - As denúncias mais devastadoras do empresário Joesley Batista contra Michel Temer e o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) não estão nas gravações de áudio já divulgadas, mas no conteúdo do chamado “Anexo 9” da delação do presidente do Grupo JBS, cujo principal alvo é o presidente.
Em seu depoimento a procuradores, gravado em vídeo, Joesley conta, por exemplo, que acertou com Lourdes o pagamento de propina de R$50 milhões para o presidente Temer, caso obtivesse uma liminar no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), órgão do Ministério da Justiça, que retirasse da Petrobras a exclusividade no fornecimento de gás para uma termelétrica do grupo. Ele deixa claro que não tratou do assunto com Temer, mas com Loures, considerado da "estrita confiança" do presidente. 

Legislativo Itabunense aprova nova lei da contratação temporária e Cidade Universitária

 
Dra. Margarete Brandão e os vereadores: Milton Gramacho, Chico Reis e Manoel Júnior
Por 16 votos contra um, o Legislativo de Itabuna aprovou nessa quinta, 18, o projeto do Executivo com o texto que vai reger a contratação por tempo determinado na administração pública. A nova lei, assim que sancionada, substituirá as duas que ainda regulamentam a seleção temporária de servidores por necessidade de excepcional interesse público.

A redação final contem quatro emendas de Júnior Brandão (PT) e duas de Beto Dourado (PSDB) acatadas pelo relator Milton Gramacho (PRTB) e pelo Plenário. O petista sugeriu, por exemplo, a extinção automática do contrato em caso de desvio de função; o tucano ampliou a vedação de substituir servidor enquanto houver cadastro de reserva válido de concursados.

quinta-feira, 18 de maio de 2017

JBS: PROPINA DE 300 MILHÕES DO PT NA SUÍÇA


JBS mantinha conta na Suíça com R$ 300 milhões em propina do PT





A JBS depositou cerca de R$ 300 milhões em propina devida ao PT numa conta secreta controlada por Joesley Batista na Suíça, cuja empresa de fachada, titular oficial da conta, era sediada no Panamá. O saldo dessa conta de propina era gerado aos poucos, em razão de vantagens ilegais obtidas pela JBS junto ao BNDES, sempre na gestão do PT – especialmente nos anos em que Luciano Coutinho presidia o banco.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. e  Joesley Batista, presidente da JBS.
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. e Joesley Batista, presidente da JBS.

Era uma conta-corrente de propina dividida, nas planilhas da JBS, entre os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. As informações foram encaminhadas por Joesley à Procuradoria-Geral da República.
Segundo disse Joesley, o dinheiro era sacado, no Brasil, em nome de Lula e por ordem de Lula, às vezes por meio de Guido Mantega – e também em campanhas do PT em 2010 e 2014. Os recursos eram entregues em espécie, depositados em contas de laranjas indicados pelo partido e pelo ex-presidente e, também, transferidos oficialmente para contas oficiais de campanhas. Parte expressiva desse bolo foi usada para comprar o apoio de partidos pequenos na campanha de Dilma em 2014.

CONVERSA DE AÉCIO NO LAVA JATO

ÁUDIOS DA JBS
TRANSCRIÇÃO DE CONVERSAS MOSTRA TENTATIVA DE AÉCIO DE BARRAR LAVA JATO
ANISTIA A CAIXA 2 TAMBÉM FOI TEMA DA CONVERSA DE AÉCIO E JOESLEY
Publicado: 18 de maio de 2017 às 18:36 - Atualizado às 18:37
ANISTIA A CRIMES RELATIVOS À PRÁTICA DE CAIXA 2 TAMBÉM FOI TEMA DA CONVERSA

Do - Diário do Poder - Parte da conversa entre o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) e o empresário delator Joesley Batista, da JBS, mostram articulação para anistiar de vez os crimes relativos à prática de caixa 2 em campanhas eleitorais, tanto para os políticos quanto para os doadores, segundo transcrição divulgada pelo site BuzzFeed. A iniciativa seria incluir "na marra" a anistia nas Dez Medidas contra a corrupção.
No texto, Aécio faz críticas aos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e ao ministro da Justiça, Osmar Serraglio. Confira abaixo os trechos divulgados.
Aécio — Esses vazamentos, essa porra toda, é uma ilegalidade.
Joesley — Não vai parar com essa merda?
Aécio — Cara, nós tamos vendo (...) Primeiro temos dois caras frágeis pra caralho nessa história é o Eunício [Oliveira, presidente do Senado] e o Rodrigo [Maia, presidente da Câmara], o Rodrigo especialmente também, tinha que dar uma apertada nele que nós tamos vendo o texto (...) na terça-feira.
Joesley — Texto do quê?
Aécio — Não... São duas coisas, primeiro cortar o pra trás (...) de quem doa e de quem recebeu.
Joesley — E de quem recebeu.
Aécio — Tudo. Acabar com tudo esses crimes de falsidade ideológica, papapá, que é que na, na, na mão [dupla], texto pronto nãnã. O Eunício afirmando que tá com colhão pra votar, nós tamo (sic). Porque o negócio agora não dá para ser mais na surdina, tem que ser o seguinte: todo mundo assinar, o PSDB vai assinar, o PT vai assinar, o PMDB vai assinar, tá montada. A ideia é votar na... Porque o Rodrigo devolveu aquela tal das Dez Medidas, a gente vai votar naquelas dez... Naquela merda das Dez Medidas toda essa porra. O que eu tô sentindo? Trabalhando nisso igual um louco.
Joesley — Lógico.
Aécio — O Rodrigo enquanto não chega nele essa merda direto, né?
Joesley — Todo mundo fica com essa. Não...
Aécio — E, meio de lado, não, meio de leve, meio de raspão, né, não vou morrer. O cara, cê tinha que mandar um, um, cê tem ajudado esses caras pra caralho, tinha que mandar um recado pro Rodrigo, alguém seu, tem que votar essa merda de qualquer maneira, assustar um pouco, eu tô assustando ele, entendeu? Se falar coisa sua aí... forte. Não que isso? Resolvido isso tem que entrar no abuso de autoridade... O que esse Congresso tem que fazer. Agora tá uma zona por quê? O Eunício não é o Renan.
Joesley — Já andaram batendo no Eunício aí, né? Já andaram batendo nas coisas do Eunício, negócio da empresa dele, não sei o quê.
Aécio — Ontem até... Eu voltei com o Michel ontem, só eu e o Michel, pra saber também se o cara vai bancar, entendeu? Diz que banca, porque tem que sancionar essa merda, imagina bota cara.
Joesley — E aí ele chega lá e amarela.
Aécio — Aí o povo vai pra rua e ele amarela. Apesar que a turma no torno dele, o Moreira [Franco], esse povo, o próprio [Eliseu] Padilha não vai deixar escapulir. Então chegando finalmente a porra do texto, tá na mão do Eunício.
Em outro trecho, o empresário questiona a capacidade do ministro Osmar Serraglio (Justiça).
Joesley — Esse é bom?
Aécio — Tá na cadeira (...). O ministro é um bosta de um caralho, que não dá um alô, peba, está passando mal de saúde pede pra sair. Michel tá doido. Veio só eu e ele ontem de São Paulo, mandou um cara lá no Osmar Serraglio, porque ele errou de novo de nomear essa porra desse (...). Porque aí mexia na PF. O que que vai acontecer agora? Vai vim um inquérito de uma porrada de gente, caralho, eles são tão bunda mole que eles não (têm) o cara que vai distribuir os inquéritos para o delegado. Você tem lá cem, sei lá, 2.000 delegados da Polícia Federal. Você tem que escolher dez caras, né?, do Moreira, que interessa a ele vai pro João.
Joesley — Pro João.
Aécio — É. O Aécio vai pro Zé (...)
[Vozes intercaladas]
Aécio — Tem que tirar esse cara.
Joesley — É, pô. Esse cara já era. Tá doido.
Aécio — E o motivo igual a esse?
Joesley — Claro. Criou o clima.
Aécio — É ele próprio já estava até preparado para sair.
Joesley — Claro. Criou o clima.

MINISTRO FACHIN (STF) DERRUBA SIGILO DA DELAÇÃO DE JOESLEY FRIBOI

GRAMPOS
MINISTRO FACHIN (STF) DERRUBA SIGILO DA DELAÇÃO DE JOESLEY FRIBOI
MINISTRO DO STF DERRUBA SIGILO DE DELAÇÃO DE JOESLEY DA FRIBOI
Publicado: 18 de maio de 2017 às 17:18 - Atualizado às 17:55
FACHIN RETIROU O SIGILO DAS INVESTIGAÇÕES E DOCUMENTOS, INCLUINDO ÁUDIOS DAS CONVERSAS, DEVEM SER LIBERADOS EM BREVE

Do - Diário do Poder - O ministro Luiz Edson Fachin determinou a quebra do sigilo das delações de Joesley e Wesley Batista, donos da JBS Friboi, maior frigorífico do mundo. Em breve os áudios da delação, além de vídeos e outros indícios apresentados juntamente com o acordo de contribuição, deve ser divulgados pelo Supremo Tribunal Federal.
Hoje mais cedo Fachin, que é o relator das ações no âmbito da operação Lava Jato no STF, também homologou as delações reveladas ontem pelo jornal 'O Globo', e que envolvem principalmente o presidente Michel Temer e o senador tucano Aécio Neves (MG).
Todas as informações a respeito das acusações contra o presidente Michel Temer, o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) e Guido Mantega, ex-ministro dos governos Lula e Dilma, serão disponbilizadas em breve.
A divulgação dos áudios das conversas entre Joesley e Aécio, e Joesley e Temer, será determinante para os próximos passos, tanto das investigações quanto da situação política do país.
Em pronunciamento, há pouco, o presidente Temer reiterou que a conversa com o empresário da JBS não contemplou negociação de compra do silêncio do ex-deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) ou qualquer outra pessoa.

Presidente Temer: Não renunciarei!

Pronunciamento do Presidente Michel Temer hoje (18) às 16h, em cadeia de rádio e televisão. veja:

Governo implementa programas e ações para a retomada do desenvolvimento de Itabuna


ITABUNA  NA RETOMADA DO CRESCIMENTO
Apesar da queda de arrecadação e dos problemas enfrentados numa prefeitura encontrada sucateada e com poucos recursos, o prefeito Fernando Gomes imprime nestes cinco primeiros meses de gestão o seu estilo de governo, com a realização de obras e implementação de ações voltadas para o resgate do desenvolvimento de Itabuna - principal polo de comércio e serviços do Sul da Bahia.

 Uma estratégia para este programa de governo inclui parcerias com governo do estado, que está concluindo a barragem do Rio Colônia, para garantir a reservação de água para a população itabunense nos períodos de estiagem e a conclusão do Teatro Municipal, com um investimento de R$ 22 milhões.

Como parte do programa de governo o prefeito encaminhou ao legislativo dois projetos importantes. O primeiro, já aprovado em primeira discussão pela Câmara, transforma Itabuna em Cidade Universitária, com incentivos para a implantação de cursos superiores, apoio ao ensino em todos níveis e à inovação.

FILHO DE TEORI ZAVASCK ACREDITA QUE MANDARAM MATAR SEU PAI

'DO QUE ELES SÃO CAPAZES?'
FILHO DE TEORI ZAVASCK ACREDITA QUE MANDARAM MATAR SEU PAI
FRANCISCO ZAVASCKI FEZ POST APÓS DIVULGAÇÃO DE DELAÇÕES
Publicado: 18 de maio de 2017 às 14:56 - Atualizado às 14:59
'NÃO TENHO COMO NÃO PENSAR QUE NÃO MANDARAM MATAR MEU PAI', DESABAFA FILHO DE TEORI (FOTO: REPRODUÇÃO)

Do - Diário do Poder - Francisco Zavascki, filho do ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), morto em janeiro, publicou um desabafo em seu perfil no Facebook, na noite de quarta-feira, 17, depois que foram divulgadas as delações do dono da JBS Joesley Batista.
“Que gente sínica. Não tem coisa que me embrulha mais o estômago do que lembrar que, no dia do velório do meu pai, diante de tanta dor, ainda tive que cumprimentar os membros daquele que foi apelidado naquele mesmo dia de "cortejo dos delatados". Impeachment já! Desculpem o desabafo, mas não tenho como não pensar que não mandaram matar o meu pai!"
Teori era o relator dos processos referentes à Operação Lava Jato no STF. Ele morreu em um acidente aéreo semanas antes de serem divulgadas as delações premiadas de executivos e ex-executivos da Odebrecht.
"Do que eles são capazes? Será que só pagar pelo silêncio alheio? Ou será que derrubar avião também está valendo? O pai sabia de tudo isso. (...) Não é por acaso que o pai estava tão aflito com o ano de 2017", escreveu. 
SEM RENÚNCIA
TEMER ANUNCIARÁ APOIO A PROPOSTA DE ANTECIPAR ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS
PRESIDENTE APOIARÁ ANTECIPAÇÃO, MAS RESISTE À IDEIA DE RENÚNCIA
Publicado: 18 de maio de 2017 às 15:28 - Atualizado às 16:03
ELE CONTINUA REPETINDO QUE NADA DISSE DE INAPROPRIADO A JOESLEY BATISTA.

No pronunciamento previsto para instantes, no Palácio do Planalto, o presidente Michel Temer deverá anunciar sua adesão à proposta de emenda constitucional (PEC) que antecipa as eleições municipais, marcadas para o fim de 2018. Por enquanto, a hipótese de renúncia permanece descartada. A informação foi antecipada pelo jornalista Cláudio Humberto, colunista do Diário do Poder, em sua conta no Twitter.
O presidente marcou seu pronunciamento para as 16h porque, até esse momento, ele espera ter acesso à gravação de áudio feita pelo empresário Joesley Batista, presidente afastado do Grupo JBS, para se certificar do que tem dito sobre aquele encontro realizado em março no Palácio Jaburu. 
Temer tem repetido a interlocutores desde ontem à noite, quando "explodiu a bomba" da delação premiada do Grupo JBS, que não disse qualquer coisa, durante seu encontro com Joesley, que deponha contra o cargo de presidente da República.
Não por coincidência, a PEC que prevê eleição direta em caso de vacância na presidência da República foi pautada para ser analisada na próxima terça-feira, 23, segundo informou seu autor, o deputado Miro Teixeira (Rede-RJ).

APÓS DELAÇÃO BOMBA, MINISTROS DO PPS AVALIAM ENTREGAR CARGOS

DENÚNCIAS "GRAVES"
APÓS DELAÇÃO BOMBA, MINISTROS DO PPS AVALIAM ENTREGAR CARGOS A TEMER
FREIRE (CULTURA) E JUNGMANN (DEFESA) PODEM PEDIR DEMISSÃO
Publicado: 18 de maio de 2017 às 11:25 - Atualizado às 11:44

Do - Diário do Poder - Os ministros da Cultura, Roberto Freire, e da Defesa, Raul Jungmann, avaliam entregar os cargos ao presidente Michel Temer, após a divulgação da denúncia de que o presidente teria sido gravado dando aval para compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Os dois ministros são do PPS, partido que tem nove deputados e um senador.
Jungmann e Freire se reúnem com outros integrantes da direção do partido para bater o martelo sobre a decisão de pedir exoneração. Na noite desta quarta-feira, 17, logo após a divulgação da denúncia contra Temer pela imprensa, integrantes do partido se reuniram na Câmara e avaliaram a situação do governo Temer como muito grave.
Procurado pela reportagem, o ministro da Cultura desconversou e evitou responder se entregará ou não o cargo. "Ainda não conversei com o Jungmann. Não vou ficar especulando", disse. Ele afirmou, porém, que as denúncias contra o presidente Temer são "graves".
"Agora é discutir os desdobramentos de tudo isso. Hoje vou conversar com todo mundo. Não sou igual ao PT para quem a denúncia só vale para os adversários. Tem que valer para todos", afirmou Freire, que é presidente nacional do PPS.

Veja vídeos sobre denuncias:





Itacaré define atrações do São João de Taboquinhas

Um São João para resgatar as tradições juninas, valorizar a cultura regional e trazer de volta o melhor do forró, a paz e a alegria. Assim será o São João de Taboquinhas, distrito de Itacaré, que acontecerá nos dias 23 e 24 de junho na praça João Coutinho. O evento terá como atrações as bandas Forroziada, Amassa no Forró, Kuarto Light, Forró Stilo A4, Neide Santos e Júnior do Forró. Tudo isso num clima de muita alegria, com as ruas decoradas e barracas com bebidas e comidas típicas.

Continuidade do atendimento pelo SUS no São Lucas ainda é incerta


Apesar do apoio unânime dos participantes em sessão especial nessa terça, 16, na Câmara, permanece indefinida a continuidade dos atendimentos de média complexidade no Hospital São Lucas em Itabuna, pelo SUS. O provedor da Santa Casa, Érick Ettinger Júnior, reclamou do subfinanciamento da saúde pública com a defasagem na Tabela do SUS “há 20 anos está sem reajuste”.
Ettinger negou o interesse no fechamento do São Lucas, mas considera o repasse de recursos pelo SUS um problema crônico. “Não cobre os custos da nossa instituição [cujo déficit mensal seria R$ 300 mil].” Na sessão, a secretária municipal de Saúde, Lísias Miranda, esclareceu que houve mudança na forma do repasse, contudo o contrato teria crescido R$ 60 mil (indo para R$ 869 mil).

Prestes a ser inaugurada, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no bairro Monte Cristo poderá tornar-se alternativa para a população itabunense caso o São Lucas encerre os serviços bancados pelo SUS. Segundo Lísias, para ser habilitada como porte 1, a UPA terá que prestar, em média, 300 atendimentos por dia. A título de comparação: o São Lucas hoje realiza 100 consultas diárias.

A sessão especial, requerida por Júnior Brandão (PT), teve ainda a participação do juiz de Direito, Ulisses Salgado, do presidente do Conselho Municipal de saúde, Josivaldo Gonçalves, do médico Isaque Nery (como representante do Governo da Bahia) e do trabalhador Antônio Carlos Dias, funcionário da Santa Casa de Misericórdia.   
 
Da Assessoria de Comunicação
 
Foto: Pedro Augusto Benevides