Lixo

Itabunense seja educado não jogue lixo na rua e nem no Rio Cachoeira. A Natureza agradece!

sábado, 16 de dezembro de 2017

Em falha da barreira, Grêmio cai diante do Real Madrid na decisão











De falta, Cristiano Ronaldo fez o gol do sexto título dos merengues na competição internacional
Do - www.gazetadopovo.com.br O Grêmio perdeu para o Real Madrid por 1 a 0 neste sábado (16) e é vice-campeão do Mundial de Clubes da Fifa. Destaque do time espanhol, Cristiano Ronaldo contou com a falha na barreira gremista para anotar, de falta, o gol que decretou o hexa do Real no torneio internacional - ninguém levantou a taça mais do que os merengues. A decisão aconteceu no estádio Zayed Sports City, em Abu Dhabi.

A equipe gaúcha ficou com o vice pela segunda vez. Entretanto, foi a primeira derrota do Imortal no tempo normal. Em 1995, ficou no empate por 0 a 0 com o Ajax e acabou perdendo na disputa dos pênaltis, 4 a 3.
O revés deste ano ainda marcou a chance de Renato Gaúcho ser campeão mundial como jogador e treinador. Ex-atacante, foi ele o responsável pelo título mundial de 1983, quando fez os dois gols da vitória por 2 a 1 sobre o Hamburgo, da Alemanha.
“Esse grupo fez muito esse ano. Honramos a camisa. Pode ter certeza que o nosso torcedores estão bastante orgulhosos. Não é fácil. Jogamos, buscamos, mas do outro lado tem uma máquina”, resumiu o comandante gremista.
Dos onze titulares do Real Madrid, dez são convocados para suas seleções nacionais e deverão estar na Copa do Mundo da Rússia. Apenas Benzema, após conflitos extracampo na França, não defende seu país.
O JOGO
Real Madrid controlou a partida inteira. No total, foram 62% da posse de bola dos merengues contra 38% dos gaúchos. Porém, o número que comprova a justiça do resultado são os números de finalizações.
Enquanto o time comandado por Zinedine Zidane arriscou 20 arremates, o Tricolor teve apenas um chute ao gol adversário. O arremate foi obra de Edílson, em uma falta na primeira etapa.
TÍTULOS POR PAÍSES
Em números gerais, a Espanha se igualou ao Brasil em títulos mundiais - os dois países somam dez triunfos cada e são os maiores vencedores.
Pelos clubes espanhois, o Real venceu seis vezes, contra três taças do Barcelona e um do Atlético de Madrid. Já entre os brasileiros, as conquistas são divididas por seis clubes. O São Paulo ergueu a taça em três oportunidades, enquanto Corinthians e Santos já conquistaram o campeonato em duas ocasiões.Grêmio, Internacional e Flamengo têm um título cada.

Nenhum comentário: