segunda-feira, 17 de julho de 2017

Projeto itinerante do FAEG-Sul valoriza tradições culturais de Almadina


O projeto tem patrocínio do Governo do Estado e contou com apoio da prefeitura municipal, artistas, professores, estudantes e a comunidade.

A população de Almadina acolheu com alegria o projeto itinerante do Fórum de Agentes, Empreendedores e Gestores Culturais do Território Litoral Sul (FAEG-Sul), no dia 13 de julho. Apresentações artísticas intercaladas com palestras e oficinas transformaram a Escola Municipal Pouso Alegre em espaço para a valorização da cultura local e interação entre agentes culturais da região.



O projeto teve participações do Reisado Cristo Rei, Associação de Capoeira Filhos de Zambiacongo, Grupo de Dança Origem, Quadrilha Sertaneja Pouso Alegre, dupla Joice e Raissa e músicos Ribeiro e Roberto, além de exposição de artesanato com Alcimar Barros, Marcia Natividade, Fabiana do Bolo, Sirlandia Dias e Jocelma. Contou com apoio da Prefeitura de Almadina, por meio da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (gestão de Isabela Brito Oliveira) e Departamento de Cultura (direção de Paulo Rogério Silva). Presentes representantes de Itabuna, Ilhéus, Itajuípe, Serra Grande, Coaraci, Ubaitaba e Canavieiras.

Na solenidade de abertura, o secretário de Administração, Tarcísio Cardoso, falou em nome do prefeito Milton Cerqueira, que acompanhava o governador Ruy Costa em agenda regional. Ele enfatizou o compromisso do governo municipal com a cultura, parabenizou a inciativa do FAEG-Sul e enfatizou a riqueza cultural de Almadina. O secretário de Governo, Hamurabe Flores, além de reforçar o apoio da prefeitura ao projeto, brindou o público com recital de poesia e distribuição de suas publicações de cordel. Marcaram presença também o secretário de Saúde, José Leopoldo dos Anjos, vereadores Sandra Cristina e Jarbas Barbalho e Mary Simões, representante da secretária de Assistência Social, Gal Sarube.

A secretária Isabela Brito deu boas-vindas aos visitantes e destacou a participação ativa da comunidade escolar; Rogério Silva falou sobre a importância do evento para o fortalecimento das políticas culturais. Após a solenidade, o presidente do FAEG-Sul, Victor de Aziz, apresentou as propostas e ações do fórum e coordenou plenária sobre os desafios para as políticas culturais do território, que deliberou pela elaboração de uma carta aberta, reivindicando aumento de verbas, valorização da produção artística regional e fortalecimento dos conselhos municipais de cultura.

O gestor cultural Pawlo Cidade conduziu oficina sobre leis e diretrizes necessárias à implantação dos sistemas municipais de cultura, ferramenta indispensável ao fortalecimento do setor, com ênfase para a implantações dos planos municipais de cultura. A população participou também da oficina de Vivências Musicais, ministrada pelo maestro e professor Letto Nicolau. O cerimonial do evento foi planejado e conduzido pela atriz, produtora cultural e proponente do projeto, Eva Lima.
O Projeto FAEG-Sul Itinerante contempla dez municípios do Território Litoral Sul. Já passou por Itapé, Santa Luzia, Itapitanga, Mascote e Almadina. Em seguida, serão contemplados os municípios de São José da Vitória (10 de agosto), Maraú (14 de setembro), Pau Brasil (19 de outubro), Jussari (9 de novembro) e Itaju do Colônia (14 de dezembro).

Conta com apoio financeiro do Governo do Estado, (Edital Nº 24/Territórios Culturais), por meio do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia e apoio institucional da Prefeitura Municipal de Santa Luzia, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Diretoria de Cultura, Associação dos Municípios da Região Cacaueira (AMURC) e da Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Estadual de Santa Cruz (PROEX/UESC).
Por - Vera Rabelo

Nenhum comentário: