terça-feira, 27 de junho de 2017

Empresários, comerciantes e autoridades debateram medidas contra abusos em greve

Durante a Reunião Ordinária da ACI, nesta segunda-feira, 26, empresários e comerciantes debateram com autoridades do Poder Público Municipal, Polícia Militar e Civil, as atitudes a serem tomadas diante de uma possível greve, anunciada para a próxima sexta-feira, 30, em Itabuna.  A reunião foi preventiva, tendo em vista os atos de violência registrados no último movimento grevista. O presidente da ACI Ronaldo Abude declarou que a classe empresarial respeita o direito de greve, mas também exige das autoridades a manutenção da ordem pública e o direito dos empregadores e de seus colaboradores de trabalhar. Ele apresentou a Lei nº 7.783, de 28 de junho de 1989, que regulamenta o exercício de direito de greve e exibiu imagens do movimento passado, que demonstraram agressões.

Os comerciantes relembraram os momentos em que presenciaram a depredação do patrimônio privado e a intimidação de manifestantes para fechar seus estabelecimentos. “Indignação, revolta e impotência diante da manifestação. Merece uma intervenção séria da prefeitura, tendo em vista que não aconteceu o mesmo em outras cidades”, revelou a gestora da Capri Tintas.

Para o advogado Rafle Salume, “a Polícia tem que agir contra a violação às regras, porque a ordem deve ser mantida. A Polícia tem que garantir o direito de ir e vir”. O Capitão Penalva, representou o Coronel Daniel Riccio Teixeira e declarou que toda a ação da PM é articulada com o intuito de apaziguar os movimentos grevistas. Sobre as atitudes a serem tomadas em uma possível greve, ele disse que vai levar as demandas apontadas pela classe ao 15º Batalhão da Polícia Militar.

O Secretário de Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente, John Nascimento representou o prefeito Fernando Gomes, e levou aos empresários, a ordem do Executivo de disponibilizar todo o efetivo da guarda municipal para manter a ordem pública em uma possível greve. Além disso, o gestor estará se reunindo com o Coronel da Polícia Militar para tratar das estratégias a serem tomadas pelo 15º BPM.


A reunião foi realizada pela ACI, com o apoio da Câmara de Dirigentes Lojistas – CDL de Itabuna, Sindicato do Comércio Varejista do Município de Itabuna – Sindicom. Estiveram presentes representantes do comércio, da indústria e do setor de serviços; O titular da 1ª Delegacia da Polícia Civil de Itabuna, Fábio Simões, representando a 6ª Copin e a imprensa.

Nenhum comentário: