DIGNIDADE

De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto. Rui Barbosa


FEIJOADA DO ALBERGUE BEZERRA DE MENEZES NA AABB, DIA 19 DE NOVEMBRO AO MEIO DIA. VALOR R$25,00 ADQUIRA O SEU BILHETE E CONTRIBUA COM QUEM PRECISA. TELEFONES (73) 3215-1511 E 9-8889-0991 E FAÇA UMA BOA AÇÃO!

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Iluminação pública ganhará reforço com nova licitação para prestação de serviço

Mais veículos, mais técnicos trabalhando e a modernização da iluminação pública de Ilhéus estão em curso devendo, em breve, ser restabelecida a normalidade do sistema, com mais qualidade e eficiência. A informação é do secretário municipal de Serviços Urbanos, Jorge Cunha. Ele explicou que uma nova licitação foi realizada e a empresa vencedora terá o prazo de dois meses para que a cidade – tanto na área central quanto nos bairros –seja totalmente atendida. 

Jorge Cunha lamentou que a empresa responsável pela reposição de lâmpadas e acessórios, contratada na gestão anterior, não tenha atendido aos requisitos estabelecidos no contrato, deixando aproximadamente 700 pontos sem iluminação, gerando constantes reclamações da população.


“Em janeiro fizemos uma fiscalização rigorosa do serviço prestado e constatamos que a empresa não estava atendendo a demanda do município, resultando numa lamentável deficiência dos serviços prestados pelo nosso governo, provocando diversas notificações”, afirmou Cunha.
  
Agora, animado e confiante com a proximidade da regularização do setor, o secretário anunciou que além da substituição de lâmpadas comuns por led, mais duradouras e econômicas, será feita a troca de postes e braços de luminárias danificados ou enferrujados.

Um projeto de iluminação cênica em áreas de grande interesse turístico e monumentos históricos arquitetônicos da cidade também faz parte do planejamento e está contemplado no novo contrato de licitação. 

Nenhum comentário: