terça-feira, 4 de abril de 2017

Pescadores e aquicultores de Itacaré participam de reunião de sensibilização

Pescadores e aquicultores de Itacaré, da sede e da zona rural, participaram na manhã desta segunda-feira, no Clube Pirajá, de uma reunião de sensibilização com os técnicos do Instituto Cátedra com o objetivo de organizar esse segmento econômico, facilitar o acesso às políticas públicas e agregar valor ao produto. O encontro foi promovido pela Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Agricultura, Aquicultura e Pesca e faz parte do programa do governo municipal de diversificar a produção, orientar os pequenos produtores e garantir a geração de mais emprego, renda e melhoria da qualidade de vida no campo e na cidade.


Durante o encontro os técnicos do Instituto Cátedra explicaram sobre a necessidade da organização dos pescadores e aquicultores para o fortalecimento desta atividade. Também foram fornecidas informações sobre saúde do trabalhador e conservação do meio ambiente, como agregar valor ao produto, qualidade do pescado e como vem sendo beneficiado, segurança alimentar e nutricional, estocagem do produto, além de ações relacionadas à organização social e manejo sustentável dos recursos naturais. Os participantes também tiveram a oportunidade de conhecer mais sobre o acesso às políticas públicas e financiamentos como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Pronaf.

O vice-prefeito de Itacaré, Genilson Souza, salientou que o município possui um grande potencial de pescados, mas para aumentar ainda mais a produção e conquistar outros mercados é preciso que os pescadores e aquicultores estejam cada vez mais organizados e capacitados. E esta vem sendo a política desenvolvida pelo prefeito Antônio de Anízio de buscar parcerias para garantir o fortalecimento dos pequenos agricultores e pescadores. A superintendente de Pesca de Itacaré, Josineide Nascimento, informou que a Secretaria de Agricultura vem desenvolvendo uma série de programas e capacitações e está aberta para todos que querem iniciar, aumentar e incrementar ainda mais as suas produções.

Logo após a reunião os técnicos do Instituto Catedra iniciaram o cadastramento dos pescadores e aquicultores para fazer o acompanhamento e fornecer informações. Durante dois dias os técnicos irão percorrer as áreas de produção do município, visitar e cadastrar os pescadores para verificar em cada local a situação, produção e manipulação dos pescados. O Governo da Bahia realizou a chamada pública e contratou o Instituto Cátedra para prestação de serviços de assistência técnica e extensão rural para pescadores e pescadoras artesanais, aquicultores e aquicultoras familiares de vários municípios baianos e em Itacaré, através de uma parceria firmada com a prefeitura, esse trabalho já está sendo iniciado.


Nenhum comentário: