domingo, 16 de abril de 2017

Desmatamento criminoso nos municípios de Coaraci e Almadina


 O desmatamento das florestas nos municípios de Coaraci e Almadina está com mais intensidade do que os demais municípios que formam a microrregião cacaueira do sul da Bahia; forte remanescente de um dos pedaços da castigada Mata Atlântica e muito importante para a manutenção dos nossos rios, especialmente, o Rio Almada que abastece alguns municípios importantes, desta região, inclusive Itabuna, que recentemente atravessou umas das suas piores crises hídricas da sua história.


No município de Coaraci, local onde passamos o feriadão da Semana Santa, tomamos conhecimento desse ilícito através de algumas pessoas do local, informando que estão usando até trator-esteira para destruir a mata, derrubando criminosamente as árvores, de preferencia “os jequitibás” que são jogados ao chão sem nenhum critério e perdão, destruindo todo o bioma.


Esse fato está acontecendo numa região conhecida como “lagoa de Dentro” há seis quilometro da sede do município.  Daqui apelamos para a fiscalização do IBAMA, ou seja, lá quem for para barrar essa ação de agressão à natureza.

A realidade é que existem vários outros desmatamentos naquela região, e quem está fazendo a destruição na “Lagoa de Dentro”- segundo apuramos - é um filho de um ex-prefeito, com a finalidade de transformar “a mata” em pastos para a criação de gado.


É lamentável, pois do jeito que a destruição está sendo feita, em breve todo o remanescente da Mata atlântica do sul da Bahia, não restará nenhuma árvore para contar a história. Vamos às ações senhores fiscais! Mas, pelo o amor de Deus não aceitem propinas, pois propina é corrupção! E, que as nossas matas continuem para o bem da humanidade, e manutenção de nossas matas, nossa fauna e flora, e dos nossos rios para o bem da vida.    

Nenhum comentário: