sábado, 11 de março de 2017

Respeito é a arma para empoderar a mulher, acredita delegada


Em palestra na Câmara de Vereadores, nesta quinta, 09, a delegada de Polícia Civil, Katiana Amorim, defendeu o empoderamento feminino. “A condição de mulher não é sinônimo de inferioridade”, ressaltou. Katiana acredita que o respeito é o instrumento mais eficaz para a mulher obter poder para si. “A mulher empoderada tem respeito por si, pela outra pessoa e pelos homens”.

Atenta à palestra, a morada do bairro de Nova Ferradas, Jaqueline de Jesus, relatou a luta por reconhecimento e respeito. Jaqueline, que joga num time de futebol feminino, conta que enfrenta resistência dentro e fora de casa. “Muitos incentivam, mas muitos tentam colocar a gente pra baixo. Só que o gosto pelo esporte fala maior que o preconceito”, pontuou em tom decidido.

Na mesma tarde, a psicóloga Cristiane Kalid palestrou sobre medidas de prevenção da saúde mental. As palestras promovidas pela Câmara fazem alusão ao Dia Internacional da Mulher. Na ocasião, em torno de 40 mulheres receberam cuidados estéticos (maquiagem, modelagem de sobrancelhas e penteado). Artistas do grupo Teatro Experimental Grapiúna divertiram a plateia.
Mais serviços


Nessa sexta, 10, funcionará o Mutirão da Mulher no Espaço Cultural Josué Brandão, sede do Legislativo itabunense. As mulheres terão acesso a serviços de saúde, assistência social e moradia. Os vereadores também participam de uma blitz direcionada ao público feminino em parceria com a Settran. As condutoras de veículo e motos abordadas serão presenteadas com uma rosa. 
Por - CO
fotos: Pedro Augusto Benevides
Assessoria de Comunicação Social

Nenhum comentário: