Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio natural. Não jogue lixo em seu leito.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

NEGÓCIOS COM ANGOLA: ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

NEGÓCIOS EM ANGOLA
LULA, TAIGUARA E MARCELO ODEBRECHT SÃO DENUNCIADOS PELO MINISTÉRIO PÚBLICO
MPF DENUNCIA LULA POR ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA A CORRUPÇÃO PASSIVA
Publicado: 10 de outubro de 2016 às 14:17 - Atualizado às 18:03
LULA É ACUSADO PELOS CRIMES DE TRÁFICO DE INFLUÊNCIA, LAVAGEM DE DINHEIRO, ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA E CORRUPÇÃO PASSIVA (FOTO:MONTAGEM/ AG CÂMARA, AG SENADO E WORLD ECONOMIC FORUM)

Do - Diário do Poder - O Ministério Público denunciou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta segunda-feira (10). Além dele, foram denunciados o sobrinho do petista Taiguara Rodrigues, Marcelo Odebrecht e outras nove pessoas.
Lula é acusado pelos crimes de tráfico de influência, lavagem de dinheiro, organização criminosa e corrupção passiva na Operação Janus, que investiga negócios suspeitos em Angola.

Taiguara, que tinha contratos milionários com a Odebrecht no país, foi denunciado por organização criminosa e lavagem de dinheiro. Já Odebrecht, foi denunciado por organização criminosa, lavagem de dinheiro e corrupção passiva.
Investigação
O petista teria beneficiado o sobrinho Taiguara Rodrigues por meio da Odebrecht em contratos na obra de ampliação e modernização da hidrelétrica de Cambambe, em Angola.
Há evidências de propina de R$ 20 milhões mascarada em contratos da empreiteira Odebrecht em Angola firmados com a empresa Exergia, cujo sócio era Taiguara. A PF concluiu que os contratos de Taiguara só aconteceram em razão do parentesco e das relações da empreiteira com Lula, além dos documentos que citam o próprio ex-presidente no negócio. Os valores atualizados chegam a R$ 30 milhões.
Taiguara ostenta em seu currículo atuação em obras de empreiteiras financiadas pelo BNDES no exterior na esteira da política de aproximação com países africanos durante os dois mandatos do ex-presidente Lula.

Nenhum comentário: