DIGNIDADE

De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto. Rui Barbosa


FEIJOADA DO ALBERGUE BEZERRA DE MENEZES NA AABB, DIA 19 DE NOVEMBRO AO MEIO DIA. VALOR R$25,00 ADQUIRA O SEU BILHETE E CONTRIBUA COM QUEM PRECISA. TELEFONES (73) 3215-1511 E 9-8889-0991 E FAÇA UMA BOA AÇÃO!

sábado, 30 de julho de 2016

MAIS UM TAXISTA MORTO EM ITABUNA

PRIMEIRO FOI O "TAXISTA DINHO", DA PRAÇA 01. DESTA VEZ, OUTRO TAXISTA MORTO FOI ENCONTRADO NO PORTA MALAS  DO CARRO, APÓS A FAZENDA PROGRESSO. O QUE É QUE ESTÁ ACONTECENDO COM ITABUNA? ABAIXO A VIOLÊNCIA!

O corpo de um homem foi encontrado, na manhã deste sábado (30), em um táxi Voyage, placa OZO 0491. O corpo estava no porta malas do carro, amarrado, 3km após a Fazenda Progresso, já na área pertencente a Ilhéus. VEJA MAIS SOBRE O ASSUNTO:

Os criminosos ainda tentaram incendiar o veículo, ateando fogo e fechando as portas. Parte interna do veículo ficou queimada, mas o fogo acabou apagando sozinho. Cápsulas de munição foram encontradas na localidade.
Acredita-se que o corpo possa ser do taxista James Silva do Nascimento, taxista da praça da Juracy Magalhães.

Segundo amigos, o taxista havia completado 63 anos na semana passada.

Atualizada

Os documentos de James foram encontrados revirados na cena do crime. E existe a informação de que, uma hora antes do corpo ser encontrado, parte dos documentos dele foram achados nas imediações do colégio Ciso.

Atualizada

Novas informações dão conta de que os assassinos, cerca de quatro, chegaram a atirar contra os seguranças da fazenda na noite de ontem (29). Isto, segundo os trabalhadores, aconteceu por volta das 23 horas,  possivelmente no momento em que se preparavam para executar o taxista. James foi morto com três tiros - um no queixo, um no abdome e outro no braço. A polícia acredita que a vítima tenha sido assassinada dentro do porta-malas do próprio carro.

O corpo do taxista foi removido agora para o Departamento de Polícia Técnica de Ilhéus.


Dinho Taxista é executado no Santa Inês


O taxista Josenildo Batista, de 58 anos, conhecido como “Dinho”, foi morto com vários tiros no bairro Santa Inês, na Rua de Mutuns. Segundo colegas da vítima, o assassino pegou a corrida na Praça 1, situada na José Bastos, onde Dinho trabalhava

Josenildo Batista da Silva (Dinho) tinha 58 anos. Trabalhava na Praça 1, próximo à FTC, no centro da cidade e morava na Rua "P" no Bairro Monte Cristo, por muitos anos.. Por volta das 11 horas desta quinta-feira (28), ele estava trabalhando. Passava pela rua de Mutuns, quando foi surpreendido por homens armados, que estavam num automóvel Sedan-prata, de placa não anotada. Os criminosos faziam sinal para Josenildo parar, até que ele, inocentemente, obedeceu. Em seguida, vários tiros foram ouvidos. Josenildo estava morto.

A esposa do taxista chegou ao local em poucos minutos. Desesperada, insistia para ver o corpo do marido, já dentro do rabecão do DPT. Populares e a própria polícia tiveram que acalmar a mulher e por isso não a deixaram ver o esposo morto, para evitar um choque maior.

Vítima já teria sofrido outro atentado
Ao Verdinho Itabuna, colegas de Josenildo relataram que ele não tinha envolvimento com o crime. Todos estão chocados com o assassinato do colega e amigo. Um detalhe nos chamou a atenção, enquanto tirávamos as fotos. Notamos no teto do táxi marcas de tiros. Mas, os colegas do taxista informaram que não eram as de hoje e sim de uns seis meses atrás, quando tentaram atacar o mesmo carro. Só não ficou claro se, na época, era o próprio Josenildo que estava no veículo.

Mais um crime a ser elucidado pela Delegacia de Homicídios, que já está com uma vasta lista de homicídios. Só este ano, foram 56 pessoas assassinadas. 

Informações do Verdinho e do plantaoitabuna.com.br

Nenhum comentário: