Lixo

Itabunense seja educado não jogue lixo na rua e nem no Rio Cachoeira. A Natureza agradece!

quinta-feira, 18 de junho de 2015

MOÇÃO DE PARABÉNS PARA VILY MODESTO

MOÇÃO DE PARABÉNS  AO COMUNICADOR VILY MODESTO 75 ANOS DE VIDA E TRABALHO POR ITABUNA E REGIÃO DO CACAU
Flagrante da foto: Mota, Vily Modesto, Vily Júnior, netos,
Vitória e Joselito. Ainda Paulo Lima e Adeildo Marques 
Através de solicitação do vereador César Brandão (pps) foi aprovado na Sessão Plenária de ontem (17), pela Câmara Municipal de Itabuna  "Moção de Parabéns" pela passagem dos 75 anos de idade do jornalista e radialista Vily Costa Modesto, comemorados hoje, 18.


A Moção foi votada por unanimidade em reconhecimento,também,  aos serviços relevantes do profissional de comunicação a Itabuna e região, durante cerca de 50 anos de rádio e jornalismo. Aposentado e residindo com seu filho e netos, a população pede o retorno de Vily Modesto, ao Rádio.

Sobre o assunto, em almoço festivo realizados hoje (18) na Churrascaria Gaucha,  a pedido também dos amigos, que lhe ofereceram o almoço  Vily Modesto ficou de ver a viabilidade do retorno. Segundo o jornalista Paulo Lima, Itabuna não pode ficar sem a voz de Vily;  "é um grande profissional, uma escola de todos nós".  PARABÉNS! 

Vily Costa Modesto a caminho dos 55 anos de rádio em Itabuna

Entrevista concedida a nós por Vily Modesto em 2010. Já foi publicada no Expressaounica e jornal Correio dos Municípios. Veja, resumo de sua história:
Hoje esse espaço pertence ao nosso já folclórico Vily Modesto com mais de 45 anos de rádio. Vily, para quem, não o conhece, é uma pessoa difícil, fechado e enigmático. Para quem o conhece e priva de sua intimidade, Vily é uma pessoa afável e sensível para com o problema de seu semelhante. Está sempre presente para prestar sua solidariedade e ajudar o amigo.
Nasceu em Itabuna/Ferradas
Quase como toda a população itabunense, Vily Costa Modesto é filho de pais sergipanos e nasceu no distrito de Ferradas (Terra de Jorge Amado), em Itabuna, em 18 de Junho de 1940, filho de Joaquim Costa Modesto e de Maria Alexandrina dos Santos. Divorciado, do enlace, nasceu o competente Vily Junior, hoje o responsável pelo setor comercial do Jornal A Tarde, em Itabuna, para todo o sul da Bahia.
Estudos
Vily Modesto estudou no famoso Colégio Chalub, passando depois pelo Celina Braga, de onde se transferiu para a Macro-Moderna Associação Brasileira de Ensino, estabelecimento onde concluiu o seu segundo grau e curso profissionalizante em Itabuna. Chegou a faculdade, mas não a concluiu.
Primeiro emprego
Tendo como professor, Joseph Kaufmann, da área de química, e um dos diretores da indústria, teve seu primeiro emprego na Helvécia Indústria de Cacau, localizada no Parque Hugo Kaufmann, no Bairro Jardim Vitória. E Vily já começou ocupando a chefia de laboratório, como analista das amêndoas e da manteiga do cacau, responsável também pelas assinaturas dos boletins, onde ficou por três anos, quando mudou de ramo, partindo para o rádio e o jornal.
Ingresso no rádio
Vily Modesto ingressou no rádio em Itabuna em 1967,através dos microfones da antiga Rádio Clube, (hoje Nacional) e depois foi para Rádio Difusora, a convite do então deputado Paulo Nunes. Em seguida,. atendendo convite de José Oduque Teixeira foi participar do quadro da Rádio Jornal de Itabuna. Naquela época, ao lado de profissionais como: Waldeny Andrade, Plínio de Almeida, Ariston Caldas, Raimundo Galvão, Marfisio Cordeiro, Hélio Fernandes, Carlos Spinóla, Curtney Guimarães, Ricardino Batista, Alex Kfoury, Gesil Sampaio, Gonzalez Pereira, dentre outros cobras do rádio itabunense, tornou-se uma das principais vozes dessa terra. A Emissora tinha como diretora comercial, já que a jornalística, pertencia a Waldeny Andrade, a ibicaraiense Marilene Santos,hoje segundo informações, pertencente ao quadro da Petrobrás, com sede em Salvador.
Rádio Jornal
Essa emissora, na época, tinha o padrão da Rádio Jornal do Brasil (Rio de Janeiro), com uma programação “Classe A”. Hoje com 44 anos de rádio, o radialista e jornalista Vily Modesto, após lançar o programa ”Órbita 70”, que contava com músicas selecionadas, noticiário e distribuição de brindes de patrocinadores, do comércio local: Óticas Teixeira, Doll Modas, Casas Pernambucanas, Supermercado Messias, Rosemblaite, Itacomcal e outros, mudou a sua marca para “Show Messias” e mais tarde “Programa Vily Modesto” sempre às 06:00 horas da manhã,
História do rádio
Dentro do rádio, Vily Modesto tornou-se amigo de vários artistas e cantores, entre eles, o rei Roberto Carlos, um dos grandes amigos que ganhou na carreira. Mas, na sua trajetória do rádio ele gosta mesmo é de lembrar dos concursos de beleza, para a escolha das “rainhas” e” garota verão”, quando reunia as mulheres mais bonitas e graciosas do sul da Bahia. Eventos que também contavam com a organização e participação do saudoso, colunista social, Adilson Cezimbra (Dikas) hoje na eternidade.
“Durma com Jô e acorde com Vily”
Devido ao seu horário, depois do lançamento do Programa do Jô, na madrugada, gerou o slogan “Durma com Jô e acorde com Vily”. Mas as coisas nunca foram fáceis. Vily passou por muitas dificuldades, mas sempre manteve um programa “alto astral”.
Atualmente, como todo profissional do rádio itabunense, quando os horários e os espaços do rádio são leiloados, Vily Modesto tem enfrentado adversidades, mas permanece firme com seu programa, que se tornou em um dos grandes líderes de audiências do rádio em todo o Sul da Bahia.
Jornal a Tarde
Ainda dentro da comunicação, Vily Modesto foi um dos pioneiros da instalação e desenvolvimento da Sucursal do Jornal A Tarde, de Salvador, para o sul da Bahia, em Itabuna, local onde prestou seus serviços por 29 anos, na função de Chefe da Sucursal do Sul da Bahia.
Participando do comércio
Além do rádio e do jornal, Vily Modesto sempre foi um dos grandes defensores para o desenvolvimento do comércio de Itabuna, com uma participação sempre ativa, iniciativa essa que lhe levou a ser presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna (CDL), e diretor da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna, a nossa centenária ACI, onde permanece até hoje no Conselho de Comunicação da entidade.
No Governo Paulo Souto, assumiu a sub-gerencia da SUDIC para a região, devido a sua grande amizade com o Senador ACM, que sempre teve “cadeira cativa” em seus programas de rádio. O que lhe levou também a ser diretor de turismo da Prefeitura Municipal de Itabuna, na gestão do Prefeito Fernando Gomes.
Itabuna & Região
Vily é um otimista. Sobre Itabuna ele diz que “Vejo a cidade com um novo surto de progresso, graças ao trabalho da iniciativa privada, principalmente. Quando a região, ninguém vai atrapalhar o desenvolvimento regional, porque ele já está consolidado”,. Acrescentando: “Eu, particularmente, acredito muito em Itabuna e Ilhéus, daqui a dez anos essa região será tudo aquilo que realmente todos nós sonhamos”.
Centenário de Itabuna
Ele finaliza afirmando que: “Desejo que Itabuna continue sempre agradando a todos que aqui nascem, e aqueles que chegam, e aqui produzem riquezas”.
Artigo publicado em 2010, no blog Expressaounica e no Correiodosmunicipiosba.blospot.com
FRASE DO MÊS:
“Uma cidade não só se faz de asfalto, arranha-céus, solo e cimento, mas, também dfe união, respeito ao próximo, alma e amor”
Texto Joselito dos Reis
Postado por Joselito dos Reis Santos às 7/26/2010 06:05:00 AM

Nenhum comentário: