Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

sábado, 8 de novembro de 2014

MULHER LUTADORA DE MMA DESFILA NUA SOB PROTESTO

TI-TI-TI » Últimas Notícias » Arquivo » Mulher desfila nua pelas ruas de Porto Alegre: assista ao vídeo

Mulher desfila nua pelas ruas de Porto Alegre: assista ao vídeo

"Não tenho a mínima condição de contar com o meu governo. Sem segurança, sem alimento, sem moradia. Então queria fazer um protesto pedindo para a presidente Dilma"
O caso gerou inúmeros vídeos e fotos em redes sociais. Confira o vídeo abaixo.
O caso gerou inúmeros vídeos e fotos em redes sociais. Confira o vídeo abaixo.
Uma jovem foi filmada caminhando completamente nua em meio a chuva por rua de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. A suposta ativista trafegava pela rua Pereira Franco, zona norte da capital gaúcha, na quinta-feira (6), da Terceira Perimetral até perto da Avenida Protásio Alves, onde foi detida pela Brigada Militar.

Ela foi encaminhada para posto de emergência psiquiátrica no bairro IAPI, onde foi internada. Até às 21h de quinta-feira, a polícia não havia conseguido contatar nenhum parente da mulher.

O caso gerou inúmeros vídeos e fotos em redes sociais, mostrando momentos diferentes da caminhada. Em um vídeo publicado no YouTube, a mulher explicou que a ação fazia parte de um protesto contra problemas sociais, como a falta de segurança pública.

Assista ao Vídeo:


"Não tenho a mínima condição de contar com o meu governo. Sem segurança, sem alimento, sem moradia. Então queria fazer um protesto pedindo para a presidente Dilma", reclamou enquanto caminhava. (Portal IG)

Imbassahy afirma que PSDB não faz acordo para proteger corruptos

Imbassahy:  “Nunca participaremos de acordos para esconder corruptos''.
Imbassahy: “Nunca participaremos de acordos para esconder corruptos''.

Em nota postada em sua página no Facebook, o deputado federal Antonio Imbassahy, líder do PSDB na Câmara, desmentiu a informação divulgada pela imprensa do Sul, segundo a qual o partido teria participado de um acordo com os governistas para que a CPI da Petrobras não convocasse políticos para depor. Segundo as informações da mídia sulista, no acordo seriam poupados Lula, Dilma e Aécio Neves.

“Nunca participaremos de acordos para esconder corruptos. O PT, mais uma vez, mente tentando nos associar a algo inaceitável, mas aos poucos a verdade vai sendo restabelecida”.

Para Imbassahy, o argumento usado não faz sentido. “O PSDB lutou muito pela CPI mista da Petrobras. Incomodamos tanto a quadrilha instalada nos governos Lula e Dilma na maior estatal brasileira que o Palácio do Planalto, ao ver que a CPI mista estava criada, inventou sua própria CPI chapa branca no Senado (aquela onde até as perguntas para os depoentes eram previamente combinadas)”.

O líder do PSDB na Câmara promete coletar assinatura para qeu a CPI volte a pleno vapor em 2015. "Após mais essa manobra do governo, já começamos a coletar assinaturas para que a CPI seja retomada logo no início do ano que vem e leve até o fim as investigações que agora tentam impedir".

EU E MAIS 51 MILHÕES DE BRASILEIROS NÃO SOMOS CULPADOS!

Para completar estelionato eleitoral, Dilma vai cortar as pensões das viúvas, mexer no seguro-desemprego e acabar com o PIS?

Uma das despesas que sofrerá cortes são as despesas pagas às viúvas, que tem um custo anual de cerca de R$ 90 bilhões. Além disso, Dilma estuda, como já anunciado neste blog, cortar o seguro-desemprego, os abonos salariais e o auxílio-doença, que somam outros R$ 70 bilhões anuais. Tudo isso para pagar a campanha da reeleição, que durou quatro anos. Ou seja: desde o primeiro dia que o poste do Lula subiu pela rampa do Palácio do Planalto.

O pacote fiscal em elaboração pelo governo Dilma contempla cortes de despesas já prometidos no passado e que não conseguiram interromper o aumento de gastos da União nos últimos anos --alguns foram até engavetados. 

Na lista estão seguro-desemprego, abono salarial, auxílio-doença e pensão por morte, despesas que, segundo disse o ministro Guido Mantega (Fazenda) nesta sexta (7), devem sofrer reduções a fim de aumentar a economia feita pelo setor público para pagar juros da dívida. 

Mantega, que não permanecerá no governo no segundo mandato de Dilma Rousseff, reforçou a política da presidente de fazer um ajuste fiscal gradual, sem cortes drásticos de despesas que possam comprometer a geração de empregos. 

Logo depois da eleição, a presidente Dilma admitiu que será necessário fazer cortes de despesas por causa da queda no superavit primário. Neste ano, o setor público não vai cumprir sua meta de economizar 1,9% do PIB. Até setembro deste ano, apenas o governo federal acumulou um rombo de R$ 15,7 bilhões em suas contas. 

Foi a primeira vez desde o Plano Real, lançado em 1994, que houve deficit primário no ano, ou seja, o governo teve de se endividar para fazer pagamentos rotineiros e das obras de infraestrutura. Apenas no mês de setembro, as despesas com pessoal, programas sociais, investimentos e custeio superaram as receitas em R$ 20,4 bilhões, o maior valor em vermelho para um mês. 

Segundo Mantega, as despesas com seguro-desemprego, abono salarial e auxílio-doença somam cerca de R$ 70 bilhões por ano. No caso das pensões por morte, são R$ 90 bilhões por ano. "Então, nós estamos trabalhando para reformatar essas despesas para que no próximo ano elas estejam em declínio, interrompendo uma elevação que tem ocorrido neste momento", afirmou. 

Não é a primeira vez que o governo acena com mudanças nas regras desses benefícios. No ano passado, o Ministério da Fazenda propôs aumentar o tempo mínimo de trabalho que o desempregado precisa comprovar para ter direito ao seguro-desemprego em caso de demissão. 

Foi sugerido também que o abono salarial --que hoje paga um salário mínimo aos cadastrados no PIS/Pasep que tenham trabalhado por pelo menos 30 dias e recebido, na média do ano, até dois salários-- passasse a ser proporcional ao número de meses trabalhado. As sugestões foram encaminhadas ao Palácio do Planalto, mas não avançaram. 

No caso das pensões por morte, o Ministério da Previdência já alertou para a importância de mudança das regras para limitar os pagamentos, mas nenhuma proposta foi formalizada pelo governo. Agora, o governo volta a mirar nessas despesas para tentar melhorar as contas públicas e recuperar sua credibilidade na área. O pacote fiscal em elaboração por Mantega deve ser anunciado apenas depois da viagem da presidente Dilma à reunião do G20 (20 economias mais importantes do mundo), nos dias 15 e 16.(Folha de São Paulo)

Estudantes alegam que perderam prova do Enem por causa da falta de ônibus

Candidatos chegam a local de prova para o primeiro dia do Enem 2014  Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Candidatos chegam a local de prova para o primeiro dia do Enem 2014 Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Candidatos justificam que a falta de ônibus no Distrito Federal (DF), motivada pela greve de uma das empresas que operam na capital federal, motivou o atraso e a consequente perda de horário para a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os participantes disseram que saíram cedo de casa e, mesmo assim, esperaram horas pelo transporte público. Para alguns candidatos, minutos fizeram a diferença e eles foram barrados nos locais em que fariam o exame.

"Não passou nenhum ônibus", diz a estudante Aline Emanuele que mora em Samambaia e chegou ao local de prova após o fechamento dos portõesMarcelo Camargo/Agência Brasil
Aline Pereira, 18 anos, chegou segundos após o fechamento dos portões. Correndo, a estudante mal conseguia respirar. "Não tinha ônibus, tivemos que pedir carona!", indigna-se. Aline mora em Samambaia (DF). Ela e a amiga, Bianca Moreira, 18 anos, colega de classe, contam que chegaram na parada de ônibus às 9h.

Interrupção do Projeto Viv-À-rte é tema de Sessão Especial na Câmara

Lançado em novembro do ano passado, o Projeto Viv-à-rte, instituído pela Fundação Marimbeta em parceria com a Secretaria de Esportes com a finalidade de oferecer atividades socioeducativas e culturais, que hoje atende a cerca de 4.900 crianças e adolescentes, foi tema de discussão na tarde da última quinta-feira (06/11), na Câmara de Itabuna.
Solicitada pelo vereador Antônio Cavalcante (PMDB), a Sessão Especial abordou como tema principal a importância do projeto coordenado pela gerente cultural Dayse Santos, recentemente interrompido em razão de um Decreto Municipal que transfere a gestão do programa para a Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC).

Doze pessoas morreram e 23 saem feridas do acidente com ônibus da Rota em Itapebi

O ônibus despencou da ponte do rio Jequitinhonha (Foto: Radar64/Reprodução)
O ônibus despencou da ponte do rio Jequitinhonha (Foto: Radar64/Reprodução)
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência de Eunápolis divulgou o saldo oficial do acidente com o ônibus da empresa Rota, que caiu da ponte sobre o Rio Jequitinhonha, na BR 101, em Itapebi, nesta sexta-feira, 7 de novembro: 12 óbitos; 23 pessoas resgatadas com vida. Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal em Porto Seguro.

A direção do Hospital Regional de Eunápolis informa que duas mulheres passageiras com ferimentos leves foram atendidas no pronto socorro do hospital e já foram liberadas; há dois casos de traumatismo cefálico cujos passageiros fizeram tomografias; 19 feridos ainda estão internados. Um passageiro foi atendido no hospital de Itapebi.

FESTIVAL DE VERÃO 2015

Maior Festival anual de música do país terá mais conforto, mais segurança,mais tecnologia e uma grade de atrações musicais turbinada
 Com uma estrutura renovada, novos espaços interativos e grandes encontros musicais, o Festival de Verão chega a sua 17ª edição, pronto para levar o público a vivenciar novas experiências sensoriais, sonoras e gastronômicas. Em 2015, o maior festival anual de música acontece 22 a 24 de janeiro, no Parque de Exposições de Salvador, reunindo tudo que há de melhor da estação mais quente do ano. Os ingressos já estão à venda, com condições especiais, nos balcões do Ticketmix dos shoppings Paralela, Iguatemi, Barra e Salvador, no telefone 4003-1212 ou através do site www.festivaldeverao.com.br.

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Promotores pediram para o governo da Bahia não pagar navios gregos, mas o governo pagou.

Na documentação que recomenda à Seinfra o não pagamento das parcelas finais do dinheiro à Happy Frontier, está, inclusive, cópia da reportagem do JORNAL DA MÍDIA de 9 de novembro, mostrando os documentos do governo grego sobre o valor real que os ferries
Na documentação que recomenda à Seinfra o não pagamento das parcelas finais do dinheiro à Happy Frontier, está, inclusive, cópia da reportagem do JORNAL DA MÍDIA de 9 de novembro, mostrando os documentos do governo grego sobre o valor real que os ferries "Zumbi dos Palmares" e "Dorival Caymmi" foram vendidos e depois repassados ao Governo da Bahia. A recomendação do MP é assinada pelos promotores Rita Tourinho, Patrícia Medrado Adriana Assis e Célia Boaventura.
O Ministério Público da Bahia recomendou, sim, à Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) que suspendesse o pagamento das duas últimas parcelas dos dois navios gregos adquiridos pelo Governo da Bahia, com sobrepreço de R$ 20 milhões, através da empresa portuguesa Happy Frontier (Divisão Feliz, em tradução livre), cuja sede em Lisboa é um salão de beleza. As parcelas representam 35% do total do negócio, que envolveu o montante de R$ 56 milhões.

Ou seja: os 35% representavam cerca de R$ 20 milhões, valor a mais que os navios foram vendidos à Bahia, de acordo com a documentação original expedida pelo Governo da Grécia e divulgada desde o dia 17 de setembro com exclusividade pelo JORNAL DA MÍDIA. Os dois navios foram vendidos pelos armadores gregos por 11,5 milhões de euros e repassado pela Happy Frontier aos baianos pela bagatela de 18 milhões de euros.

Reabertura do Restaurante Popular é comemorada por usuários em Itabuna


Na fila, ficha na mão, aguardando para almoçar um ensopado, com direito a pirão, arroz e muitos legumes, a doméstica Juvenilda Santos comemorava, junto com dezenas de pessoas, a reabertura do Restaurante Popular de Itabuna, que estava fechado devido à explosão de uma das caldeiras, sem vitimas, ocorrida há 15 dias. 

Com a reabertura, o restaurante voltou a servir mil refeições, de segunda a sexta-feira, por apenas R$ 2,00.

MORADORES DO NOVA ITABUNA FECHAM RODOVIA JORGE AMADO

PROTESTO NO VIADUTO HOJE PELA MANHÃ - POPULAÇÃO REIVINDICA A VOLTA DO POSTO DE SAÚDE DA RUA DE PALHA


Moradores do bairro Nova Itabuna resolveram, mais uma vez, interditar a BR-415, com paus, pedras e pneus queimados. A população reclama das obras prometidas para a localidade, não cumpridas pela prefeitura. Quem vai trabalhar no centro ou vice e versa está seguindo à pé, através do viaduto. Policias Rodoviária e Militar estão no local tentando negociar com os manifestantes que fecharam a rodovia por volta das 6 horas da manhã. A população adiante que só vai liberar a BR "quando o prefeito Vane aparecer". "Se não aparecer ninguém, vamos fazer pior", ameaçou um dos moradores.
Moradores revoltados protestam em busca de seus direitos, eles querem o posto de saúde da Rua de Palha de volta e tem que protestar mesmo, esse governo só funciona se tiver protesto. Quantos roubos esses caras fazem, quantos desvios eles fazem para beneficiar eles? E o povo Ó... Já virou uma coisa rotineira nessa DEZGESTÃO de Vane os protestos contínuos. Fotos Ednaldo Pinto

Senadora Gleisi Hoffmann (PT) recebeu R$ 1 milhão, afirma doleiro Youssef .

O dinheiro para Gleisi Hoffmann (PT-PR)  foi entregue dentro de um shopping (Foto: Agência Senado).
O dinheiro para Gleisi Hoffmann (PT-PR) foi entregue dentro de um shopping (Foto: Agência Senado).
O doleiro Alberto Youssef disse em depoimento ao Ministério Público Federal que deu R$ 1 milhão à campanha que elegeu Gleisi Hoffmann (PT-PR) ao Senado, em 2010. Gleisi foi também chefe da Casa Civil no governo da presidente Dilma Rousseff entre junho de 2011, quando Antonio Palocci deixou o cargo, e fevereiro deste ano.

Segundo o doleiro, o montante foi entregue em quatro parcelas, em espécie, ao dono do shopping Total de Curitiba, Michel Gelhorn. Três das parcelas foram entregues no próprio shopping, de acordo com Youssef.

O empresário é sócio do apresentador de TV Carlos Massa, o Ratinho, em outro shopping em Curitiba, o ParkShopping Barigüi. O depoimento do doleiro foi prestado aos procuradores que atuam na Operação Lava Jato, no acordo de delação premiada que ele fez.

Costa confirmou que uma anotação que havia num de seus cadernos apreendidos pela Polícia Federal ''era uma referência cifrada a essa doação''. (Folha de São Paulo).

Petrolão: delação premiada de empresário causa espanto


CLÁUDIO HUMBERTO
Os depoimentos do empresário Júlio Camargo à Justiça Federal, sob delação premiada – garante fonte ligada às investigações – fazem parecer irrelevantes as revelações do ex-diretor Paulo Roberto Costa e do megadoleiro Alberto Youssef sobre o esquema que roubou a Petrobras. Ele não é apenas um executivo da japonesa Toyo Setal, responsável por depósitos no exterior depois convertidos em propina para políticos: “ele é o coração do esquema de corrupção”, diz a fonte.

Figura central - O MPF acredita que Júlio Camargo protagonizou a formação de cartel de grandes fornecedores da Petrobras que alimentaram o Petrolão.

O articulador - Júlio Camargo é mais que um “executivo”, como tem sido chamado. Ele seria, para os investigadores, líder e articulador do esquema corruptor.

No olho da mosca - Ao propor delação premiada, Júlio Camargo mostrou que a Operação Lava Jato atingiu em cheio o esquema de corrupção na Petrobras.

Rios de dinheiro - Milionário apaixonado por cavalos, Júlio Camargo é conhecido por levar seus “puro sangue” para competições em aviões climatizados. (Coluna de Cláudio Humberto)
Do - jornaldamidia.com.br