Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

sábado, 1 de novembro de 2014

Aécio: o Brasil perdeu o medo do PT.

ÁBADO, 1 DE NOVEMBRO DE 2014

Aécio, sem do medo do PT.

Pelo telefone, a voz de Aécio Neves em nada se parece com a do candidato vencido que, no domingo, ao assumir a derrota, discursou em tom abatido por pouco mais de dois minutos. O timbre mudou — é de novo o de alguém em combate. De sua fazenda em Minas Gerais, o tucano falou a VEJA sobre os erros da campanha, os planos para o futuro e o novo país que ele acredita ter saído destas eleições.

O senhor saiu desta eleição com a maior votação que um candidato do PSDB já teve no segundo turno, o apoio de 51 milhões de brasileiros e o título de “líder natural da oposição”. Como pretende usar esse patrimônio?
Pretendo usá-lo para cumprir minha parte no que será a missão do nosso partido a partir de agora: ser a voz e o sentimento de mais de 50 milhões de brasileiros que demonstraram com a contundência do voto que estão cansados da incompetência e dos desvios éticos desse grupo que está no governo. Desvios éticos que na eleição ficaram ainda mais patentes como o modo de ser deles. O uso despudorado da máquina pública e o terrorismo com que o PT intimidou os eleitores são manifestações de uma mesma visão de mundo, a de que eles são donos do país e podem fazer impunemente tudo o que quiserem. Essa violência não tem paralelo na nossa história democrática. Foram cruéis com os eleitores ao mentir descaradamente para eles. Na baixeza para com seus adversários, o PT estabeleceu também um novo e degradante patamar. Primeiro o Eduardo Campos e depois a Marina Silva foram tratados não como adversários políticos com visões diferentes das deles. Foram tratados como inimigos da humanidade, como seres humanos moralmente defeituosos, maus e insensíveis. Uma eleição ganha dessa maneira diminui o Brasil perante o mundo e perante nós mesmos. A torpeza de métodos do PT depois se voltou contra mim com toda a força, o que me fez pensar com mais carinho em Eduardo e Marina, pessoas decentes, figuras públicas com contribuições sociais extraordinárias para o povo brasileiro, destroçadas sem dó pela máquina do PT. Mas essa campanha produziu um avanço importante. Enquanto o PT envenenava o horário eleitoral, surgia nas ruas uma reação espontânea de resistência cívica popular. As pessoas retomaram as ruas, redescobriram a coragem. Finalmente, depois de tantos anos, o Brasil perdeu o medo do PT.

Esse sentimento cívico que o senhor despertou vai durar quanto tempo?
A vitalidade que esta campanha injetou nas pessoas é uma força que não se dissipará facilmente. Ela vai nos manter unidos. Esse Brasil sem medo do PT vai ser percebido logo pelo governo. A sociedade está muito mais atenta, vigilante e serenamente imune ao discurso raivoso dos petistas. A oposição saiu revigorada desse processo. Estou pronto para assumir meu lugar nela.

Sem trégua nem lua de mel, como disse o senador (e candidato a vice na chapa tucana) Aloysio Nunes?
Os 51 milhões de brasileiros que se puseram na oposição nas eleições esperam que seus representantes no Congresso sejam vigilantes e firmes. Que se oponham ao governo, e não ao país. Seremos firmes porque nossos eleitores reprovaram nas urnas os métodos do PT, sua visão de mundo, seus desvios éticos, a forma como compõe o governo e a forma como governa. Não vamos permitir que o governo desvie a atenção dos brasileiros do maior escândalo de corrupção da nossa história, o da Petrobras. (parte da entrevista concedida para a Veja)

Vamos falar sério, gente?

No post anterior, tentei mostrar que houve vazamento para ambos os lados. No entanto, entram comentaristas postando alucinadamente que o Luiz Greenhalgh sabia antes do final das apurações e que isso é uma prova incontestável de fraude. Não é! O Danilo Gentili postou exatamente na hora em que Aécio Neves atingia seu pico que o tucano havia vencido a eleição. Uma hora antes do advogado petista, gente! Ei mesmo postei no twitter, baseado em fontes que estavam monitorando os resultados sabe-se lá como, que Aécio estaria praticamente eleito. É óbvio que Gentili tinha a sua "fonte quente". Eu também tinha! Quebramos a nossa cara! Olhem os horários das postagens. Nós corneteamos quando estávamos vencendo. Eles cornetearam quando souberam dos resultados. Vamos parar de dizer bobagens para não sermos desqualificados! Que se reúnam evidências concretas para comprovar que houve fraude. Segue, abaixo, prints dos tuítes com destaque para os horários em que foram postados. Este blogueiro não queria publicar isto, mas não quero que gente boa faça papel de bobo. 








sexta-feira, 31 de outubro de 2014

PROTESTO EM ITABUNA CONTRA O IPVA

Proprietários de veículos automotores, em Itabuna, neste momento fecharam a Avenida da Cinquentenário, no centro da cidade, trecho Praça Adami/Agencia do BRADESCO, em manifestação,  porque muitos deles não puderam efetuar o pagamento do IPVA devido ao sistema estar  fora do ar e, hoje, ser o último dia do prazo para o  pagamento  do imposto.

"O protesto continua até que um responsável do DETRAN, garanta o pagamento sem juros, além de um maior prazo", declara um dos manifestantes. Como estão pleiteando os diversos proprietários de carros e motos.  Mesmo, o protesto sendo pacifico com a presença da policia de transito, alguns empresários se sentiram prejudicados devido as quedas das vendas,por mais de três horas. O protesto continua, com a cobertura da policia, mantendo a ordem.    

Para comprar a reeleição, Dilma afunda o Tesouro na pior dívida dos últimos 20 anos.

O governo Dilma Rousseff gastou além de sua arrecadação pelo quinto mês consecutivo, e o Tesouro Nacional agora acumula até setembro um deficit inédito em duas décadas. No mês passado, as despesas com pessoal, programas sociais, investimentos e custeio superaram as receitas em R$ 20,4 bilhões, o maior valor em vermelho já contabilizado em um mês. Com isso, o resultado do ano passou de um saldo fraco para um rombo de R$ 15,7 bilhões. 

Em outras palavras, o governo federal teve, de janeiro a setembro, deficit primário, ou seja, precisou se endividar para fazer os pagamentos rotineiros e as obras de infraestrutura. Nas estatísticas do Tesouro, é a primeira vez que isso acontece por um período tão longo desde o Plano Real, lançado em 1994 -os dados anteriores são distorcidos pela hiperinflação e não permitem comparações apropriadas. 

A deterioração das contas federais começou em 2012, quando o governo acelerou seus gastos na tentativa de estimular a economia, e o descompasso entre receitas e despesas se agravou neste ano eleitoral. As primeiras, prejudicadas pela debilidade da indústria e do comércio, tiveram expansão de 6,4% até o mês passado; as segundas, de 13,2%. 

A escalada dos gastos neste ano é puxada pelos programas sociais -especialmente em educação, saúde e amparo ao trabalhador- e pelos investimentos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). O desequilíbrio fiscal produziu um círculo vicioso na economia, ao elevar a dívida pública, alimentar o consumo e dificultar o controle dos preços. Com credores mais temerosos e inflação elevada, o Banco Central precisa manter juros altos, comprometendo ainda mais o crescimento da economia e a arrecadação. 

Passadas as eleições, o mercado aguarda o anúncio de medidas para conter despesas e elevar receitas. As alternativas à disposição do governo, porém, não são animadoras. Cerca de três quartos do Orçamento são ocupados por pagamentos obrigatórios, como salários, repasses ao Sistema Único de Saúde, benefícios previdenciários e assistenciais. Por isso, as vítimas preferenciais dos ajustes são as obras públicas, das quais o país precisa para enfrentar as deficiências da infraestrutura. 

Um aumento de impostos elevaria ainda mais a carga tributária do país, a mais alta do mundo emergente ao lado da argentina -e criaria um desgaste político adicional para uma presidente que acabou de passar por uma reeleição apertada.(Folha de São Paulo)

Cidades investem em fiação elétrica subterrânea


Conceito já está presente em residenciais Alphaville e em outras regiões nobres, aliando estética, mais segurança e menor custo de manutenção

Algumas das principais cidades brasileiras vêm aderindo a um projeto visando a melhoria do paisagismo, maior segurança para os moradores e redução de custos de manutenção do sistema de energia. É a adoção da fiação elétrica subterrânea, uma realidade em muitos países desenvolvidos e também presente em vários residenciais Alphaville, no Brasil. Neste conceito, a rede de transmissão de energia é elétrica é toda colocada em galerias abaixo do solo, assim como as redes de água e esgoto.

Prefeito envia à Câmara anteprojeto de lei para municipalizar o trânsito


O prefeito de Canavieiras, Almir Melo, vai enviar Anteprojeto de Lei para a apreciação da Câmara Municipal com o objetivo de celebrar convênios com a União e o Estado, no sentido de municipalizar o trânsito. O anteprojeto prevê, ainda, a criação da Diretoria de Trânsito (Ditran) e da Junta Administrativa de Recursos de Infração (Jari), ambas vinculada à Secretaria Municipal de Obras e Transportes.
Dentre as competências da Ditran estão fazer cumprir e fazer cumprir a legislação e as normas de trânsito, no âmbito de suas atribuições; planejar, projetar, regulamentar e operar o trânsito de veículos, pedestres e animais, e promover o desenvolvimento da circulação e segurança de ciclistas; implantar, manter e operar o sistema de sinalização, os dispositivos e equipamentos de controle viário.

Rombo leva governo da Bahia a suspender férias de servidores e contratos

Wagner baixa novo decreto para tentar segurar o déficit
Wagner baixa novo decreto para tentar segurar o déficit
O governador Jaques Wagner determinou a suspensão da celebração de novos contratos de prestação de serviços, a compra de bens e, ainda, o adiamento das férias dos servidores que estavam marcadas para dezembro deste ano.

É o que informa nesta sexta-feira (31) o jornal Correio em seu site. O decreto do governador foi publicado quinta-feira (30), no Diário Oficial, e tem como objetivo realizar o "controle do gasto" para fechar as contas do governo.

Citando nota da Secretaria da Fazenda, o site informa que "as contas do governo estão em equilíbrio fiscal, situação que será mantida no encerramento do exercício". Ainda segundo a nota, o decreto "reúne medidas de praxe em uma transição de governo".

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Câmara de Ilhéus propoe a elaboração de Plano Integrado de Segurança Pública

Várias autoridades militares e civis estiveram presentes na sessão especial sobre Segurança Pública realizada na tarde desta quarta-feira, dia 29, no plenário da Câmara Municipal de Ilhéus. O objetivo da sessão foi discutir os atuais índices de violência no município e definir, junto com as autoridades policiais e a sociedade civil organizada, ações que venham a fazer parte de um Plano Integrado de Segurança Pública. A ideia do propositor da sessão, o vereador Ivo Evangelista (PRB) é que esse plano seja executado em vários outros setores, além da segurança pública, como na educação e no esporte.

Ilhéus ocupa 5º lugar em número de beneficiários do CrediBahia

As linhas de crédito geradas pelo programa são fundamentais para o comércio, pois dá o suporte necessário para que os empreendedores possam ampliar os seus negócios.
 De acordo com o ranking dos 10 municípios do interior mais expressivos no Programa de Microcrédito do Estado da Bahia (Credibahia), estabelecido pela Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia), Ilhéus ocupa o quinto lugar no número absoluto e relativo de clientes, atrás de Teixeira de Freitas (1º), Barreiras (2º), Feira de Santana (3º) e Barra do Choça (4º). “Nosso propósito é estar entre os três primeiros no ranking em 2015 através dos empréstimos realizados pelo CrediBahia”, afirmou o secretário municipal de Desenvolvimento Social, Jamil Ocké.  

Sessão especial debate tratamento de feridas de difícil cicatrização

Médicos com especialidades em diversas áreas participarão, na próxima terça-feira (4), na Câmara de Vereadores de Itabuna, de uma sessão especial que discutirá o tratamento de feridas de difícil cicatrização. A sessão foi proposta pelo vereador Aldenes Meira (PCdoB), que aponta a existência de um grande número de itabunenses necessitando de melhor assistência para restabelecer a saúde.
De acordo com o vereador, o sistema de saúde em Itabuna ainda não oferece atendimento adequado para tais pacientes. “Por isso convocamos essa sessão, procurando reunir todos os segmentos envolvidos para achar soluções que garantam às pessoas que possuam feridas de difícil cicatrização um tratamento profissional e eficaz”, observa Aldenes.

Sistema de abastecimento de água começa a se normalizar em Itabuna

As chuvas que começaram a cair na região desde quarta-feira têm contribuído para que a Emasa mantenha o ritmo normal no sistema de abastecimento de água em Itabuna. A vazão de captação de água dos rios do Braço e Cachoeira,  havia diminuído sensivelmente em função da seca prolongada, comprometendo o abastecimento em toda a cidade começa a voltar ao normal. 

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Associação Cacau Sul Bahia conclui a Indicação Geográfica nesta sexta-feira 31

Uma vez autorizada pelo Instituto Nacional de Patentes Industriais (INPI), a IG- Cacau Sul da Bahia será um certificado que agregará valores ao preço do fruto e dos seus produtos finais; e os agricultores e/ou empresários poderão utilizá-lo nas embalagens, indicando a qualidade do produto do sul da Bahia.
 As entidades associadas à Associação de Cacau Sul Bahia concluem nesta sexta-feira, dia 31, todos os procedimentos necessários para o depósito da documentação e solicitação de reconhecimento da IG - Cacau Sul da Bahia junto ao Instituto Nacional de Patentes Industriais (INPI), órgão vinculado ao Ministério da Indústria e Comércio, com reconhecimento internacional.  O processo ocorre em assembleia e coquetel no Espaço Cultural Bataclan, a partir das 19 horas.

Divulgada programação de Missas para Dia de Finados

 A Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, através da Gerência da Necrópole, responsável pelo Cemitério Campo Santo, divulga a programação das Missas para este domingo, (2 de novembro), Dia de Finados, data dedicada à memória de todos os antes queridos. Todas as celebrações acontecem em palanque existente no interior do Cemitério Campo Santo .
Confira programação de responsabilidade da Diocese de Itabuna.
 “Morto amado nunca mais deixa de morrer” – Padre Fábio de Melo
  
Horário
Paróquia responsável
Celebrante
07 horas
Nossa Srª da Conceição
Pe. Antonio Calazans
08 horas    
Stª Rita de Cássia        
Frei José Genilton
09 horas
Nossa Srª da Vitória
Pe. Alessandro Alves
10 horas
Senhor do Bonfim
Pe.Alberto Kruschewsky
11 horas
Nossa Srª da Peidade
Pe. José Grzywacz,CSsR
14 horas
Santa Mª Madalena
Pe. José Roque
15 horas
Nossa Srª Aparecida
Pe. Wesley do Carmo
16 horas
Santa Mª Goretti
Pe. Davi dos Santos
17 horas
Diocese de Itabuna
Catedral São José
Dom Ceslau Stanula
Pe. Moisés de Souza

Da assessoria

Câmara impõe derrota a Dilma e derruba projeto dos conselhos populares

BLOG DO JM » Últimas Notícias » Arquivo » Câmara impõe derrota a Dilma e derruba projeto dos conselhos populares
O líder do PSDB, Antônio Imbassahy (BA), comemora com parlamentares (Foto; Agência Câmara)
O líder do PSDB, Antônio Imbassahy (BA), comemora com parlamentares (Foto; Agência Câmara)
O governo perdeu a primeira votação na Câmara dos Deputados depois da reeleição da presidente Dilma Rousseff. A oposição obteve o apoio de partidos da base, como PMDB e PP, e conseguiu aprovar o projeto do líder do DEM, deputado Mendonça Filho (PE), que susta o decreto da presidente que criou a Política Nacional de Participação Social (Decreto 8.243/14). A decisão final será tomada pelo Senado, para onde seguirá o projeto (PDC 1491/14).

O decreto presidencial causa polêmica no Congresso desde junho. Até mesmo o presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves, já chegou a se pronunciar em Plenário contra a norma por considerar que ela invade prerrogativas do Congresso. Alves disse que a sessão que derrubou o decreto foi histórica e comemorou a “manifestação de altivez e democracia desta Casa”.

Apenas o PT, o PCdoB, o Psol e parte do Pros ficaram ao lado do governo e tentaram inviabilizar a votação com a apresentação de requerimentos – todos os demais partidos se uniram à oposição. Foram necessárias duas horas e meia de discussão para vencer a obstrução imposta pelos três partidos, mas o decreto presidencial acabou derrotado em uma votação simbólica.

A líder do PCdoB, deputada Jandira Feghali (RJ), minimizou o resultado. “Estou vendo uma certa alegria no Plenário pela possibilidade de derrotar o decreto, como se isso fosse uma derrota retumbante do governo, mas, depois da vitória retumbante da presidente Dilma, isso é uma coisa menor”, disse a líder. Para ela, o tema dos conselhos populares pode ser retomado em um projeto de lei.

Participação
O decreto que a Câmara sustou cria um sistema de participação chefiado pela Secretaria-Geral da Presidência da República. Estão previstos um conselho permanente; comissões temáticas; conferências nacionais periódicas; uma ouvidoria pública federal; mesas de diálogo; fóruns interconselhos; audiências e consultas públicas; e ambiente virtual de participação social.

A intenção é permitir que as entidades influenciem as políticas e os programas de governo e consolidar a participação como um método de governo.

Não agradou ao Congresso, no entanto, o ponto do decreto que dá ao secretário-geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, o poder de indicar os integrantes das instâncias de participação e definir a forma de participação.

Mendonça Filho disse que o projeto tem viés autoritário. “Impõe, via decreto presidencial, um modelo de consulta à população que é definido pelo Poder Executivo. É uma forma autocrática, autoritária, passando por cima do Parlamento, do Congresso Nacional, da Casa do Povo, de estabelecer mecanismos de ouvir a sociedade”, criticou.

Para o deputado Alceu Moreira (PMDB-RS), os conselhos criados serão comandados “da antessala da Presidência da República”.

Já o líder do PSDB, deputado Antonio Imbassahy (BA), disse que o decreto inverte a lógica da democracia representativa. “Com esse decreto, a presidente Dilma quer que a escolha dos representantes do povo seja feita pelo governo do PT”, disse.

Debate eleitoral
Durante a discussão, deputados do PT e do Psol disseram várias vezes que a oposição pretendia criar um “terceiro turno eleitoral” durante a votação do projeto para sustar o decreto de participação.

Para o líder do governo, deputado Henrique Fontana (PT-RS), o decreto apenas fortalece um conjunto de conselhos. “Ele melhora e amplia a participação da sociedade no controle da gestão pública”, declarou.

É o mesmo argumento do deputado Afonso Florence (BA), que é vice-líder do PT. “Não há uma linha sequer neste decreto que prove a subtração de prerrogativas do Legislativo. Ele fortalece a democracia, com a participação da sociedade civil, dos movimentos sociais organizados, setores empresariais, acadêmicos, instituições de pesquisa”, opinou.

Votação
Ao realizar votações na semana que sucedeu o segundo turno das eleições, o Plenário da Câmara quebrou a tradição das últimas eleições. Em 2002, 2006 e 2010, o Plenário só voltou a realizar votações na segunda semana depois do resultado das urnas.

MEDICO EDUARDO GALVÃO LUTA DESESPERADAMENTE PELA SOBREVIVÊNCIA

Nanda e Eduardo Galvão
Foi constrangedor ligarmos a televisão ontem (28) no programa "Balanço Geral" da TV Cabrália, apresentados pelo competente Tom Ribeiro e vermos as lágrimas de  Maria Fernanda (Nanda) preocupada com o estado de saúde do seu esposo e nosso amigo,o médico Eduardo Galvão. Foi realmente um quadro triste porque entrelinhas constatamos a falta de solidariedade humana dos Itabunense, com a questão, que é de vida ou morte! Dr. Eduardo Galvão, em São Paulo, já realizou procedimento de três transplantes de medula óssea.

O médico Eduardo Galvão que é um dos fundadores do Hospital de Base Luis Eduardo Magalhães   tem uma enfermidade rara e a todo custo luta para viver.Isso desde 2007, com intensivas viagem Itabuna/São Paulo/São Paulo Itabuna. Como ontem foi comemorado o dia de São Judas Tadeu, primo de Jesus Cristo e que morreu pregando a palavra de Deus, a machadadas. Considerado o Santo das causas impossíveis pode com o seu poder divino acolher as lágrimas da Nanda e devolver a saúde  ao seu esposo.   

Porque  com o ato esdruxulo  da UNIMED, quer não quer assumir  um débito de 16 mil reais  com o médico especialista em São Paulo, o tratamento de Dr. Eduardo Galvão pode ser interrompido, e pelo seu grande trabalho salvando vida em Itabuna, desde a fundação do  Hospital de Base e outras casas de saúde da  região, esse fato e desumano e não pode acontecer. Com a palavra toda a sociedade de Itabuna! Vamos ajudar Nanda e Eduardo Galvão, são pessoas dignas e pioneiras do dia a dia de Itabuna, Reconhecer e preciso, abandonar não é preciso!     

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Presidente da ACI destaca o papel da classe empresarial para o fortalecimento da política

Logo após o resultado das eleições de 2014, que encerraram neste domingo (26), com a reeleição da Presidente do Brasil, Dilma Rousseff, empresários de todo o país se manifestaram em prol de um novo rumo para a política econômica brasileira. Em Itabuna, a classe é representada pela Associação Comercial e Empresarial de Itabuna – ACI, que defendeu nesta segunda-feira, 27, em Reunião Ordinária, a maior participação dos associados na defesa dos interesses públicos.
O resultado expressou o grande sentimento de mudança, manifestado pela população brasileira e de acordo com o presidente Luiz Ribeiro, a classe empresarial não pode ficar omissa a este novo cenário da democracia no Brasil. “O momento é muito importante para avaliarmos a eleição, considerada uma das mais concorridas desde 1989, e é também uma oportunidade para fomentar ações visando o desenvolvimento da sociedade em geral”, revelou.

Paulo Lima, Val Cabral e Ricardo Xavier devem deixar o PMDB

Val Cabral
Paulo Lima
 Os comunicadores Paulo Lima, Val Cabral e o presidente do Itabuna Esporte Clube, Ricardo Xavier, devem deixar as fileiras do PMDB. Isto é o que ocorre nos bastidores da politicas itabunense.

Ricardo Xavier
 Estes importantes quadros da agremiação politica do falecido líder Ulisses Guimarães vão tomar rumos diferentes. Especula-se que Val Cabral irá filiar-se ao PSOL, enquanto Ricardo Xavier poderá filiar-se ao Solidariedade,partido que na Bahia ficará com o deputado federal Artur Maia, já que Xavier  deu em votos proporcionais ao referido deputado mais do que toda a estrutura do PMDB de Itabuna com seu candidato Pedro Tavares, que foi reeleito para mais um mandato na Assembléia Legislativa da Bahia.

 Em relação ao jornalista Paulo Lima, comenta-se que o mesmo irá esperar a reforma politica para uma posterior tomada de decisão para qual partido irá filiar-se. Perde assim o PMDB local importantes membros da sua estrutura administrativa e politica.     

Câmara presta homenagem ao Pr. Hélio Lourenço com logradouro público

 A Câmara de Itabuna aprovou durante a sessão ordinária desta segunda-feira, 27, uma homenagem póstuma ao Pastor da Igreja Batista Teosópolis, Hélio Lourenço, falecido em agosto deste ano.
De autoria do vereador Júnior Brandão (PT), e relatoria do vereador Carlito do Sarinha (PTN), o anteprojeto de Lei Nº 032/2014, denomina a praça do monumento da Saga Grapiúna, localizada na Av. Mário Padre (Beira Rio), com o nome do líder religioso.

Congresso Nordestino de Municípios está com inscrições abertas

Já estão abertas as inscrições para o Congresso Nordestino de Municípios. Com o tema “Oportunidades e Possibilidades para o Nordeste”, o evento será realizado em Salvador, entre dias 11 e 13 de novembro, no Centro de Convenções. A iniciativa é da União dos Municípios da Bahia (UPB), em parceria com as associações municipalistas do Nordeste e o Governo do Estado, através da Bahiatursa. Prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e técnicos da administração municipal podem se inscrever através do endereçohttp://www.identificasi.com.br/congresso/.

Salvador será palco de discussões sobre Povos e Comunidades Tradicionais

Embaixadores, autoridades brasileiras e representantes das comunidades tradicionais da Bahia, estarão reunidos em Salvador na próxima sexta-feira (31), das 8h30 às 13h, no Palácio da Reitoria da Universidade Federal da Bahia (UFBA), para uma audiência pública sobre Povos e Comunidades Tradicionais. 
O objetivo do encontro é discutir ações políticas que contribuam para a elaboração de um novo modelo de desenvolvimento que inclua as distintas visões de mundo e as práticas sociais dos povos e comunidades tradicionais do Brasil. Serão debatidos assuntos como identidade, território, cultura, educação, saberes tradicionais e sustentabilidade, entre outros.

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Impeachment de Dilma!

BLOG DO JM » Últimas Notícias » Arquivo » Atos organizados na rede Facebook pedem impeachment de Dilma

Atos organizados na rede Facebook pedem impeachment de Dilma

Dilma Rousseff no discurso da vitória, ontem. (Foto: Agência Brasil)
Dilma Rousseff no discurso da vitória, ontem. (Foto: Agência Brasil)
A reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT) tem motivado a mobilização, por meio das redes sociais, para protestos pedindo o impeachment da petista, com base nas denúncias de corrupção na Petrobras. As manifestações foram marcadas em São Paulo, Estado onde o adversário de Dilma, Aécio Neves, teve a segunda maior vitória: 64,31% dos votos válidos. Em Santa Catarina ele alcançou 64,59%.

O site do jornal O Estado de São Paulo relata nesta segunda-feira (27) que na rede Facebook, dois eventos mobilizam mais de 10 mil pessoas. Cerca de 12 mil confirmaram presença em um ato marcado para hoje, às 18h, no Largo da Batata, na zona oeste da capital. O ato pedirá o impeachment de Dilma e um “sistema de votação mais confiável”, segundo a descrição do evento.

A manifestação deve defender o voto facultativo, o voto impresso na urna eletrônica e a devolução do “dinheiro roubado” da Petrobras. O evento foi criado por um perfil chamado Mudança Já, que se apresenta como um “movimento apartidário por uma gestão pública eficiente, educação e cidadania”. Cerca de 14 mil pessoas confirmaram presença em outro ato, marcado para amanhã, na Avenida Paulista, também às 18h, com nome de “Impeachment da Dilma”. (O Estado de São Paulo)