Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Juiz mantém resultado das eleições da Câmara de Itabuna

Aldenes Meira, presidente
              O juiz Ulisses Maynard Salgado, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Itabuna, negou a liminar pleiteada pelo vereador Ruy Viscócio Góes Machado (PTB), que pedia a anulação da eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Itabuna. A decisão foi publicada nesta sexta-feira (19).
             Machado apontava supostas irregularidades no pleito, como a incineração das cédulas, que, segundo ele, teria ocorrido antes de um pedido de recontagem de votos formulado pela chapa derrotada. Com base nesse argumento, o juiz chegou a conceder parcialmente a liminar, determinando a suspensão dos efeitos da eleição da Mesa Diretora, mas após análise dos registros da sessão, em áudio e vídeo, ficou comprovado que a destruição das cédulas somente ocorreu depois de feita a recontagem e homologado o resultado.

             “Há registro de que a incineração foi realizada e divulgada ao final da sessão, indicando que não foi prévia à impugnação e recontagem, com conhecimento de todos os presentes”, observou o juiz em sua decisão, que revogou a suspensão determinada anteriormente.
             Com a improcedência da ação apresentada por Ruy Machado, fica confirmado o resultado da eleição da Mesa Diretora, para a qual foi reconduzido presidente o vereador Aldenes Meira (PCdoB). O presidente reeleito afirmou ter recebido a decisão “com tranquilidade, pois jamais tive dúvida de que disputamos um pleito legítimo e sem qualquer mácula”.
Da Assessoria de Comunicação Social | @ascom/www.cmv.itabuna.ba.gov.br

Nenhum comentário: