Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio natural. Não jogue lixo em seu leito.

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Sutran retira veículos abandonados da via pública em Ilhéus

Os proprietários de veículos abandonados que foram localizados pelo órgão já estão notificados para, no prazo de sete dias, retirarem seus veículos das ruas e avenidas de Ilhéus. Após este prazo, os veículos serão removidos para o pátio da 13ª Ciretran.

Considerando a existência de inúmeros veículos abandonados nas vias públicas da cidade, bem como nas portas de oficinas e estabelecimentos semelhantes, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), por meio da Superintendência de Transporte e Trânsito (Sutran), iniciou na última terça-feira, dia 3, uma grande operação para recolhimento dos mesmos. O secretário de Desenvolvimento Urbano da Prefeitura Municipal, Isaac Albagli, informa que todos os proprietários localizados já foram devidamente notificados para, no prazo de sete dias, retirarem seus veículos das ruas e avenidas de Ilhéus.
Albagli lembra que, após o prazo de sete dias, os veículos abandonados serão removidos para o pátio da 13ª Ciretran, sediada na rua Maria Luiza, no bairro do Iguape, na zona norte da cidade. “A partir desse ponto, serão adotadas todas as medidas administrativas previstas na lei”, completa o secretário.
Para a retirada do veículo apreendido, que, inclusive, poderá ir à hasta pública (leilão), o proprietário precisa fazer o pagamento das multas, do reboque e das diárias do pátio. “Se for o caso, aqueles que persistirem em não regularizar a situação poderão ter seus nomes incluídos na Dívida Ativa do Estado por atrasos no Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores, o IPVA”, alerta o superintendente de Transporte e Trânsito, capitão Eliezer Ribeiro.
Além de constituir uma infração prevista nos artigos 179, 180 e 181 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o abandono de veículos coloca a comunidade em risco ambiental e sanitário. “Com o passar do tempo, eles acabam se transformando em focos de ratos, mosquitos transmissores da dengue e diversos outros animais que prejudicam a saúde da população. Tudo isso sem falar no impacto visual negativo”, salienta o superintendente de Trânsito.

Da - Secretaria de Comunicação (Secom)

Nenhum comentário: