CARNAVAL DE ITABUNA

Não jogue lixo no Rio Cachoeira, ele é o nosso maior patrimônio natural.

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Camelôs são transferidos da Avenida do Cinquentenário

A maioria dos ambulantes que ocupavam os passeios da Avenida do Cinquentenário e transversais, no centro de Itabuna, já foi transferida pela Prefeitura para estandes na Praça Adami. Na manhã de ontem (18) fiscais da Secretaria da Indústria, Comércio e Turismo, a Guarda Civil Municipal e dirigentes da Associação dos Vendedores Ambulantes de Itabuna – AVI convenceram os últimos ambulantes a deixar o local.

            Após reunião na Secretaria da Indústria, Comércio e Turismo, fiscais e guardas civis municipais se deslocaram para a Avenida do Cinquentenário onde orientaram os vendedores ambulantes sobre a necessidade de cumprimento do acordo feito com a Prefeitura visando facilitar a locomoção dos pedestres, desobstruindo as transversais e garantindo o direito de ir e vir dos cidadãos.
            Durante a ação o comandante da Guarda Civil Municipal, Roberto Góes, disse que não houve dificuldade de entendimento com os ambulantes. “Estamos tendo êxito e a Prefeitura vai suprir todas as necessidades deles. Em torno de 90% dos ambulantes já haviam saído da Cinqüentenário, sem a necessidade de intervenção da Guarda Municipal” avaliou.
            O presidente da Associação dos Vendedores Ambulantes de Itabuna – AVI, Márcio Higino, acompanhou a ação dos fiscais e da Guarda Civil Municipal, tendo destacado a importância de concentrar as vendas em um só lugar. “Quando juntamos os camelôs em um único local garantimos nosso trabalho normal, sem problemas para transeuntes ou para os comerciantes no movimento de vendas do Natal” analisou.
            Márcio explica que, em parceria com o Sebrae e a Prefeitura, está sendo realizada uma campanha de conscientização dos ambulantes sobre as mudanças. Através de cursos se promove a qualificação dos ambulantes e a harmonia no trabalho com a sociedade.
            O dedetizador Antonio Gomes dos Anjos acredita que a mudança vai ajudar bastante na circulação de pedestres pela avenida. “O pedestre precisa de espaço, principalmente nessa época de festas. Com os ambulantes ficando em local específico vai facilitar para todo mundo” afirmou.
            Também de maneira positiva avaliou a aposentada Maria da Paz Santana, que encontrava dificuldades para caminhar pela Cinquentenário. “Era muito apertado. A gente passava espremida. Se todos saírem vai facilitar muito”. 
Já a estudante Jaqueline Pereira que, passa todos os dias pela avenida, destacou a necessidade de maior cuidado também por parte dos pedestres. “As pessoas se batem demais na gente. É preciso ter cuidado também, mas, com os vendedores indo para a Praça Adami vai ajudar muito mais”.
 Mudanças
 A Praça Adami recebeu mais oito toldos e terá iluminação especial no período natalino, além de shows musicais. Os ambulantes cadastrados pela Prefeitura e pela Associação dos Vendedores Ambulantes de Itabuna – AVI foram transferidos para lá até dia 31 de dezembro.
A partir do dia 2 de janeiro a maioria será transferida, temporariamente, para Rua Oswaldo Cruz, vizinho à Fundação Sesp. No próximo dia 6 de dezembro a Prefeitura realiza licitação para contratação da empresa responsável pelas obras do shopping popular.
Do - Departamento de Comunicação Social-Por: Naudielle Silva-Fotos: Pedro Augusto
Expressaounica:
Os taxistas da Praça 01 (João Pessoa) não aceitam a mudança, e estão em pé de guerra. Segundo um deles, os profissionais já estão ali, há mais de 30 anos, a troca da praça para a construção de um prédio para os camelôs, não é justo. "Itabuna está precisando e de espaço verdes  e, não retirar os que tem" dizem.
Eles esperam que o prefeito mude de opinião e escolha outro local e, que a praça seja construída de acordo  o projeto anterior, de urbanização da praça.

Nenhum comentário: