Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

FTC Itabuna entregou Mérito Educacional a 36 professores

Com a solenidade de entrega do Mérito Educacional 2012, a FTC Itabuna escreveu mais uma memorável página na história da educação grapiúna. Realizada no último 15 de outubro - Dia do Professor, a solenidade reuniu 36 educadores homenageados, além de seus familiares, ex-alunos e autoridades locais.
Ao justificar a realização da 2ª edição do Mérito Educacional, o diretor da FTC Itabuna, Cristiano Lôbo enfatizou a iniciativa visa registrar a importância dos professores grapiúnas e agradecê-los pelas valiosas contribuições à educação regional.
“Muitos já escreveram e continuam escrevendo suas histórias, ajudando a compor a matiz deste cenário que hoje temos orgulho de resgatar. Várias dessas histórias estão grafadas, outras permanecem nas memórias dos cidadãos desta região”.
“Com efeito, a trajetória da Educação nas cidades de Itabuna e Ilhéus perpassa por muitas contribuições de professores que imprimiram, ao fazer docente, mais do que um exercício profissional, e sim, um projeto de vida e de amor às terras grapiúnas”, contextualizou Lôbo.
Presente na solenidade, o secretário da Educação de Itabuna, Gustavo Lisboa parabenizou a iniciativa da FTC em institui o Mérito Educacional que, para ele, é algo inédito no estado da Bahia e, talvez, no Norte/Nordeste do País. “Hoje, este reconhecimento que é feito aos professores deixa de ser somente da Faculdade e passa a ser de toda a sociedade itabunense”, frisou.

Homenageados

Falando em nome dos homenageados, a ex-reitora da Uesc, Renê Albagli Nogueira, destacou paridade com a qual a FTC reverencia os educadores, colocando todos no mesmo patamar, independente do nível de atuação ou de títulos conquistados ao longo da carreira.
“Mas que valorização financeiro-monetária, o professor precisa ter reconhecida sua importância social, pois a ele compete à formação dos cidadãos, seja no contexto intelectual, cultural e, sobretudo, ético. É esse o testemunho e o reconhecimento que a FTC e a sociedade itabunense faz neste momento nos concedendo o Mérito Educacional”, ressaltou Renê Albagli.
Para a professora Eliabe Izabel Moraes, da Escola Pio XII, o Mérito Educacional FTC veio legitimar e valorizar o trabalho dos professores que na sua maioria se dedicam diuturnamente a levar crianças, jovens e adultos a verem na formação educacional o caminho para mudanças na vida emocional, afetiva e financeira.
“O professor nem sempre valorizado, encontra agora uma entidade que vê a sua importância para a formação de pessoas nas várias áreas do conhecimento e durante uma belíssima festa presta uma homenagem, através de uma escolha criteriosa dos professores que se destacaram pela seriedade, competência no seu fazer pedagógico", argumentou.
Na opinião da professora Maria de Lourdes Fontes Magalhães, o Mérito Educacional FTC inicia um novo tempo, derrubando tabus, resgatando e reconhecendo o papel do professor na formação dos cidadãos. “É uma luz que sinaliza às autoridades, entidades e a sociedade o quanto significativo é valorizar o educador, no exercício desta nobre missão”, disse a professora homenageada.

Nenhum comentário: