Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

sábado, 23 de junho de 2012

Cursos técnicos oferecem qualificação e mobilidade


Os alunos do CEEP realizam anualmente feiras de exibição
Dados do governo federal demonstram que a procura por escolas de ensino técnico profissionalizante tem aumentado nos últimos anos. Em Itabuna duas escolas técnicas da rede estadual já oferecem oportunidades para mais de 1.500 jovens que buscam uma qualificação profissional na região. Para se ter uma proporção da expansão do serviço, só na Bahia existem mais de 12 Centros Estaduais e 27 Territoriais de Educação Profissional criados pelo Estado com o objetivo de interiorização da Educação Profissional, possibilitando a formação e qualificação profissional dos jovens e trabalhadores.
Hoje, em Itabuna, um dos centros pioneiros em desenvolver o ensino técnico é o Centro Estadual de Educação Profissional em Biotecnologia e Saúde (Ceep), antigo Colégio Polivalente. Criado em 17 dezembro de 2009, o Ceep passou a integrar o novo perfil e  passou ofertar os cursos técnicos em: Enfermagem, Nutrição e Dietética, Biotecnologia,  Gerência em Saúde, e Segurança do Trabalho e tem hoje 900 alunos matriculados.
“A escola que atualmente funciona com três formas de articulação baseada na Educação Profissional Integrada (EPI)– para os alunos que concluíram a 8ª série, onde os cursos têm duração de 4 anos;  a subsequente, que se chama Pro sub, as quais os cursos possuem duração de dois anos e os alunos só ingressam na escola através de um sorteio eletrônico; e temos ainda o proeja, que é para o aluno que concluiu a Educação de Jovens e Adultos, ou tenha acima de 18 anos”, explica a Diretora Geral do Ceep,  Josonita da Silva Marinho.
A diretora explica ainda como funciona a forma de seleção para ingressar no ensino técnico. “Tem os alunos da matricula anual, cujo calendário é ofertado pela própria Secretaria da Educação do Estado no fim do ano letivo, e temos ainda as vagas que funcionam através de um sorteio eletrônico. As do sorteio pertencem aos alunos da articulação subsequente, são abertas no mês de outubro e novembro, ou seja, o aluno pode se inscrever de onde ele estiver, para isso é necessário que tenha CPF, pois eles são vinculados ao programa do governo federal, Brasil Profissionalizado. O aluno escolhe o curso e o turno que pretende estudar, faz o cadastro e aguarda o resultado do sorteio eletrônico. No ano passado, por exemplo, o sorteio foi realizado no dia 16 de dezembro”, exemplifica Josonita da Silva.
O Ceep este ano irá formar mais 137 profissionais, sendo boa parte deles da 1ª Turma de Técnicos em Nutrição Dietética. Para isso hoje possui uma nova estrutura de ensino composta por 39 professores efetivos e 16 específicos. “Nós aqui do Cieep estamos preocupados com os profissionais que iremos inserir no mercado de trabalho. Por isso podemos atender às necessidades do aluno que queremos formar, preparando-os para os desafios da vida moderna, criativo e consciente”, diz a diretora Josonita da Silva Marinho.
Todos os anos as vagas oferecidas são bastante disputadas, para se ter um ideia da procura, em 2011, 1.400 alunos disputaram as 30 vagas existentes para o curso de Técnico de Segurança do Trabalho.  O Ceep garante ainda para os estudantes o estágio que é obrigatório. “Aqui ainda garantimos o estágio para todos os alunos. Para isso temos alguns convênios com instituições da área de saúde e empresas da cidade. A demanda é grande e o curso técnico oferece um leque de oportunidades para os estudantes que acabaram de ingressar na área técnica.”, conclui a diretora geral Josonita da Silva Marinho.

Nenhum comentário: