Lixo

Itabunense seja educado não jogue lixo na rua e nem no Rio Cachoeira. A Natureza agradece!

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Ministro das Cidades chega ainda hoje em Itabuna

Mesa do encontro na Câmara
Para participar  de uma longa programação, inclusive do lançamento do Plano de Saneamento de Itabuna  e outras cidades da região, que já  está acontecendo na Câmara Municipal,  desde amanhã de hoje  pelos assessores do Ministério, o ministro Mário Negromonte, com atraso deverá chegar a Itabuna às 16 horas.
Presidente da Emasa, Bríglia e Secretários presentes
 Nesta cidade,o Ministro participará  ainda do encontro na Câmara, para sasinar a ordem de serviço desta cidade,  e também participar às 19 horas, da inauguração da nova sede do PP, seu partido, localizado no bairro Banco Raso. O comitê é um grande investimento do empresário Roberto (MinasAço) Barbosa.

Agora a tarde, o Ministro, Mário Negromonte participa do andamento do encontro na Câmara, em seguida faz uma vbistoria nas obras da nova Avenida Amélia Amado, um investimento de cerca de 13 milhões.

Obras, essa, que já vem sendo executadas há pouco mais de um ano, pelo Prefeito de Itabuna Capitão Azevedo.

Augusto Castro em Itabuna conversa com o Presidente do Clube do Poeta Sul da Bahia.


O deputado estadual (PSDB) Augusto Castro, participando hoje (11) no plenário da Câmara Municipal,  em Itabuna, do lançamento do Plano de Saneamento, do Ministério das Cidades, para este município e outros  do sul da Bahia,  atendeu o presidente do Clube do Poeta Sul da Bahia, Adeildo Marques visando o lançamento da “Antologia Centenária” com um número de 140 poetas  da região. Essa Antologia é uma alusão aos 100 anos de  Itabuna, completados  em 28 de Julho de 2010.

Adeildo Marques,  que  é um grande batalhador em defesa  da poesia grapiúna  ficou de encaminhar  o projeto  ao deputado, acreditando que o mesmo venha contribuir para o lançamento do livro, principalmente, pele motivo do deputado  ser filho da região e ter conhecimento  do potencial intelectual de Itabuna, onde muitos artistas, escritores e poetas  vivem  no ostracismo sem encontrar quem os apõem. 

”Acreditamos  na ajuda do deputado Augusto Castro porque ele também é um jovem de grandes ideais.  E só tem idéias quem é inteligente” diz o poeta Adeildo Marques.     

Foto Arquivo

MARCOS MAURÍCIO O INFERNO DA ROTA PARA UESC

A "Catanica" que leva os estudantes da UESC, trabalhadores rurais, Ceplaquenos, clientes e funcionários do Atacadão, Makro além moradores do Salobrinho e adjacências são tratados como animais pela Rota Transportes, que monopoliza praticamente todas as linhas da região Itabuna/Ilhéus
.
Espremido no fundo consegui com dificuldades um pequeno espaço para fazer um clic entre os mais de 100 passageiros numa furreca que mal cabem 50. Gritei em tom de brincadeira "SORRIAM!"... Ninguém achou graça.rsrsrs
.
Os ônibus que fazem o itinerário são velhos, alguns com mais de dez anos de uso. O tempo de espera são sofríveis 40 minutos. Tempo feliz em que esperávamos "apenas" 30 minutos. Para piorar, os cobradores USAM CAIXAS DE SAPATO para colocar a coleta de dinheiro
Alvo fácil para os ladrões que não passam mais o "constrangimento"  de verem a maior parte da renda dentro de um cofre, item extinto nos veículos. 

O cobrador (que também está em fase de extinção) vive aterrorizado, frequentemente tem que pagar todo produto do roubo para a empresa tirando do seu "gordo" salário
.
O combustível dos ônibus da Rota é enxofre

 

A EMASA NÃO SERÁ VENDIDA, AFIRMA GERALDO BRIGLIA !


Geraldo Bríglia participa da solenidade do Daniel Gomes
Em entrevista concedida ontem (10), às 13:40 ao programa  "De Olho na Cidade" da Rádio Jornal de Itabuna, o Presidente da Emasa, Geraldo Bríglia, repetindo o mesmo discurso do Prefeito Capitão Azevedo,  afirmou mais uma vez de que a Empresa Municipal de Águas e Saneamento - EMASA, não será vendida. 

Durante a entrevista ele informou que a situação financeira da empresa não é das melhores, mas que se está fazendo todo o esforço necessário para receber cerca de 15 milhões de reais de inúmeros devedores.

Disse ainda que, caso o consumidor inadimplente não regularize sua situação, a Emasa cortará o fornecimento de água, como forma de forçar uma negociação.

O Presidente Geraldo Briglia falou também sobre suas relações com o funcionalismo, assegurando que tem tratado direto com eles as reivindicações dos servidores, sem intermediários. “Encontros muito positivos”. 

Anunciou um aumento de 10 por cento ao funcionalismo, já concedido em outubro; a implantação de um Plano de Cargos e Salários e Plano de Saúde. Estes dois últimos prestes a serem implementados.
Veja o vídeo

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Prefeitura anuncia inicio de obras no Maria Pinheiro e Daniel Gomes


         Uma grande festa popular, com a participação de moradores, lideranças comunitárias, secretários municipais, dirigentes da Emasa e dos vereadores Clóvis Loiola, Raimundo Pólvora e Milton Cerqueira, marcou, na manhã desta quinta-feira (10), o lançamento pelo prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, das obras de infraestrutura, urbanização, pavimentação de 36 mil metros quadrados de rua e de construção de 280 habitações populares, com creche, quadras esportivas e centro multifuncional nos bairros Daniel Gomes e Maria Pinheiro. A obra será executada pela Oliveira Santana Construções Ltda., com um custo de R$ 16 milhões repassados através do Ministério das Cidades.

        Visivelmente emocionado pela recepção na comunidade, o prefeito Azevedo assinou a ordem de serviço e falou da alegria em investir na diminuição das desigualdades sociais e em priorizar as obras de interesse para a comunidade e que atendem justamente à população mais carente. Destacou ainda o apoio do ministro das Cidades, Mário Negromonte e dos deputados federais Luis Argolo e Roberto Brito, como aliados dos itabunenses.

        Ele destacou que apesar dos recursos limitados, o governo municipal também vem realizando obras com recursos próprios, a exemplo da avenida Pedro Jorge, com dois quilômetros de extensão e 100% financiada com recursos dos contribuintes: “No Maria Pinheiro e Daniel Gomes nós vamos substituir o esgoto condominial que não funciona por um saneamento convencional, que vai permitir a realização de obras de urbanização, com melhorias para a população que ganha diversos equipamentos comunitários”.

        Azevedo também criticou aos opositores do governo municipal, que têm votos em Itabuna, mas não trabalham em defesa da sua gente, “falam da violência e da mortalidade infantil, e não fazem nada para mudar este quadro, pelo contrário, retiraram a gestão dos recursos da saúde e prejudicam justamente à população mais carente, o que será retomado pelas vias judiciais através de uma ação iniciada pela Prefeitura Municipal”.

        Dizendo que sente uma energia muito forte entre os humildes e os mais pobres, Azevedo lembrou que prefeito não tem partido e sim a obrigação de trabalhar pelo povo, com um profundo compromisso de diminuir as desigualdades sociais e melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Prioridades
        O vice-prefeito Antônio Vieira destacou a política de governo que tem priorizado investimentos e ações voltadas para melhoria de Itabuna e da sua gente, com ênfase  para os mais carentes e direcionando as ações visando melhores condições de saúde e a área social. 

O secretário de Desenvolvimento Social, José Alencar destacou, que além dos R$ 16 milhões anunciados agora, o governo municipal negocia mais R$ 36 milhões para investimentos em infraestrutura urbana. Salienta ainda, que chegou em Itabuna há oito meses e pode testemunhar o empenho do prefeito Azevedo na captação de recursos para obras que mudam a fisionomia da cidade.
        Anuncia que o município está cadastrado para obter junto ao Ministério da Integração Nacional R$ 150 milhões para investimento em saneamento e infraestrutura urbana, além de negociar mais R$ 36 milhões junto ao Ministério das Cidades também para investir nos bairros da periferia e carentes de urbanização.

        O presidente da Emasa, Geraldo Briglia, falou do prazer de subscrever mais uma ordem de serviço para uma obra que vai se refletir na melhoria da saúde da população, com investimentos em mais de oito mil metros de rede esgoto nos dois bairros, que também vão ganhar 36 mil metros quadrados de pavimentação e infraestrutura básica, além de moradias populares.
Opiniões

        A líder comunitária Maria Luzia de Araújo, conhecida como Zefa, que preside a Associação de Moradores do Daniel Gomes, agradeceu ao prefeito Azevedo pela realização das obras anunciadas agora e que corrigem os 35 anos de abandono vivenciados pela comunidade, “atendo as nossas reivindicações e tornando realidade o que era um sonho”.

        A moradora Damiana Santos não só elogiou as obras que serão realizadas no Daniel Gomes e Maria Pinheiro, como também “um prefeito que cumpre a sua promessa e é um homem de palavra, comprometido com a população mais carente e que vive na periferia. Agora sei que não vamos mais andar com os pés na lama”, finalizou.
       

Ficha técnica da obra:

1. Obras de Infraestrutura
       Pavimentação.................. 36.000 metros quadrados
       Esgotamento Sanitário......   8.000 metros
       Drenagem Pluvial
       Contenções
       Recuperação Ambiental

 Por; Kleber Torres

 Azevedo recebeu Comissão  pela implantação da Ufesba 
 
        No final da manhã desta quinta-feira (10), o prefeito de Itabuna, José Nilton Azevedo Leal, acompanhado de secretários e assessores municipais, recebeu em seu gabinete do Centro Administrativo Firmino Alves, os professores Luiz Rogério Bastos Leal, Joana Angélica Guimarães da Luz, e o chefe de gabinete da reitoria da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Fernando Rego, que integram a Comissão do Projeto de Criação da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFESBA), cuja sede será neste município.

        A reunião com o prefeito Azevedo antecedeu a Audiência Pública realizada na tarde desta quinta-feira, quando a comissão debateu com os representantes de diversos segmentos da sociedade civil organizada os primeiros passos para a implantação da nova Universidade Federal, que também terá campi nas cidades de Porto Seguro e Teixeira de Freitas, no Extremo Sul do estado. 

Segundo o chefe da Comissão, professor Luiz Rogério, o primeiro contato com o governo municipal é de uma importância singular já que a Prefeitura tem um papel preponderante no processo de implantação, inclusive na definição e doação da área onde será construído o campus sede da UFESBA.

“Essa interlocução com o chefe do executivo itabunense é, na verdade, um marco referencial neste processo inicial de discussão para a criação da Universidade Federal do Sul da Bahia, já que é o governo municipal é o responsável pela infraestrutura urbana, pelo  sistema de transporte da cidade e tem conhecimento para indicar qual a melhor área onde deverá ser implantado o campus, considerando os aspectos técnicos e logísticos”, contextualizou o professor.

Por sua vez, o prefeito José Nilton Azevedo Leal revelou que a criação da Universidade Federal tem gerado uma expectativa bastante positiva na comunidade do Sul da Bahia. O prefeito assegurou aos membros da comissão que a Prefeitura dará todo o apoio necessário ao processo de elaboração do projeto, inclusive disponibilizando para análise técnica todas as áreas disponíveis no município, que podem ser viáveis a implantação do campus local. 

“A vinda da Universidade Federal do Sul da Bahia representa um avanço no desenvolvimento do município, inclusive já percebidos antes mesmos de sua implantação em definitivo. Portanto, iremos acompanhar passo a passo esse processo, apoiando todo o trabalho desenvolvido pela comissão”, disse Azevedo. 

O prefeito estava acompanhado dos secretários municipais Gustavo Lisboa (Educação), Fernando Vita (Planejamento), Carlos Leahy (Indústria e Comércio), Carlos Burgos (Governo), além da coordenadora de Articulação Política, Maria Alice Pereira; do controlador do município, Antonio Calhau; do coordenador do Procon, José Sidenilton; e do assessor de Planejamento da Secretária da Educação, Alan Farias.

Por:Erivaldo Bomfim – Foto: Pedro Augusto – 10/11/2011
www.itabuna.ba.gov.br 

Capitão Azevedo lança pacote de obras e discute implantação da UFESBA na FTC


Itabuna uma nova era com o Governo A Força do Povo
 Dentro de instantes, às 10 horas, o prefeito Capitão Azevedo estará no bairro Daniel Gomes (Rua de Fátima) lançando mais um pacote de obas para os bairros Daniel Gomes e Maria Pinheiro. Recursos de 16 milhões de reais.


A tarde, às 14 horas estará participando de um encontro no auditório da FTC, Praça José Bastos, debatendo o local para a implantação do Campus da Nova Universidade Federal (UFESBA). Para esse encontro com os diretores da UFBA, pede o comparecimento de todos os segmentos interessados.


Para amanhã, às 8 horas está programado um Seminário na Câmara Municipal de Itabuna para ser apresentado e discutido um Projeto de Saneamento para o município. 


Neste encontro o prefeito Capitão Azevedo também pede o comparecimento da comunidade itabunenses.      

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Seminário sobre Saneamento acontece dia 11 na Câmara Municipal de Itabuna


        O prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, vem elaborando com técnicos das Secretarias de Planejamento, de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e da Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa) a agenda de propostas a ser discutida no Seminário de Política e Ações de Saneamento Básico, que será realizado na sexta-feira (11), na Câmara Municipal de Itabuna.

O simpósio é promovido pelo Ministério das Cidades em conjunto com a Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste da Bahia (Amurc) e dirigido para gestores municipais e técnicos da área de desenvolvimento urbano. Também foi confirmada a presença do ministro Mário Negromonte, que participa de um encontro com prefeitos da região e assina o protocolo para implementação do Plano Municipal Saneamento de Itabuna.

        Entre as propostas apresentadas pela equipe da Prefeitura de Itabuna estão ainda os investimentos direcionados para infraestrutura urbana – o ministério já financia vários projetos em Itabuna -, além da implantação do sistema de saneamento básico e de micromedição domiciliar na rede de distribuição de água, visando a redução de perdas. Já a construção da barragem de reservação do rio Colônia será construída pelo governo do Estado.

        A programação do seminário será aberta às 9 horas, com as presenças confirmadas do ministro das Cidades, Mário Negromonte; do prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo; além do presidente da Amurc, Cláudio Dourado; da Câmara de Vereadores, Ruy Machado e do superintendente regional da Caixa, Luis Antônio de Souza, além de prefeitos da região.

Ainda no período da manhã será realizado um painel técnico sobre Política de Saneamento e Elaboração de Planos de Saneamento Básico, com a participação de técnicos do Ministério das Cidades, gestores municipais e equipes que atuam na área de planejamento e infraestrutura básica.

Gestores municipais e técnicos também participam no período da tarde de um outro painel sobre acesso aos recursos federais para saneamento básico, com ênfase para questões de elaboração e submissão de carta consulta, entrevista técnica para apresentação do projeto básico ou executivo no Ministério das Cidade, que faz o repasse dos recursos através da Caixa Econômica Federal.

A pauta do painel inclui ainda a questão do encaminhamento de propostas através do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse e o roteiro para a apresentação da documentação na Caixa Econômica Federal.

        O momento mais aguardado do seminário, segundo o presidente da Amurc, Cláudio Dourado, que é prefeito de Ibicuí, será a assinatura do Plano de Saneamento de Itabuna, uma experiência que pode servir de referência para outros municípios da região e o pronunciamento do Ministro das Cidades, orientando para a regularização de projetos municipais e solução de possíveis pendências de projetos em andamento. 
Mais R$ 16 milhões
 para os bairros Mª. Pinheiro e Daniel Gomes
Capitão Azevedo

       O prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, coordena nesta quinta-feira (10), às 10 horas, em companhia de secretários municipais e lideranças comunitárias, o início da segunda etapa das obras de infraestrutura e urbanização dos bairros Maria Pinheiro e Daniel Gomes, com um investimento previsto de R$ 16 milhões. 

A obra é financiada pelo Ministério das Cidades, com recursos repassados pela Caixa Econômica Federal e contrapartida de R$ 1,2 milhão pela Prefeitura Municipal, que elaborou o projeto executivo. Segundo Azevedo, as obras contemplam investimentos em urbanização, drenagem, esgotamento sanitário, contenção de encostas, construção de creche, quadra poliesportiva, centro multifuncional,parque,  além da recuperação ambiental de áreas degradadas. 

Naquela parte da cidade, a prefeitura também investe na construção de mais 280 casas populares, dentro de um projeto de erradicação de habitações em situação de risco, o que beneficia as famílias de baixa renda.

        Os novos investimentos no Maria Pinheiro e no Daniel Gomes irão assegurar a regularização fundiária de imóveis nos dois bairros. As obras têm conclusão prevista para um prazo máximo de 12 meses, de acordo com o cronograma da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur).

        Azevedo destaca que “a Prefeitura vem priorizando um elenco de obras para áreas consideradas mais carentes de infraestrutura e serviços públicos”. No caso do Maria Pinheiro e do Daniel Gomes, ele enfatiza que os serviços apontam para uma “efetiva melhoria da qualidade de vida da população da área”.
         
Por: Kleber Torres - Fotos: 9-11-2011

Novo semáforo na Princesa Isabel

 Oferecer maior segurança para motoristas e pedestres numa das áreas mais movimentadas do bairro São Caetano, a Avenida Princesa Isabel. Esta é proposta da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (Settran), ao implantar na última terça-feira (8), mais um conjunto de semáforo logo no início da avenida, após a Rótula Tancredo Neves. Com este, já soma três o número de semáforo na Princesa Isabel. 

O prefeito José Nilton Azevedo destaca que a vida das pessoas é o que há de mais sagrado, por isso ela deve ser cuidada e preservada. “E cabe a nós proporcionar maior proteção, segurança e bem-estar, que são direitos de todos os cidadãos”. 

A ação atende também à solicitação da comunidade, que é uma das prioridades do governo municipal, conforme lembra o titular da Settran, Wesley Melo.

Os moradores da área festejam a instalação do conjunto de semafórico no local e afirmam que a partir de agora o numero de acidentes irá diminuir ou até mesmo acabar naquela área considerada perigosa pelo grande fluxo de veículos e motocicletas que circulam diariamente. 

“Os idosos são as maiores vítimas de acidentes de trânsito nessa área” como ressalta o morador Paulo Menezes. Para a outra moradora, Thaís Souza “a faixa de pedestres não funciona sozinha, por isso a importância de um sistema de sinalização completo, porque os motoristas respeitam mais”.
Por: Thainan Nicácio – Fotos: Waldyr Gomes  
www.itabuna.ba.gov.br