Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

sábado, 16 de julho de 2011

THIAGO SILVA É NOVAMENTE POUPADO, MAS DEVE ENCARAR O PARAGUAI


Por:  Manoel Messias
(Rádio Nacional de Itabuna)


Com dores na coxa direita, o zagueiro Thiago Silva foi novamente poupado do último treino da seleção brasileira antes do jogo contra o Paraguai, no domingo, em La Plata, pelas quartas de final da Copa América. O jogador já havia ficado de fora do treino da última sexta-feira.
Thiago Silva foi titular nos três jogos do Brasil na primeira fase. Caso fique de fora da partida, Mano Menezes deve optar por David Luiz, do Chelsea. Outra opção para o setor é Luisão, do Benfica.

A MÃO QUE AFAGA


                                                                                               Dora Kramer/O Estado

Houve um tempo em que as coisas eram mais fáceis de distinguir: havia o PT na posição de guardião da ética; havia o PFL como sinônimo de fisiologismo; havia o PSDB na representação de “partido de quadros”; havia o PMDB no papel de pau para toda obra e havia as legendas-satélite que não contavam muito na ordem das coisas.

Hoje ficou tudo mais complicado: entraram novos personagens em cena com o inchaço de partidos como PTB, PP e PR, e a adesão geral à política de resultados (próprios) como objetivo central – para não dizer único – da atividade pública levou a uma mistura de papéis.

A boa notícia é que o maniqueísmo não serve mais como instrumento de análise sobre o comportamento de cada um. A má é que não se põe mais a mão no fogo por ninguém: o descrédito é a lei.
Por mais injusta que seja a generalização, convenhamos, está difícil compreender o cenário sob a perspectiva de uma escala tradicional de valores.

Tomemos como exemplo o último escândalo de corrupção no Ministério dos Transportes. Deu-se por encerrado o assunto com um coquetel oferecido pela presidente Dilma Rousseff no Palácio da Alvorada, onde ela fez “afagos” nos parlamentares aliados, notadamente ao PR.

Carinhos que consistiram em algumas frases sem maior significado – “vocês são muito importantes para o meu governo”, “as coisas passam, vamos para frente” – em troca da anuência em relação a demissões feitas a bem do serviço público e da declaração de que o partido continua “firme” com o governo.

O presidente do Senado, José Sarney, aprovou o método, admirou muito a competência da presidente para debelar crises.

O PT também respirou de alívio. Depois da turbulência Palocci, do ensaio da volta dos aloprados à cena e do desconforto com o parecer do procurador-geral da República pedindo a condenação dos réus do mensalão, senadores do partido sentaram-se para discutir o futuro em jantar na casa de Marta Suplicy.

A conclusão? A presidente precisa com urgência arrumar um jeito de driblar as crises com ações de propaganda mais eficazes. O PT está com saudade do modo populista do antecessor.
Melhorando a comunicação, na visão dos senadores estaria criado o antídoto perfeito para assuntos desagradáveis como o enriquecimento inexplicável de um chefe da Casa Civil e a demissão do primeiro escalão dos Transportes sob suspeita de corrupção.

A preocupação primordial, como se percebe por essas duas cenas, a da “distensão” com o PR e a da “solução” sugerida pelo PT, é a de varrer para o esquecimento o tema das malfeitorias com rapidez, na ilusão de que isso faça com que os problemas não se aprofundem.

Ledo engano. Os atos geradores das crises são ignorados, mas continuarão à espreita, prontos para assombrar o Palácio do Planalto como voltou a acontecer neste início de governo. Aliás, com força redobrada, justamente porque Lula acumulou poeira embaixo do tapete.

Tratá-los como “coisas que passam” pode até fazer com que a coalizão governista passe bem, mas faz com que a política no Brasil vá muito mal.

Convenção do Democrata: Maria Alice pela segunda vez

Está acontecendo durante todo dia de hoje (16) na Rua Paraná 97, Jardim Vitória, convenção municipal do Democrata, sob a coordenação da presidente Maria Alice Araujo que em chapa única parte para a reeleição.


A chapa é denominada “Abílio Correia Pereira” em homenagem ao seu grande trabalho desenvolvido na agremiação e no município de Itabuna.


Neste sentido, o Prefeito Capitão Azevedo - que informou à imprensa local que era democrata e continuaria no Democrata - reuniu-se na tarde de ontem na sede da USEMI com todos os servidores municipais (cargo de confiança)  e os convidou para participarem da convenção.


Maria Alice, com o apoio de todos os filiados permanecerá no cargo pela segunda vez. Dentro do partido, além do lado político, como uma grande liderança, Alice inovou criando e instalando vários cursos profissionalizantes, integrando vários jovens ao mercado de trabalho.

Lideranças do partido

A tarde o Democrata de Itabuna estará recebendo as visitas das lideranças do Estado: Prefeito Municipal de Itabuna, Capitão Azevedo e o seu Vice, Antônio Vieira, José Carlos Aleluia (Presidente estadual), Deputado Federal, ACM Neto, Deputado Estadual, Coronel Santana, Deputado Estadual, Sandro Regis e o ex-governador Paulo Souto, dentre outras de todo o Estado e regionais

Foto: Arquivo

PORQUE HOJE É SABADO



Não diga o meu espelho que envelheço, 
se a juventude e tu têm igual data, 
mas se os sulcos do tempo em ti conheço 
então devo expiar no que me mata. 
Tanta beleza te recobre 

e deu tais galas a vestir a meu coração, 
que vive no teu peito e o teu no meu.
Mais velho do que tu serei então? 

Portanto, meu amor, 
cuida de ti como eu, 
não por mim, por ti somente 
te cuido o coração, que guardo aqui 
como à criança a ama diligente.
 
    Não contes com o teu se o meu morrer. 
    Deste-me o teu e o não vou devolver. 

William Shakespeare

LI, GOSTEI, COPIEI E COLEI


Publicado originalmente por Crocantinhas Superpoderosas
O PT tomou de assalto o Estado brasileiro Montanhas de dinheiro passaram pelas contas de Marcos Valério e pagaram todo tipo de serviço, desde campanhas eleitorais, passando por honorários de advogados, despesas com publicidade na campanha presidencial de 2002 e em campanhas para prefeito em 2004, aluguel de jatinhos, garotas de programas, charutos cubanos... Uma pornografia sem igual foi feita com dinheiro privado, segundo os quadrilheiros.

O relatório final da Polícia Federal, revelou que o dinheiro usado por Marcos Valério veio, sim, dos cofres públicos. Logo, a Estória de que o dinheiro era resultado de empréstimos contraídos em bancos caiu por terra. O mensalão existiu e contemplou várias vezes políticos do PT . Mas, e agora, o que será feito?

E, agora, como fica a posição do "Estadista Global" que nunca exerceu a função de presidente da República, Lula da Silva? Afinal, ele abençoou a farsa de caixa 2. Sustentou a mentira descarada e saiu do seu DESgoverno cantando em prosa e verso que iria desmontar a " farsa do Mensalão".
A Lei 1.079 ( Impeachment ) é do ano de 1950 e qualquer cidadão pode dar entrada na Câmara em um processo contra o presidente da República por crime de responsabilidade. A Lei, em questão, diz que é crime de responsabilidade subornar membros do Congresso Nacional. O Mensalão aconteceu nas coxias do Planalto e a oposição achou melhor criar CPIs.

Até as carpas do lago que cerca o Congresso sabem que as célebres CPIs nada mais são que uma novela mexicana: em cem dias temos a "mocinha", na caso o governo, a sangrar 24horas por novento e nove dias e no último capítulo, todos vivem felizes e contentes. É a modalidade em plástico da política espetáculo. Mas é o que há.

O Código Penal brasileiro dispõe no seu Art.288º que é crime contra a paz pública: "Associarem-se mais de três pessoas, em quadrilha ou bando, para o fim de cometer crimes".

José Dirceu, à época ministro da Casa Civil, foi o cérebro da camarilha que loteou a administração pública brasileira e passou a distribuir mesada a deputados. Seis anos depois, diante da Justiça dissimulada, sonsa e paliativa, o chefe do bando diz que as acusações feitas pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, são "meras ilações".O processo do Mensalão conta com 42 mil páginas, reunidas em mais de 200 volumes, com quase 600 depoimentos e um sem número de provas colhidas. Provas cabais.Trabalho desperdiçado, dinheiro público jogado na lata de lixo da Justiça farisaica da República das Bananas. Em agosto, 22 réus, inclusive o Chefe do bando, do pior escândalo da Era Lula estarão livres de uma das principais acusações: formação de quadrilha.

Nunca antes na história deste país, um governo foi capaz de produzir um escândalo tão cabeludo como o Mensalão petista. O chefe ( José Dirceu ) da camarilha bolchevique tomou de assalto o Estado brasileiro. Uma atitude de pirata, que chega, abusa, saqueia e foge.

Em suma, o Mensalão existiu mesmo, o palavroso Lula em nada será afetado e os quadrilheiros serão ilibados da acusação de formação de quadrilha . A lei existe para os moradores dos bairros sociais, para os maconheiros...
Quando os bandidos fazem parte da [podre] classe política, a Constituição Federal 88 e o Código Penal brasileiro ficam no retrovisor do Estado democrático de Direito. 
A corrupção é irmã gêmea da impunidade.
*NOSSO COMENTÁRIO: 
Num País, onde o guardião da Constituição ( o STF ), agride, rasga, pisa na Lei Maior, no maior deboche; onde vive um povo desinformado, que só pensa em cachaça, futebol e carnaval; onde as pessoas perderam a capacidade de se indignar; onde impera a lei de Gerson "aquela de levar vantagem em tudo"; onde temos um Senado composto de 83 membros, dos quais 15 não foram eleitos pelo povo; onde tem uma Câmara Federal eleita pelo povo, mas que é uma vergonha, o que se pode esperar? 
Apenas a misericórida de Deus !

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Juventude do governo aplaude o patrão

                                                                Bruno Pontes  

Foi em outubro de 2008 que eu, estudante de jornalismo dando adeus à Universidade Federal do Ceará (UFC), deparei com um trailer da União Nacional dos Estudantes estacionado dentro do campus do Benfica, próximo à reitoria, que se apresentava como a parada em Fortaleza da "Caravana da UNE de saúde, educação e cultura". Concluí logo que duas coisas seriam obrigatórias naquela história: picaretagem e maracatu.

A caravana era resultado de parceria da UNE com o Ministério da Saúde. José Gomes Temporão pegou R$ 2,8 milhões que seriam usados na capacitação de servidores do Sistema Único de Saúde e os deu aos meninos da UNE para que viajassem pelo Brasil e promovessem as bandeiras do governo federal, esquetes de teatro e... shows de maracatu, como suspeitei desde o princípio.

Em consonância com a política de Temporão, o pessoal da caravana distribuía camisinhas e debatia "direitos sexuais e reprodutivos". "Direito reprodutivo", traduzindo da novilíngua esquerdista para o português normal, significa direito ao aborto. A programação do dia era encerrada com maracatu e grupos folclóricos, para o contentamento de todas as doze pessoas na platéia.


Dias depois da passagem por Fortaleza, os líderes da UNE se reuniram com Lula em Brasília e pediram a saída do ministro Temporão, em razão do descalabro da rede pública de saúde e... Brincadeira, pessoal. Eles pediram foi a saída do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, como parte da encenação de rebeldia que lhes garante as verbas milionárias gentilmente cedidas pelos pagadores de impostos.


De 2004 a 2009, os pagadores de impostos já haviam dado
R$ 10 milhões para as juventudes do PT e do PC do B, formadas por jovens de 30 a 50 anos, muitos dos quais ingressaram na faculdade no governo Figueiredo e continuam lá, lutando pela educação pública-gratuita-e-de-qualidade.

A cifra explica por que Lula quase foi esmagado pelo deslocamento de ar proveniente dos aplausos frenéticos, dois anos atrás, no 51º Congresso Nacional da UNE, a ponto de o ex-presidente ordenar que interrompessem a ovação para que ele pudesse tagarelar no palco: "Vocês vieram aqui para trabalhar ou para gritar?", perguntou Lula à claque, sabendo a resposta.


Começou ontem o 52º Congresso Nacional da UNE e Lula é novamente convidado de honra, desta vez trazendo Fernando Haddad debaixo do braço. Podemos chamá-los de safados, exploradores do povo, mas não de ingratos. Seguramente a UNE fará o que estiver ao seu alcance, incluindo o trabalho de "conscientização" dos estudantes, para tornar prefeito de São Paulo o ministro do português errado e do kit gay.



Publicado no jornal O Estado.

* Bruno Pontes é jornalista - http://brunopontes.blogspot.com

MANOEL MESSIAS ESTRÉIA COM O ESPORTE AQUI NO "EXPRESSÃO ÚNICA"

A partir desta data, está fazendo parte de nossa equipe, o comandante esportivo da Rádio Nacional de Itabuna, MANOEL MESSIAS (foto). Que ele seja bem vindo e só quem vai ganhar com isso é você internauta que diariamente terá todas as informações sobre o esporte, regional, estadual, nacional e internacional aqui em nossa página eletrônica!

INTER DISPUTA ZAGUEIRO BRENO, DO BAYERN, COM SÃO PAULO E FLAMENGO
A direção desconversa. O técnico Paulo Roberto Falcão evita falar em reforços. Mas o Inter busca jogadores para encorpar o seu elenco. Um nome que empolgue pode chegar. As tratativas para contar com o zagueiro Breno, do Bayern de Munique, começaram.
Mesmo com o tempo exíguo para fechar o negócio, há um ar de otimismo em torno de Delcir Sonda, empresário e parceiro do Inter em diversas contratações. Sonda estava nos bastidores colorados após a derrota por 1 a 0 para o Corinthians. De acordo com ele, o Inter terá de vencer a concorrência de São Paulo e Flamengo para acertar com o jogador.
O vice-presidente de futebol, Roberto Siegmann, mostrou preocupação com o estado físico de Breno, que, segundo ele, recupera-se de lesão, e o tempo que o defensor levaria para se readaptar. Sonda, mais animado, falou com firmeza sobre o tema.
Desde que deixou o São Paulo por R$ 33 milhões, em 2007, o zagueiro não se firmou. Nesses quatro anos, passou seis meses emprestado pelo Bayern ao Nüremberg. No futebol alemão, Breno disputou somente 40 partidas, marcando dois gols.

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Itabuna Card visa à integração do sistema de transporte urbano

O prefeito Capitão Azevedo participa nesta sexta-feira (15), às 19 horas, do lançamento oficial do Itabuna Card, em solenidade no Tarik Fontes Plaza Hotel, com a participação de jornalistas e autoridades.

O sistema, que visa à integração do sistema de transporte de massa,  envolve a Secretaria de Transporte e Trânsito e a Associação das Empresas de Transportes Coletivos formada pelas empresas Expresso Rio Cachoeira e Viação São Miguel.
 
Para o secretário de Transporte e Trânsito, Wesley Gonçalves Melo o novo sistema é inovador e vai permitir o transbordo de passageiros gerando mais facilidades e benefícios para os usuários, que vão pagar uma passagem e utilizar dois ônibus, com um menor custo. 

Ele observa ainda, que o novo modelo proposto por uma equipe de técnicos e consultores oferece a possibilidade de  melhoria dos serviços de transporte urbano, com uma espera menor nos pontos de ônibus e racionalização das linhas. No estudo preliminar realizado para a implantação do sistema foi detectado que 78% das linhas tinham uma espera superior a 30 minutos e, com o modelo implementado agora, 80% das linhas terão uma espera inferior a 30 minutos.

Wesley Melo explica que o sistema será operado pelos mesmos 100 veículos já existentes: “não haverá nem diminuição e nem aumento  da frota, até porque a cidade não comporta um maior número de ônibus, daí a importância dos projetos e estudos visando a melhoria da mobilidade urbana, que vêm sendo implementados pelo governo municipal”.

O sistema do Itabuna Card vai ser operado e controlado pelas empresas filiadas à Aetu, cabendo à fiscalização à Prefeitura de Itabuna, poder concedente do serviço, a sua fiscalização através da Settran, que vai acompanhar o novo modelo, inclusive atuando na campanha de esclarecimento e orientação à população, uma vez que o sistema mexe com todos os usuários dos transportes de massa na cidade.

No sábado (16), o sistema será apresentado às lideranças comunitárias durante um encontro na Usemi, quando segundo o secretário, serão agendados encontros das equipes da Settur e Aetu, que vão às diversas comunidades explicar as inovações e os benefícios do Itabuna Card.

O secretário explica que o trabalho de marketing do Itabuna Card está sendo deflagrado com o lançamento de uma campanha envolvendo a distribuição de panfletos, disponibilização de mapas sobre todas as linhas  e mobilização de orientadores que vão atuar nos pontos de ônibus da cidade devidamente uniformizados e identificados pela Setran.

Wesley Melo acredita que como toda mudança de padrões,  a princípio a população vai sentir algumas dificuldades para a entender implementação do sistema, mas no futuro, compreenderá que o modelo adotado vai permitir racionalizar os serviços, agilizar o transporte urbano e gerar beneficios à comunidade com um serviço de qualidade e eficiente.  
Por: Kleber Torres - Fotos: Pedro Augusto - 14-07-2011   
www.itabuna.ba.gov.br 

Geraldo Bríglia dá boas notícias

 O Presidente da Emasa, Geraldo Briglia, acompanhado  dos diretores Marcus Habib, Jorge Neves, Octaviano Burgos, Juscelino Leal e José Silva Santos e Santos, Geraldo Bríglia expôs os projetos para a empresa  e as condições como encontrou a mesma, e deu duas boas notícias, durante a coletiva que concedeu na manhã de hoje à imprensa regional. 

A primeira, para os funcionários, anunciando que o Plano de Cargos e Salários da Emasa será uma realidade em breve; a segunda, para todos os consumidores, a isenção de correção monetária, multas e juros, como um presente de aniversário de Itabuna, para os usuários da Emasa  que estão com o seu fornecimento de água suspenso.

Atendendo todos os  questionamentos dos profissionais de comunicação, Geraldo Bríglia - pela terceira vez dirigindo  a Empresa  Municipal de águas e Saneamento -  disse que a campanha de isenção permanecerá  até o próximo mês de dezembro.  

Foto: Ascom/Emasa

AZEVEDO ANUNCIA OBRAS PARA O JORGE AMADO


No lançamento das obras do bairro Jorge Amado na tarde de quarta- feira (13.07), no território tido como do partido dos trabalhadores (PT), o prefeito de Itabuna capitão Azevedo foi recebido pelo presidente do bairro "Wilson" e vários moradores daquela localidade.

Na chegada do prefeito para anunciar às obras as pessoas o abraçavam e choravam agradecidas e emocionadas, pois relatam que há 18 anos nenhum prefeito olhava por aquela comunidade segundo moradores.
Talvez seja por isso que políticos e apresentadores de programas estejam em desespero total.

Se você quer saber das obras que o prefeito está realizando em Itabuna, é só dar uma passada nos bairros Zizo, São Roque Coorbiniano Freire, Avenida Pedro Jorge, começando pelo bairro São Judas terminando no inicio da Avenida Manoel Chaves; Bairro Emanoel Leão (Um Posto de saúde e saneamento básico mais terraplanagem e futura pavimentação asfaltica), Bairro Vila Anália "terraplanagem das ruas principais e futura pavimentação asfaltica";Bairro São Caetano: ponte da Rua São José ligando ao bairro Novo São Caetano.

Obs.: Não estamos contando as obras do inicio do governo e outras que estão sendo anunciadas. Só quem é apaixonado por partidos de oposição ou que não seja profissional de imprensa para dizer que o prefeito não está fazendo nada.

Fonte: A voz e a vez da juventude

COLETIVA DO PRESIDENTE DA EMASA É HOJE

O diretor-presidente da Empresa Municipal de Águas e Saneamento-Emasa, Geraldo Bríglia, concederá hoje, dia 14, quinta-feira, às 09h30min coletiva à imprensa de Itabuna e região. 


Tudo já está preparado para o encontro, que será realizado na própria sede da empresa, Rua São Vicente de Paulo 227, centro, Itabuna, quando o presidente, responderá a questionamentos dos comunicadores, e fará uma exposição de sua ação de trabalho.


O engenheiro Geraldo Bríglia passa pela presidência da empresa pela terceira vez, sendo que as outras duas vezes anteriores foram nos anos de 1990/1992 e 1997/200. Estas experiências anteriores lhe possibilita encontrar as melhores soluções e caminhos em defesa do crescimento da Emasa.     


Foto: Alex de Souza

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Prefeito explica como funcionará a nova feira do São Caetano

 O prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo fez uma nova visita na manhã desta quarta-feira (13) aos galpões da antiga fábrica da Kildare, na avenida Manoel Chaves, para onde deverá ser transferida a feira do São Caetano. O chefe do executivo itabunense esteve acompanhado por um grupo de feirantes e aproveitou para explicar como será o funcionamento do comércio no local, além dos inúmeros benefícios que o empreendimento trará tanto para os feirantes quanto para o consumidor regional. 

“A nossa proposta é transformar o comércio informal, num grande negócio, mais organizado, disciplinado e que venha atender bem o consumidor que se torna cada vez mais exigente. Essa mudança com certeza trará benefícios para todos e é isso que desejamos”. 

O prefeito destacou também o alto investimento que o município fez ao adquirir o patrimônio, que está estimado em cerca de R$9 milhões. “Tudo isso em função da melhoria do comércio, seja ele na área central ou na periferia, e que sempre foi a grande referencia regional”.   

Pacientemente o prefeito explicou aos feirantes que a transferência da feira leva em conta uma série de requisitos positivos, como o amplo espaço para uma feira bem mais moderna, com praça de alimentação,  central de abastecimento, estacionamento e o fácil acesso viário.  

“Nosso objetivo é oferecer aos feirantes e consumidores um ambiente digno, seguro e higienizado, até porque não é recomendável a existência de uma feira nas margens de um canal como o do São Caetano”. 

O prefeito lembrou que esse novo empreendimento só está sendo  possível graças à intervenção do Deputado Federal Luiz Argolo, que cuidou da reintegração de posse da antiga fábrica para o município e tem sido um importante aliado de Itabuna.

Por:Rosi Barreto - Fotos: Waldyr Gomes - 13/07/11 
www.itabuna.ba.gov.br

Obras na avenida Marcus Paiva são retomadas

As obras de melhoria do sistema da rede de drenagem pluvial localizada na praça Florêncio Gomes e nas avenidas Soares Lopes, Osvaldo Cruz e Marcus Paiva, no bairro Cidade Nova estão sendo retomadas. Na manhã desta quarta-feira (13) o secretário municipal de Infraestrutura, Paulo Goulart, visitou esses locais. Na avenida Marcus Paiva, a retomada dos trabalhos é feita pela empresa responsável pela obra, que com a ajuda de uma retroescavadeira vem realizando o complemento da substituição das manilhas e das caixas de passagem de água pluvial.

Segundo informou o secretário Paulo Goulart, as caixas de passagem localizadas na travessa Padre Manuel da Nóbrega receberão ainda esta semana a devida sinalização, enquanto as tampas das caixas estão sendo confeccionadas. “Esperamos em breve solucionar este impasse”. Já na avenida Osvaldo Cruz, também contemplada com a nova rede pluvial, uma equipe de homens da secretaria vem realizando o alinhamento do meio fio e a colocação de passeios.

Este mesmo serviço – de troca de manilhas e de caixas de visita – também se estenderá ao início da avenida Canavieiras, e ainda de acordo com Paulo Goulart, será executada visando não comprometer o trânsito do local. Com a melhoria do sistema de rede pluvial desta área, o governo municipal pretende acabar, definitivamente, com os permanentes alagamentos originados pela chuva naquela àrea. Para tanto, vem substituindo manilhas de 20, 30 e até 40 diâmetro por maiores – de 60 cm de diâmetro – e retirando antigas amendoeiras e sombreiros, cujas raízes profundas quebravam o calçamento e entupiam o escoamento normal de água. As obras são tocadas com recursos próprios.
Ascom/Ilhéus

terça-feira, 12 de julho de 2011

Concursos premiam as melhores de amêndoas de cacau do Brasil

            As melhores amostras de amêndoas de cacau do País neste ano foram premiadas em dois concursos nacionais de chocolate realizados em São Paulo, capital, e Ilhéus, no Sul da Bahia, este mês de julho. Os eventos contaram com o suporte tecnológico da Ceplac na prévia seleção e classificação, análise físico-química e sensorial, prova de corte e contraprova realizadas por técnicos e laboratoristas do Centro de Pesquisas do Cacau (Cepec) e Centro de Extensão (Cenex) desta instituição da administração direta do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). 
 
            Na capital paulista, a Comissão Julgadora do Concurso do Cacau Fino e Aromático da Feira e Exposição Internacional do Chocolate – Expo Brasil Chocolate 2011 dentre 18 amostras da Bahia, Pará e Espírito Santo premiou em 1° lugar, categoria Ouro, amêndoas da Fazenda Santa Maria, município de Camacan, do produtor Guilherme Moura. Na segunda colocação, Prata, ficou a Fazenda Feliz Vitória, Ilhéus, de Isidoro Lavigne Gesteira, e em 3º lugar, Bronze, a Fazenda Porto Novo, Ilhéus, de Ronaldo Abude.
            Os jurados Kátia Maria Correia de Menezes, analista de mercado da Indeca, SP; Patrick Ravenet, consultor técnico da Barry Calebeaut; Virgínia Dias, engenheira de alimentos da Chocolife; e Nicolas Mailot, presidente da Associação Profissional do Cacau Fino e Especial (APCFE) apresentaram o resultado codificado logo após as análises no Centro de Eventos São Luis, em São Paulo, capital, no último dia da Expo Brasil Chocolate 2011, que se realizou entre quinta-feira, 30, e domingo, 3 de julho. Entretanto, a divulgação se deu ao final do III Festival do Chocolate da Bahia, em Ilhéus, no domingo, dia 10.

            No concurso do evento realizado no Centro de Convenções de Ilhéus foram premiadas em 1º lugar, Ouro, amostra da Fazenda Aurora, em Uruçuca, de propriedade de Edmon Chemmes Ganem, e 1º lugar Especial - Cacau Catongo para amêndoas da Fazenda Lajedo de Ouro, em Ibirataia, do produtor Pedro Roberto Santos Magalhães. Em segundo lugar, Prata, amostra da Fazenda Feliz Vitória, Ilhéus, do produtor Isidoro Lavigne Gesteira, e em 3ª colocação, Bronze, amostra da Fazenda Santa Maria, em Camacan, do produtor Guilherme Moura, que também é vice-presidente da Federação de Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (Faeb). 

            Os jurados do certame em Ilhéus foram: Mirian Rocha, chocolatier e consultora em gastronomia; Paulo Lanna, professor de Gastronomia e patissier; Alexandre Bispo, culinarista, chocolatier e consultor técnico da Harald; e Edisio Ferreira Silva, representante comercial e técnico agrícola também da Harald. As consultoras francesas Chloe Roussel e Sylvie Damiens também deram sua colaboração no Concurso de Chocolate Fino e Aromático do III Festival do Chocolate da Bahia, que se realizou entre 6 e 10 deste mês.

ACS/Ceplac/Sueba
Por:Luiz Conceição
12 de Julho de 2011.