Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

sexta-feira, 3 de junho de 2011

Seguindo tradição CDL promove o “Feijão Imprensa 2011” no próximo domingo

     A 18ª edição do “Feijão Imprensa” acontece no próximo sábado, dia 05, no espaço Espora de Ouro, em Itabuna. Tradicional homenagem aos profissionais de Imprensa do sul da Bahia, a festa começa ao meio-dia. É uma promoção da Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna. 

     Realizado há 18 anos, o “Feijão Imprensa 2011” conta com o patrocínio empresarial da Soluz, Motel Você Ki Sabe e Posto Cacau, Auto Escola Regional, MARGRAN, Sindicom, Viação Águia Branca, Plansul, Concessionária Dayun, FTC-Itabuna, Bahiagás, Itão Supermercados, Schincariol, Trifil e Marquise. A banda Forró Amor a Dois vai animar a comemoração. 


 A promoção foi iniciada em 1994, na gestão do presidente Rolemberg Macedo e realizada sempre no mês de setembro quando o Dia da Imprensa era comemorado naquele mês. Consolidada nos dez anos da administração de Carlos Leahy e ampliada nos últimos dois anos da gestão do presidente Jorge Braga, chega à sua 18ª edição se constituindo no maior evento de homenagem à Imprensa no interior da Bahia, com a data passando a ser festejada em 1º de junho e o evento no sábado ou domingo mais próximo desse dia. 

Do blogdobené

Obras e ações no bairro da Califórnia continuam


        O governo municipal tem uma avaliação positiva dos resultados do Programa da Prefeitura Móvel deflagrado há uma semana, sob a coordenação do prefeito Capitão Azevedo, no bairro da Califórnia, uma área densamente povoada, com ações em todas as áreas da administração municipal. A Sedur vem, em parceria com a  Emasa e a Coelba, intensificando as obras de melhoria da infraestrutura do bairro e de urbanização, com  a recuperação de 26 quilômetros de ruas.

        Na rua da Palmeira, que ganhou acesso para o semi-anel rodoviário e foi reaberta ao tráfego – o projeto prevê melhoria do esgotamento, da iluminação, pavimentação asfáltica e urbanização -, o morador Sherlins Wesley considera que a ação do governo já é realidade e melhora as condições de vida da população da área: “O problema é que os políticos só nos visitavam em época de eleição, para pedir votos e sem realização de nenhuma melhoria como está acontecendo agora”, argumentou.

Ele lembra que antes mesmo da conclusão das obras a situação na área se modificou inteiramente e hoje, “temos acesso para as ambulâncias do Samu e até mesmo para viaturas da PM, melhorando a segurança de todos nós,” complementou Wesley.

O comerciante Reginaldo Alves Nascimento, que reside na rua da Palmeira há 20 anos, considera que a situação mudou inteiramente a partir da ação da Prefeitura Móvel. Para ele, o melhor depoimento seria mostrar uma filmagem do local antes e depois destas obras, porque a rua não tinha acesso para veículos e a reposição de mercadorias do seu estabelecimento ocorria apenas com a ajuda de motos ou com uso de galeotas.

O cadeirante João Fernandes Santos comemora a realização das obras, lembrando que só viu máquinas naquela área onde reside há mais de duas décadas, uma única vez: “A rua não oferecia as mínimas condições de acesso e agora, mesmo antes da conclusão das obras, posso me deslocar de táxi para ter acesso ao atendimento médico”. 

Para ele depois da implantação do esgoto e da pavimentação asfáltica, a prefeitura também deveria colocar uma linha de ônibus regular e com retorno através dos conjuntos habitacionais Pedro Fontes I e II, construídos através do Minha Casa, Minha Vida.  

Por:Kleber Torres Fotos: Pedro Augusto  3-06-2011   
www.itabuna.ba.gov.br 

Tudo pronto para a festa do Dia Internacional do Cacau


     A Superintendência de Desenvolvimento da Região Cacaueira do Estado da Bahia da Ceplac finalizou ontem, 2, os preparativos para a comemoração do Dia Internacional do Cacau no domingo(05). Sob o tema “Modernização da Gestão da Cacauicultura”, a festa será marcada pela troca de experiências entre pesquisadores e extensionsitas da instituição, produtores de cacau, técnicos de instituições convidadas e representantes governamentais. 

            Durante reunião, o superintendente da Ceplac, Antonio Zózimo de Matos Costa, conferiu providências adotadas pela Comissão do Evento para o brilhantismo da festa, onde serão conhecidos o “Cacauicultor do Ano” e o “Destaque da Agricultura Familiar”. A premiação recai sobre produtores que reconhecidamente aplicaram tecnologias recomendas pela instituição para o manejo e combate às principais pragas e doenças da lavoura cacaueira.

            Na sua 53ª edição, o Dia Internacional do Cacau será aberta às 8h30min com apresentação do Coral da Ceplac, seguida da composição da Mesa pelo cerimonial, pronunciamento de autoridades presentes e assinatura de convênios. Às 10h15min será lançada a publicação “Indicação de Variedades de Cacaueiros para Uso Comercial”, pelo chefe do Centro de Pesquisas do Cacau (Cepec), Adonias de Castro Virgens Filho, e da cartilha “Gestão Moderna da Cacauicultura”, pelo chefe do Centro de Extensão da Ceplac (Cenex), Sérgio Murilo Correia Menezes. 

Às 11 horas, será feita homenagem especial e anunciados o “Destaque da Agricultura Familiar” e “Cacauicultor do Ano”, seguido de pronunciamento do Diretor da Ceplac Jay Wallace da Silva e Mota para marcar as festividades, que acontecem sempre no primeiro domingo de junho, como previsto em Turrialba, Costa Rica, em 1958, por sugestão do cientista americano Robert Fowler, durante uma conferência interamericana reunindo especialistas em cacau de todo o mundo. As comemorações se encerrarão, às 13 horas, como almoço no Restaurante da Ceplac. 

ACS/Ceplac/Sueba
Por: Luiz Conceição
2 de Junho de 2011.

Tudo pronto para a primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Triathlon


A Secretaria de Segurança, Transporte e Trânsito (Setrans) informa que, em função da primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Triathlon Olímpico, programada para acontecer em Ilhéus neste sábado, dia 4 de junho, será realizada a interdição de algumas ruas e avenidas do centro da cidade no período das 8 às 17 horas. De acordo com a Setrans, a interdição ocorrerá em toda a extensão da avenida Soares Lopes (nos dois sentidos), toda a extensão da avenida Dois de Julho e toda a extensão da rua Coronel Paiva. Também estarão interditadas a praça Dom Eduardo, a rua Eustáquio Bastos, no trecho entre o Sindicato Rural até o final da rua, e a rua Almirante        Aurélio Linhares, também no trecho situado entre o Sindicato Rural até o final da rua.
Para a realização da prova, que recoloca o município de Ilhéus na rota dos grandes eventos esportivos nacionais, o governo municipal definiu a adoção de diversas medidas, como o recapeamento do percurso, a limpeza do local, a pintura de meios-fios, a abertura de postos médicos, o fechamento do tráfego, o disciplinamento de entrada e saída de pessoas, e a instalação de palco, grades e arquibancadas, entre outros
Desde o início desta semana, por exemplo, equipes da Secretaria de Desenvolvimento Urbano trabalham intensamente para preparar todo o percurso do Triathlon. Entre as equipes utilizadas, destacam-se as de roçagem mecânica, limpeza geral, raspagem, pintura de meios-fios e retirada de entulho. “Por conta disso, a avenida Soares Lopes já se encontra totalmente roçada, bem como a área da Praia do Cristo, onde as arquibancadas foram instaladas”, diz o secretário Carlos Freitas. Ainda segundo ele, nesta última quinta-feira (2), caminhões pipas foram utilizados para retirar toda a areia que se encontrava no circuito com vistas a evitar possíveis acidentes com as bicicletas, que podem atingir velocidades próximas a 60 km/h em algumas áreas do percurso.
Estrutura - Por sua vez, o secretário de Turismo, Paulo Moreira, ressalta que toda a estrutura para a primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Triathlon Olímpico já se encontra concluída. Segundo ele, a estrutura inclui arquibancada, pódio, palanque e estandes de hidratação e atendimento médico, além de um pavilhão de sucos e frutas.
Utilizando como circuito a Praia do Cristo, a avenida Soares Lopes e a avenida Dois de Julho, a prova terá largada às 13 horas e um percurso que compreenderá 1.500 metros de natação, 40 quilômetros de ciclismo e 10 quilômetros de corrida. A expectativa é de que a etapa, que oferecerá R$ 8 mil aos cinco primeiros colocados (masculino e feminino), consiga atrair centenas de atletas, além de jornalistas e desportistas.
A primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Triathlon Olímpico é resultado de uma ampla parceria envolvendo a Confederação Brasileira de Triathlon (CBTri), Federação Baiana (Febatri), Governo do Estado, através da Bahiatursa, e Prefeitura Municipal de         Ilhéus, por meio da Secretaria de Turismo e Superintendência Municipal de Esportes.
 Ascom/Ilhéus

Audiência pública sobre licenciamento ambiental contou com grande público


Na tarde da última quinta-feira (2), foi realizada audiência pública, no salão nobre do Palácio Paranaguá, para concessão de licença ambiental à empresa Chame Areal Ltda, contando com a participação do secretário municipal de Meio Ambiente, Harildo Machado, que presidiu à sessão; o Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Condema); os representantes da empresa acompanhados de técnicos da empresa AF Ambiental, responsável pela realização do estudo de impacto ambiental.
Com a participação de 68 pessoas, foi apresentado o relatório dos estudos de impacto ambiental seguido de debate e esclarecimentos sobre o empreendimento. Durante o transcorrer do evento o prefeito Newton Lima fez uso da palavra com a finalidade de parabenizar os ilheenses pela participação e compromisso, salientando o exemplo de cidadania nas discussões sócio-ambientais.
Um dos compromissos firmados pela empresa refere-se à recuperação  e manutenção da estrada de acesso ao areal, convidando o município para realização de uma Parceria Público Privada (PPP) para ampliação desses serviços no entorno do empreendimento, tendo o prefeito Newton Lima, de imediato, concordado em promover esta parceria.
Para Harildo Machado, a audiência pública, é um marco no processo de licenciamento ambiental no município de Ilhéus, pois o auto grau de participação popular colabora com o trabalho dos técnicos da Sema, “e espero que muitas delas, com a mesma qualidade, se repitam sempre”. O processo será finalizado na próxima reunião ordinária do Condema que ocorrerá em 13 deste mês, conforme afirma seu presidente, José Nazal Pacheco Soub.
Ascom/Ilhéus
www.ilheus.ba.gov.br


Deputado Augusto Castro pede apoio da Bamin para Cemepi


Clóvis Torres, vice-presidente da Bamin, deputado Augusto Castro e Estácio Gonzaga, gerente executivo da TV Santa Cruz.
O deputado Augusto Castro (PSDB) está tentando evitar que o Centro Médico Pediátrico de Itabuna (Cemepi) – única unidade de saúde com atendimento pediátrico 100% pelo SUS em Itabuna e região Sul – feche as portas por dificuldades financeiras. Depois de pedir o apoio do secretário de Saúde, Jorge Solla, agora busca o apoio da Bahia Mineração (Bamin), que tem desenvolvido ações sociais no Sul da Bahia por conta do investimento no futuro Porto Sul, em Ilhéus. Uma visita está sendo agendada para que os dirigentes da Bamin conheçam o Cemepi ainda nesta quinzena. 

A Bamin é uma empresa que nasceu no Brasil, em 2005, mas desde o ano passado tem 100% das suas ações controladas pelo grupo Eurasian Natural Resources Corporation - ENRC, empresa com ações listadas na bolsa de valores de Londres, sediada no Cazaquistão e 6ª maior exportadora de minério de ferro do mundo. A empresa será a responsável pelo Porto Sul, que será construído em Aritaguá (Ilhéus), para escoamento de cerca de 19,5 milhões de toneladas/ano de minério de ferro produzidos em Caetité. Augusto Castro disse que está pedindo este apoio à Bamin porque a reconhece como uma empresa com muito compromisso com o desenvolvimento social e o bem estar das comunidades onde trabalha.

Vanda Amorim
Assessora de Comunicação

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Recursos hídricos debatida em Simpósio Ambiental em Itabuna

        Com base em farto material de pesquisa e dados estatísticos, além de informações de importantes organizações internacionais que tratam das questões ambientais, o doutor em Ciência e Tecnologia de Alimentos Jorge Antonio Barros de Macedo instigou os participantes do II Simpósio do Meio Ambiente de Itabuna a refletirem seriamente sobre as possíveis consequenciais, para os próximos 30 anos, do uso irracional e escassez dos recursos hídricos.

        Organizado pela Prefeitura de Itabuna e a Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), o Simpósio conta com a participação de estudantes, ambientalistas, profissionais e técnicos que atuam na gestão do meio ambiente, além de educadores da Rede Pública Municipal e profissionais que lidam com direito ambiental. Durante o evento, está sendo debatido o tema “Educação e Saneamento Ambiental, Uma Política de Direito e Responsabilidade Social”.  

        Fazendo um comparativo entre as vítimas de grandes catástrofes naturais, as altas taxas de crescimento populacional, densidade demográfica, migração e urbanização não planejada, Jorge Macedo chamou à atenção para a degradação ambiental que está implícita com o aumento da população e, consequentemente, com o consumo desordenado. 

“Os números comprovam, por exemplo, que para recompor os mais de 280 mil mortos no tsunami da Indonésia, em 2004, o mundo precisou apenas de um dia e uma hora e 30 minutos. Isto demonstra o quanto é impactante o crescimento populacional na diminuição dos recursos naturais, principalmente nas reservas de água potável”, frisou Mendonça.

Abertura

Na solenidade de abertura do II Simpósio do Meio Ambiente, o secretário municipal da Educação, Gustavo Joaquim Lisboa, que também representou o prefeito Capitão Azevedo naquele ato, ressaltou a importância do evento como contribuição para a implementação das políticas de educação ambiental e para a preservação dos recursos naturais que ainda restam no município. 

Ele lembrou que o debate proporcionado pelo I Simpósio em 2009, e outros eventos similares realizados em anos anteriores, foram importantes inclusive para a construção das Diretrizes Curriculares para a Educação Ambiental no Município de Itabuna, cujo projeto está sendo encaminhado para a apreciação e deliberação do Conselho Municipal de Educação (CME). “Nós acreditamos que somente pela Educação é que poderemos construir uma consciência coletiva voltada para o respeito e a preservação do meio ambiente”, frisou Lisboa.

A solenidade contou ainda com a presença do secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Antonio Marcelino Oliveira, que destacou os avanços do município nas questões ambientais e fez críticas a proposta de anistia prevista no novo Código Ambiental Brasileiro para os grandes devastadores das florestas brasileiras. Também fizeram pronunciamentos o presidente da Emasa, Alfredo Melo; o diretor-geral da FTC Itabuna, Cristiano Lôbo; e o representante do Conselho Municipal do Meio Ambiente, Roberto Mendonça.

Nesta quinta-feira, dia 2, a programação teve sequência com três palestras, uma rodada de debates, no turno matutino, e quatro mini cursos à tarde. O tema “Política e Plano Municipal de Saneamento Básico, foi abordado pelo professor titular e PhD em Saneamento da Ufba, Roberto Santos Moraes. Ao engenheiro civil Cláudio Fontes falou sobre  as “Perspectivas para o Saneamento Ambiental na Região Sul da Bahia”. A “Gestão de Aterros Sanitários” foi o foco da palestra do engenheiro Francisco Gleydson, supervisor de aterros do Grupo Marquise. Para sexta-feira, dia 3, estão previstas outras três palestras, debates e mais quatro mini cursos.
Por:Erivaldo Bomfim - Fotos: Pedro Augusto – 02/06/2011
Moradores elogiam governo pelas   obras no bairro São Pedro

         A segunda etapa das obras de infraestrutura, com saneamento, esgotamento pluvial, pavimentação asfáltica,  urbanização e iluminação da avenida Pedro Jorge, com mais de um quilômetro de extensão, está agradando aos moradores do bairro São Pedro. A obra mobiliza 20 operários, além de técnicos da Empresa Municipal de Água e Saneamento e será concluída até 28 de julho no Dia da Cidade.

        Até agora foram concluídas 100% das obras de drenagem; 37% da rede de esgotamento sanitário e 50% da contenção de encostas. A primeira etapa foi concluída e inaugurada ano passado, e a nova fase corta o São Pedro e vai interligar o Pedro Jerônimo ao São Judas, totalizando cerca de dois quilômetros em toda a sua extensão.

        A dona de casa Rosenice Santos de Jesus destaca que a infraestrutura e a pavimentação chegam na hora certa, melhorando assim as condições de vida da população: “O fato é que o nosso bairro que estava abandonado e carente de tudo vai ganhar novo visual”.

Rúbia Santos Silva observa que a população esperava por melhorias ao longo dos últimos 20 anos  em função das promessas de candidatos que só visitavam a comunidade nos período de campanha, uma situação que mudou agora, na gestão do prefeito Azevedo. 

Moradora há 35 anos no São Pedro, Vera Lúcia Santos elogiou a ação do governo para a conclusão da avenida Pedro Jorge, que abre mais uma importante via de tráfego melhorando a mobilidade urbana “e a qualidade de vida da população do bairro. Eu acredito na obra, porque conheço o Capitão Azevedo desde muito jovem”, complementou.

A empresária Valdinéia Santos Oliveira, proprietária de uma loja de miudezas na avenida Pedro Jorge, destaca que além dos benefícios diretos da população, a obra vai permitir fortalecer o comércio do bairro, onde já funcionam lojas, mercearias, açougues, minimercados e outros estabelecimentos, “o que resulta numa grande expectativa para todos nós”.

O segurança Pedro Barbosa vê conclusão da avenida um fator de valorização dos imóveis do bairro e observa que até agora, nenhum prefeito havia executado uma obra desta dimensão, “o que além de ótimo para a comunidade, também me deixa feliz”, finalizou.

Por:Kleber Torres Fotos: Pedro Augusto  01-06-2011 
www.itabuna.ba.gov.br