Lixo

Itabunense seja educado não jogue lixo na rua e nem no Rio Cachoeira. A Natureza agradece!

sábado, 19 de fevereiro de 2011

SER PETRALHA É CHIC


A ex-terrorista Dilma, atual Presidente da República, que deu um aumento do salário mínimo abaixo da inflação, e continuou a política perversa do apedeuta Lulla, de arrochar os aposentados,  acaba de receber um avião novo da Embraer.
Trata-se de uma versão para 19 pessoas de um jato que, originalmente, leva 122 passageiros. O avião de Lulla era apelidado de Força 51 (lembrando aquela famosa cachaça), e o da ex-terrorista está sendo apelidado de “ Vassourão”, pela maldosa oposição.
 O “Vassourão” é um luxo só e até agora somente foi vendido, nesta versão, para biliardários das arábias. O custo do modelo é de R$ 50 milhões de dólares. Praticamente o mesmo custo de um avião de caça Super Hornet ou Grippen. Segundo a Aeronáutica, o avião vem emprestado, enquanto os outros dois  da empresa, que servem a presidência, vão para manutenção.
Por falar em aviões, Dilma decidiu que  os 36 aviões de caça, que o ex-presidente prometia para 2010, só serão comprados em  2012.  E não se sabe de quem. Não será surpresa se a história somente voltar em 2014, bem próximo das eleições.
Lulla dizia que precisava dos aviões para combater os piratas que tentariam roubar o pré-sal. Como nem mais se fala em pré-sal...

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Morreu hoje o cientista da Ceplac Paulo Alvim

Faleceu hoje (18.02), as 11;00 da manhã,  Paulo de Tarso Alvim, um dos maiores cientistas do Brasil. Ele nasceu  em 23-02-1919, e morreu aos  92 anos de idade.

. Paulo de Tarso Alvim passou sua infância e adolescência em sua cidade natal, Ubá (MG), onde fez seus cursos primário e secundário no Colégio Brasileiro e no Ginásio Mineiro Raul Soares.

Órfão de pai aos dois anos de idade, sua educação, assim como a de seus três irmãos maiores, ficou sob a responsabilidade de sua mãe, que para tanto exerceu por muitos anos a profissão de costureira.

Em 1937, prestou vestibular para o curso de agronomia na Escola Superior de Agricultura e Veterinária do Estado de Minas Gerais (ESAV), hoje Universidade Federal de Viçosa (UFV), sendo aprovado em 3º lugar entre 130 candidatos. Formado Engenheiro Agrônomo em dezembro de 1940, foi convidado para ser Professor Assistente de Botânica na ESAV onde, com o apoio de Octávio de Almeida Drummond, ministrou em 1943 o primeiro curso de Fisiologia Vegetal oferecido no Brasil para estudantes de Agronomia.

Em 1945, por indicação da própria ESAV, foi agraciado com uma bolsa de estudos do "International Institute of Education" para fazer curso de pós-graduação na Universidade de Cornell (EUA), onde, em janeiro de 1948, obteve o título de PhD em Fisiologia Vegetal com tese sobre o tema "Studies on the mechanism of stomatal behavior".

Ao retornar, iniciou pesquisas sobre fisiologia de plantas cultivadas e sobre a ecologia dos cerrados. Demonstrando a estreita correlação entre esse tipo de vegetação e as características químicas do solo, contribuiu para as técnicas de manejo do solo que permitiram a expansão da agricultura na região dos campos cerrados.

Expressaounica

Aqui na região foi um dos grandes nomes do Cepec/Ceplac na pesquisa  das doenças do cacau. Era uma pessoa simples e que gostava de uma boa conversa na roda de amigos. Por muito tempo ficou entre nós. Adeus Alvim, e que Deus Lhe dê o reposo merecido> 

leia mais em www.pactoseimpactos.blogspot.com
www.photossintese.blog.br

Azevedo tem audiência com o Ministro da saúde. Assunto: Hospital de Base


 O prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, reuniu-se na manhã desta sexta-feira, 18, com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, em Salvador. No encontro, foi abordada a situação do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, a maior unidade de urgência e emergência do sul da Bahia, que enfrenta séria crise devido à falta de recursos financeiros para atender a uma demanda proveniente de 121 municípios, que abrangem uma população próxima de 3 milhões de habitantes.

Além do prefeito, participaram da audiência com o ministro o secretário da Saúde de Itabuna, Geraldo Magela, o deputado estadual Augusto Castro (PSDB) e o médico Jorge Solla, secretário da Saúde do Estado da Bahia. A oportunidade serviu para que os representantes do município também reivindicassem o retorno da gestão plena do SUS.

        Com dados técnicos detalhados, o prefeito expôs as dificuldades do Hblem e apresentou possíveis soluções, o que inclui uma reforma física nas instalações da unidade hospitalar e a aquisição de novos equipamentos, mas principalmente – o que Azevedo classificou como “imprescindível” – o aumento do repasse destinado pela União ao Hblem, que hoje é da ordem de R$ 1,5 milhão por mês.

        O ministro Alexandre Padilha se mostrou sensível à situação enfrentada pelo Hblem e se comprometeu com a busca de soluções. Padilha afirmou que Itabuna terá seu empenho para encontrar um remédio definitivo que assegure a melhoria dos serviços de saúde na cidade.

        O prefeito Azevedo mais uma vez afirmou que a população de Itabuna e região não pode estar submetida à precariedade em que se encontra um serviço tão essencial como o prestado pelo Hospital de Base, em função da receita insuficiente para o atendimento de sua demanda. “Não podemos permitir que entraves de qualquer natureza inviabilizem o atendimento à população carente, que clama por uma saúde pública melhor” afirmou Azevedo.

        O deputado Augusto Castro (PSDB), ao avaliar a reivindicação do prefeito de Itabuna, ressaltou que questões político-partidárias devem permanecer afastadas nesse momento, pois o que está em jogo é a saúde da população de uma região da Bahia de mais de 3 milhões de pessoas, que merecem atenção especial da União e do Governo da Bahia. “Estarei na Assembleia Legislativa apresentando pronunciamento em plenário e vou solicitar aos meus colegas de todos os partidos a ajuda para atender a esse pleito, que não é apenas de Itabuna, mas do povo de todo o sul da Bahia”, enfatizou o deputado.    

        Ficou agendada para o próximo dia 28 uma nova reunião, dessa vez na Secretaria da Saúde da Bahia, com a finalidade de resolver, de maneira definitiva, as questões relativas ao Hospital de Base. Na oportunidade, autoridades do Município e do Estado voltarão a discutir também a gestão plena do SUS em Itabuna.

SAGC/PMI 
Fotos: Waldir Gomes e Pedro Augusto 
Leia mais:
 

Produtores de cacau preocupados com o futuro da Ceplac



        Após um período classificado por eles próprios como o do ressurgimento da lavoura cacaueira baiana, produtores do sul do estado mostram apreensão quanto ao futuro da Ceplac, apontada como o principal agente das mudanças que influíram para a arrancada do setor em 2010. 

O presidente da Associação dos Produtores de Cacau (APC), Henrique Almeida, diz que seus pares acompanham atentamente a nomeação dos novos dirigentes de órgãos federais no governo Dilma Roussef, torcendo para que o Ministério da Agricultura mantenha a vertente de escolha técnica adotada pelo ex-ministro Reinhold Stephanes.

        Henrique Almeida adianta que os produtores não aceitarão mais escolhas políticas para a direção da Ceplac, sem o devido cuidado com a capacitação técnica e competência dos indicados. “isso já aconteceu no passado, e quase provocou a extinção da Ceplac. Participamos ativamente da luta pelo fortalecimento do órgão, e hoje reconhecemos nele o principal esteio para a produção de cacau na Bahia”, assinala o presidente da APC. 

        Na visão dos produtores de cacau, nos últimos dois anos a Ceplac deu um salto de qualidade e gestão, demonstrando que o critério da meritocracia deve ser o caminho a ser buscado pelo governo para a escolha dos dirigentes do órgão. Além de se fortalecer politicamente, ampliando o diálogo com as instituições ligadas à lavoura cacaueira, o órgão intensificou a pauta de ações no campo, contribuindo para a redução da incidência da “vassoura-de-bruxa”, entre outros avanços.

        Para Henrique Almeida, a continuidade desse trabalho é indispensável ao processo de desenvolvimento da cacauicultura baiana. “Não podemos correr riscos desnecessários, pois vivemos um momento histórico, com todas as condições de contribuirmos para o desenvolvimento econômico do sul da Bahia a partir da retomada da produção de cacau em larga escala”.

Ascom/APC – 17.02.2011
Pelo Jornalista Erivaldo Bomfim  - Fotos Marcos Nunes

Ilhéus recebe três ambulâncias do Samu e participa de mobilização contra dengue


O prefeito de Ilhéus, Newton Lima, acompanhado do secretário da Saúde do Município, Jorge Arouca, participou na manhã desta sexta-feira (18), em Salvador, do Encontro de Sensibilização de Gestores Municipais para o Controle da Dengue. Ainda na Reitoria, as autoridades apresentaram a campanha deste ano de combate à dengue. Antes, eles receberam do governador Jaques Wagner e o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, três ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192).
As três ambulâncias completam a renovação de 100% da frota do Samu em Ilhéus, já que uma foi entregue no final do ano passado. Na opinião do prefeito Newton Lima, os veículos chegam em boa hora, haja vista a necessidade de manutenção nos veículos antigos, o que demandava um custo alto. “Além disso, com as novas ambulâncias a população será atendida com mais brevidade”, prevê. Grande parte da população de Ilhéus reside em áreas de morros, nos distritos e zona rural, o que facilitará o atendimento.
Dengue - O Encontro de Sensibilização reuniu prefeitos, secretários municipais e representantes dos conselhos municipais de Saúde dos 198 municípios com maior risco de epidemia de dengue neste ano, inclusive Ilhéus. O objetivo é reverter este quadro e não deixar que a redução no número de casos registrados no começo de 2011 enfraqueça as medidas de prevenção. O secretário da Saúde de Ilhéus, Jorge Arouca, considerou a reunião muito produtiva e enfatizou que o combate à dengue tem sido uma ação constante no município, com a finalidade de reduzir os focos dos insetos.

Arouca destacou que a importância da mobilização conta a dengue através da participação dos diversos setores da sociedade no Comitê Intersetorial. “Vamos estruturar uma ampla rede de atendimento, com as unidades de saúde básica, as unidades hospitalares da rede pública e privada, envolvendo também as igrejas, associações de bairros, escolas e outras instituições para, de forma estruturada, planejar e executar as ações contra a dengue”, explicou. 

O secretário estadual da Saúde, Jorge Solla, disse que, até o momento, a participação da sociedade no combate à dengue é o melhor mecanismo para evitar a doença. "Não temos vacina e a ferramenta mais eficaz, até agora, é a mobilização social". Segundo Solla, nos últimos anos, a Secretaria Estadual de Saúde tem ampliado as parcerias com as prefeituras para aumentar a quantidade de agentes de endemias. "No ano passado fizemos a seleção de novos agentes em 80 municípios e distribuímos mais de 250 mil capas para proteger reservatórios de água". 

O secretário anunciou que, no mês de abril, a organização social Moscamed Brasil vai começar a realizar testes de campo para esterilizar os mosquitos para que eles não se reproduzam.

Ascom/Ilheus
Leia mais: 
www.ilheus.ba.gov.br

Audiência Pública na cidade de Ibicaraí


Prefeito Lenildo
 O prefeito de Ibicaraí, Lenildo Santana está convidando a população para participar de uma Audiência Pública que será realizada dia 23 de fevereiro, quarta feira, às 8:30h, na Câmara Municipal de Vereadores.


O objetivo, segundo o prefeito é junto com a Comissão de Finanças e Orçamento, demonstrar e avaliar o cumprimento das metas fiscais do 3º quadrimestre de 2010. 

Na audiencia  também será discutido a elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2012, de acordo com o que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal.



JUSTIÇA MAIS RÁPIDA EM ITABUNA


Os Juizados de Defesa do Consumidor, Causas Comuns e Juizado Criminal agora só recebem novas ações pelo o PROJUI. É um novo sistema implantado em Itabuna visando à rapidez dos processos.

Este programa foi criado pelo Conselho Nacional de Justiça-CNJ e aprimorado pelo Tribunal de Justiça da Bahia.

 O que antigamente demoravam horas para ser datilografada uma ação nas pesadas máquinas de escrever. Agora é questão de segundos.

Todas as peças dos processos, como as petições dos advogados, as decisões dos juízes, pareceres dos promotores e movimentações dos servidores ficam disponíveis na internet para qualquer cidadão acessar. 

O processo virtual já está implantado também nos Tribunais Superiores. Protocolos, petições e intimações já são feitas pela via eletrônica. E os profissionais do direito já contam com certificados e identidades digitais.

Neste contexto, a OAB - Subseção de Itabuna, dirigida pelo competente advogado Andirlei Nascimento irá promover gratuitamente o curso de capacitação do Sistema PROJUDI para o advogado (a) da região, além de procuradores, defensores, estagiários e estudantes, dia 18, hoje na FTC, às 18h30min.

O curso será ministrado pela Dra. Rafaelli Lins e pela servidora Amanda Falcão. Ambas estiveram em Salvador aprimorando seus conhecimentos junto aos técnicos do TJ Bahia. "

Informações do blog Val Cabral.