Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio. Não jogue lixo em seu leito. Povo limpo, cidade civilizada... Vamos preservar a nossa história.

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Ilhéus e Ceplac estudam o desenvolvimento conjunto de projetos


A convite do superintendente da Ceplac para a Bahia, Juvenal Maynart, o prefeito de Ilhéus, Newton Lima, e o secretário da Indústria, Comércio e Planejamento, Jorge Bahia, fizeram uma visita à sede regional do órgão. Dentre os assuntos tratados, a possibilidade do desenvolvimento de projetos de interesse comuns às duas instituições, notadamente nas áreas da produção, comercialização e do turismo rural.
O prefeito Newton Lima ressaltou o potencial da Ceplac e disse que a instituição poderá ser uma das mais importantes parceiras do Município no processo de desenvolvimento regional, principalmente com a implantação de projetos importantes, a exemplo do Complexo Intermodal do Porto Sul. “Ilhéus é hoje uma das cidades que mais vem recebendo o aporte de recursos públicos e privados e nosso interesse é criar projetos e programas de desenvolvimento sustentável também para a área rural”, disse o prefeito.
Newton Lima agradeceu, ainda, ao superintendente da Ceplac, o apoio que tem dado no levantamento das atividades rurais no município de Ilhéus, no sentido de criar um projeto de desenvolvimento sustentável capaz de manter o homem no campo. “Para isso, precisamos firmar uma grande parceria entre o Município, o Governo do Estado e Federal e implantar toda a infraestrutura necessária para incentivar a produção e evitar o êxodo rural”, frisou.
O superintendente Juvenal Maynart fez uma avaliação das condições do mercado internacional do cacau e considerou que o momento é positivo, haja vista o crescente consumo do produto, estimado em cerca de 8% ao ano, com possibilidades de aumento. “Apesar da crise vivida no continente europeu, o cacau do Brasil é reconhecido pela sua qualidade, tecnologia e componentes sociais, a exemplo da mão-de-obra empregada, toda ela adulta, o que é reconhecida internacionalmente”, avaliou.
Além dos projetos na área da produção e comercialização rural, Juvenal Maynart destacou que podem ser firmadas parcerias com a Prefeitura de Ilhéus na realização do Salão do Chocolate, no próximo ano, bem como o incentivo no turismo rural. Para o superintendente, é preciso ampliar a comercialização de doces e outros alimentos caseiros, mostrando um produto somente existente no Sul da Bahia e que por certo irá agradar aos turistas.
O incentivo aos pequenos agricultores, tanto na produção de hortifrutigranjeiros como de doces de chocolates faz parte dos programas da Ceplac, que vai oferecer os serviços da indústria de transformação do cacau em líquor, torta e manteiga de chocolate. “Também temos aqui um dos mais importantes ‘shoppings’, como a BR-415, onde poderemos implantar pontos de comercialização desses produtos, além de ampliar a visitação de fazendas, mostrando todo o processo de produção do cacau, que desperta a curiosidade de turistas nacionais e internacionais”, concluiu Juvenal Maynart.

Nenhum comentário: