Lixo

Itabunense seja educado não jogue lixo na rua e nem no Rio Cachoeira. A Natureza agradece!

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Macrodrenagem do Canal Lava-Pés tem prazo para ser entregue

Oito meses é o prazo que a Prefeitura de Itabuna espera entregar totalmente concluída as obras de Macrodrenagem do Canal Lava-Pés na Avenida Amélia Amado. As intervenções, que começaram na última segunda-feira (16), estão divididas em quatro etapas e prevêem a cobertura de 521m dos 1.356 metros de cumprimento do canal.

Com as obras, a Avenida Amélia Amado, que é um dos principais corredores de tráfego da cidade, ganhará um moderno projeto urbanístico e paisagístico com a implantação de três pistas na margem esquerda, sentido Terminal Rodoviário/Rio Cachoeira, sendo uma exclusiva para ônibus coletivo, área de convivência, estacionamento e arborização.

A Macrodrenagem do Canal Lava-Pés terá custo total de R$ 12,8 milhões e está sendo implementada em convênio com o Governo Federal, através do Ministério da Integração Nacional. Na última quinta-feira (19), o prefeito Capitão Azevedo esteve visitando o local das obras e falou do empenho do governo municipal de manter em ritmo acelerado a execução do projeto.

“Itabuna vive um momento crítico no que diz respeito à fluidez do trânsito, por conta do grande número de veículos que circulam na cidade. Com a intervenção que está sendo feita na Avenida Amélia Amado, será possível desafogar uma das áreas mais cruciais do perímetro central, dando melhores condições de mobilidade tanto para motoristas quanto para pedestres”, frisou. Azevedo.

Etapas

O secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Fernando Vita, revelou que nesta primeira etapa os serviços estão concentrados na área do Terminal Rodoviário até o início da Avenida Itajuípe. Anteriormente, foi feita a reforma da sede do Movimento Bandeirante, onde serão instalados o escritório e canteiro de obras da construtora Casa Própria, responsável pela execução do projeto.

Paralelo ao trabalho das máquinas, segundo Vita, na próxima semana começa a montagem das peças pré-moldadas. Ele ressalta que parte da estrutura será montada no local e que a decisão de utilizar moldes pré-fabricados foi pela necessidade de adequar o custo total da obra ao valor original do projeto. “Porém, isso não irá interferir na qualidade e segurança da obra”, garante o secretário.

Na 2ª etapa, os serviços serão concentrados na área que começa nas imediações do Príncipe Hotel até o início da Avenida Ilhéus. Fernando Vita revela que neste trecho o canal será totalmente coberto permitindo, inclusive, a implantação de um terminal de transporte coletivo, no espaço em frente ao templo da Congregação Cristã do Brasil.

O trecho entre a Ação Fraternal de Itabuna (AFI) até a Avenida Itajuípe compreenderá a 3ª etapa da execução das obras. A quarta e última fase das intervenções acontecerá no perímetro entre a Avenida Ilhéus e a AFI. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Urbano, esta será a etapa mais complexa do projeto, já que serão transferidos todos os comerciantes que trabalham em boxes e barracas instaladas no local, além da demolição das antigas lajes que cobrem o Canal.

“Enquanto estivermos executando as três primeiras etapas, também estaremos providenciando o novo local para onde os comerciantes serão transferidos. Tudo isso para evitar prejuízos às famílias que trabalham naquela área”, garante Vita. Ele lamenta, porém, o fato do projeto original, que previa o encapsulamento do Canal, ter sido modificado por determinação do Ingá (Instituto de Gerenciamento de Águas e Clima).

“Por conta desta alteração, deixarão de ser implantadas na Avenida Amélia Amado uma ciclovia, uma pista de cooper, áreas de convivência e sanitários públicos”, observa o secretário. Fernando Vita ressalta que, mesmo com a modificação do projetoo, Itabuna ganhará uma moderna Avenida e maior agilidade no fluxo dos veículos.

 Texto: Erivaldo Bomfim - Foto: Pedro Augusto – 20/08/2010

PSF amplia atendimento domiciliar no Nova Califórnia


Com o lançamento do Projeto Saúde em sua Casa, a equipe do Posto de Saúde da Família Raimundo Freire investe na ampliação do atendimento domiciliar à população do bairro Nova Califórnia.

Segundo a administradora do posto, Clécia Ramos Bittencourt, o trabalho envolve uma equipe de 13 pessoas formada por integrantes do programa e agen

tes comunitários de saúde.

A ideia é intensificar as visitas na casa do próprio paciente. As visitas são feitas sempre às sextas-feiras, com ênfase especial para idosos, hipertensos e cadeirantes.

“Hoje, de acordo com um cadastramento preliminar, existem na nossa área de atuação cerca de 500 idosos e pessoas sem condições de se locomover até o posto de saúde, mas que precisam de algum tipo de atendimento”, completou a administradora da unidade.

Clécia Bittencourt explica que o Raimundo Freire funciona normalmente como unidade de atendimento das segundas às quintas-feiras e na sexta-feira, as equipes atuam em campo visitando as famílias cadastradas para um trabalho de imunização, difusão de informações e realização de atendimento médico ou de enfermagem.

Ela informa que o projeto envolve o apoio de uma viatura do Departamento de Transportes da Prefeitura, que auxilia na remoção de pacientes para hospitais e clinicas no caso de alguma necessidade. Mas a prioridade do atendimento é centrada nas pessoas com dificuldades de locomoção.

O médico do PSF, Oswaldo Pereira, considera as visitas domiciliares como uma rotina do programa e destaca a importância do diagnóstico social da população da área. Observa que muitas consultas têm caráter preventivo, com orientações sobre noções de alimentação e de cuidados básicos de higiene. Em outros casos a equipe realiza consultas, trocas de curativos e de sondas.


Texto: Kleber Torres Reportagem : Oswaldo Brito Fotos : 20-08-2010

O Pau quebrou hoje na Câmara de Itabuna

O Futuro presidente da Câmara Municipal de Itabuna, já eleito, vereador Roberto de Souza revoltado criticou duramente o presidente da Câmara Municipal de Itabuna, Clóvis Loiola em seu programa “Resenha Geral” transmitido pela Rádio Difusora há momentos atrás.


Roberto de Souza disse que a Casa legislativa de Itabuna se transformou em uma grande bagunça; casa de mãe Joana, devido algumas atitudes esdrúxulas do presidente da Câmara, Clóvis Loiola por não ter conhecimento do Regimento Interno do Legislativo.


Dizendo em seu programa que poderia renunciar até seu cargo, mas por ser uma pessoa honesta e orgulhosa por ser filho de um grande homem em memória ao seu pai, Juiz Paulo de Souza, disse que enquanto tiver na Câmara vai moralizar a Casa, queiram ou não queiram, custe o que custar.


Roberto de Souza estava revoltado com algumas ações incorretas do Presidente do Legislativo, Clóvis Loiola que chegou a Casa acompanhada de seguranças da guarda municipal do Município, o que gerou uma grande confusão, inclusive fazendo um quebra-quebra quando arrombaram as portas das salas dos gabinetes do Presidente e do vice-presidente pensando que Clóvis Loiola esta tomando uma surra.

Expressaounica

É lamentável que fatos como esse aconteça na Câmara Municipal de Itabuna. Uma Casa que representa todos os Itabunenses. Roberto de Souza foi muito feliz em denunciar o fato, para que a nossa população saiba escolher melhor os seus representantes.

Segundo apuramos a confusão gerou devido à demissão de servidores do Legislativo.

Veja o que diz o blog: Politicos do Sul da Bahia~

A bancada de oposição da Câmara de Vereadores de Itabuna, formada por Roberto de Souza, Claudevane Leite, Ricardo Bacelar e Wenceslau Júnior e alguns membros da bancada governistas irão pedir o afastamento de Clóvis Loiola da presidência da Casa.


A decisão foi tomada após Loiola apresentar um decreto presidencial nesta manhã (20) exonerando todos os ocupantes de cargos comissionados da Câmara, para dar lugar aos indicados pelo político do PPS. De acordo com o primeiro-secretário, Roberto de Souza o ato de demissão assinado pelo presidente não tem validade. “O ato é nulo e unilateral, pois teria que ser assinado pelos demais membros da Mesa Diretora da Casa”, afirmou.

.Os vereadores presentes na ocasião concordaram que o ato é um desrespeito ao Regimento Interno da Câmara e decidiram pedir o afastamento para investigar algumas irregularidades do mandato de Loiola.

.O pedido de afastamento de Loiola será votado na Câmara de Vereadores e para ser aprovado precisa de maioria absoluta, referente a 9 votos. “Com a decisão, ele será afastado do cargo e quem assumirá é o vice, Solon Pinheiro (PSDB)”, afirmou Roberto.
Augusto Castro recebe apoio político
também no município de Canavieiras

Confiantes na vitória do candidato a deputado estadual Augusto Castro nas eleições deste ano, o articulador político Eliseu Salles e o vereador Jânio Nascimento, de Canavieiras, estão trabalhando no município para conseguir o maior número de adesões visando viabilizar uma vaga na Assembleia Legislativa, assim como ampliam espaço para a candidatura de Félix Mendonça Júnior para a Câmara Federal.

Nos inúmeros contatos políticos em Itabuna e também nas viagens que tem feito em toda a Bahia, Augusto Castro disse que tem recebido as mais diversas manifestações de apoio e elogios, ”sobretudo de pessoas humildes, pela forma como conduzo a campanha, não fazendo promessas vazias e sim mostrando como atuarei na Assembleia Legislativa, a partir do próximo ano, ao lado do futuro governador da Bahia, Paulo Souto e dos companheiros de coligação, o PSDB-Dem”.

Augusto Castro ressaltou que isso ficou bem demonstrado quando percebeu a espontaneidade do povo durante a inauguração dos comitês nos municípios de Itapé, Una, e principalmente no lançamento da sua candidatura a deputado estadual, no Grapiúna Tênis, em Itabuna, que contou com a presença de diversas lideranças políticas e comunitárias baianas, além dos deputados federais Jutahy Magalhães Júnior e ACM Neto que vieram prestigiar o evento.

Opiniões – Para o ex-prefeito de Una, José Bispo dos Santos (Zé Pretinho), a força e o carisma da pessoa de Augusto Castro têm sido bem visíveis e percebidas por todos. “Embora seja um político novato na vida pública e jovem com vontade de atuar em favor do povo, percebemos que ele tem futuro brilhante como deputado. No nosso município, por exemplo, nas caminhadas e carreatas percebe-se logo essa reciprocidade. Sua vitória nas eleições deste ano tem tudo para acontecer. E estamos trabalhando para isso”.

Opinião semelhante tem também o ex-prefeito de Uruçuca, Dílson Argolo (Dica). Ele assegura que dentre as qualidades de Augusto Castro está a maneira séria com que tem conversado com as pessoas. Não engana ninguém e tem um tratamento igual para todos. “Vejo nele uma figura lutadora que se preocupa principalmente com as questões sociais, desde a época em que passou pela Associação dos Municípios do Sul, Extremo-Sul e Sudoeste da Bahia (Amurc), quando a entidade foi dirigida por Antonio Firmo, um político extraordinário”.

Por Everaldo Benedito
Itabuna, 20 de agosto de 2010

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Itabuna rejeita proposta para estadualização do Hospital de Base

Além de lamentar a perda da gestão plena dos recursos da saúde para o Estado, que assumiu há 20 meses o atendimento de alta e média complexidade, o prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, discorda da forma como a proposta de estadualização do Hospital de Base vem sendo discutida.

Para o prefeito, essa é uma proposta que tem de ser avaliada com critério e não pode ser imposta de cima para baixo, “até porque fui eleito pelo povo, com quem temos de discutir de forma transparente as alternativas para a sustentação do Hospital de Base”.

Azevedo lembra que Itabuna além de ser um pólo regional de saúde, dispõe de uma excelente infraestrutura de atendimento o que atrai pacientes de outras regiões do estado: “O problema do Hospital de Base não é de gestão, mas financeiro, até porque a remuneração do SUS, que foi congelada há três anos, não atende aos custos dos serviços, gerando prejuízos”.

Ressalta ainda o prefeito que está sempre aberto para um debate amplo com a sociedade e o governo do estado, mas tendo como foco maior os interesses e o bem estar da população itabunense . para o Capitão Azevedo uma prioridade seria a retomada da gestão plena que implicou na perda da autonomia financeira do município e no agravamento dos problemas enfrentados pelo Hospital de Base.

Um outro ponto importante segundo Azevedo, é que mesmo sem a gestão dos recursos da saúde, município mantém o custeio das contas de água, energia e telefonia do Hospital de Base: “O nosso problema é a falta de recursos, o que é agravado pela concentração de 60% das receitas para a União, restando 25% para o estado e apenas 15% para as prefeituras municipais”.

Capitão Azevedo reconhece as dificuldades por que passa o HdB, mas lembra que os hospitais da Santa Casa também enfrentam problemas. Sendo assim, ele teoriza que a proposta de estadualização também seja estendida àqueles hospitais.

O secretário municipal da saúde, Antônio Vieira, considera que Itabuna vive um momento difícil e necessita de ajuda para tomar novos rumos para a superação das limitações financeiras, uma questão que tem de ser discutida com transparência e seriedade: “O Hospital de Base funciona com portas abertas e sobrevive apenas com recursos do SUS, que há três anos não são corrigidos”.

Lembrando que em 2007 o estado se ofereceu para estadualizar o Hospital de Base mediante o repasse de R$ 1,8 milhões pelo município para a sua manutenção, o presidente da Fundação de Assistência à Saúde de Itabuna (Fasi), Antônio Costa explica que hoje, o governo estadual repassa somente R$ 1,5 milhões para a manutenção do HBLEM.

Costa ressalta ainda que o hospital foi construído há 11 anos e que em função da carência crônica de recursos não tem podido investir em novos equipamentos – está sem um tomógrafo há um ano – e nem na manutenção. Para ele, o ideal para a sua sustentação seria o aporte mensal de R$ 2,5 milhões.

 Texto: Kleber Torres Fotos: 19-08-2010

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Serra diz que loteamento de cargos chegou ao extremo

'A Funasa foi praticamente jogada no chão pelo loteamento político', afirma candidato tucano


18 de agosto de 2010
13h 29

SÃO PAULO - O candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, acusou o governo federal de promover o loteamento de cargos públicos em ministérios e empresas estatais. Ele citou de forma específica os Correios e a Fundação Nacional de Saúde (Funasa). "Chegamos ao ponto extremo no caso da administração federal. O loteamento chegou a praticamente todas as esferas", afirmou, durante debate promovido na capital paulista, em resposta a pergunta de um internauta sobre o que faria, se eleito, para combater o aparelhamento do Estado. "A Funasa foi praticamente jogada no chão pelo loteamento político. Um descalabro."



"Nos Correios, foi tudo loteado entre partidos, setores de partidos e grupos de deputados, baixando muito o nível dos serviços", disse. Serra afirmou que a primeira coisa que fez quando assumiu o Ministério da Saúde durante o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso foi "limpar a Funasa". "É preciso dar um choque e um fim a esse troca-troca desavergonhado." A presidenciável do PT, Dilma Rousseff, pediu direito de resposta, mas a organização do debate considerou não ter havido ofensa pessoal na fala de Serra.


A candidata do PV à Presidência, Marina Silva, foi questionada sobre o que achava do fato de bancos e empreiteiras estarem entre os maiores doadores de recursos para a campanha de políticos no País. "Se as doações não são feitas por amor, devem ser feitas de acordo com a lei, com transparência e pudor", respondeu. Ela disse que sua campanha já conta com a contribuição de 400 pessoas físicas pela internet, "quebrando a lógica de poucos contribuindo com muito". Ela aproveitou ainda a pergunta feita a Serra para dizer que foi a única, entre os candidatos, que teve liberdade para escolher seu vice, o empresário Guilherme Leal.


Dilma foi questionada sobre sua posição sobre o aborto. "Eu pessoalmente não sou a favor do aborto. Não acredito que tenha uma mulher que seja favorável ao aborto. São situações a que mulheres recorrem no desespero. É uma questão de saúde pública", disse, ressaltando ser a favor do procedimento nos casos estabelecidos por lei - estupro e risco de morte para a mulher. De acordo com ela, nos casos de conflito, cabe à Justiça arbitrar cada caso. "A lei é clara e deve ser cumprida."

Estadão.com.br

Santa Casa de Itabuna terá aditivo financeiro da Sesab


Após uma intensa negociação realizada na manhã desta quarta-feira (18) entre a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna e a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) foi anunciada a revisão do contrato existente entre a instituição de saúde e o Governo do Estado. Admitindo haver subfinanciamento dos Hospitais geridos pela Santa Casa de Itabuna, o secretário Estadual de saúde, Jorge Solla declarou que até o próximo dia 30 serão revistos os valores pagos ao Hospital Manoel Novaes, devendo se repetir o procedimento com os Hospitais São Lucas e Calixto Midlej Filho até o dia 15 de setembro.


Com a presença do Ministério Público Estadual, através dos promotores Márcio Fahel e Clodoaldo Anunciação, da presidente, Maria das Graças Souza, e membros do Conselho Municipal de Saúde, o provedor da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, Renan Moreira, e o Secretário da Sesab, Jorge Solla, reuniram-se para discutir a necessidade de revisão dos contratos do Estado com a instituição filantrópica. Amparados por técnicos das duas partes, a necessidade de revisão dos valores pagos à Santa Casa de Itabuna foi consenso na discussão e a proposta de uma nova contratualização acordadas entre as partes.


De acordo com projeto entregue pela Santa Casa de Itabuna, o aditivo financeiro necessário para que a instituição continue prestados serviços de saúde ao Sistema Único de Saúde (SUS) chegam a R$1.482 milhão, dos quais, R$744 mil seriam caracterizados como déficit real computado mensalmente no Hospital Novaes. “Estaremos revisando inicialmente até o dia 30 o contrato com o Hospital Manoel Novaes, passando, a até o dia 15 de setembro, para a revisão do contrato com os Hospitais São Lucas e Calixto Midlej Filho”, afirmou Jorge Solla.


Para o provedor da Santa Casa, Renan Moreira, a reunião conquistou os objetivos pleiteados, já que o projeto que justifica a reivindicação do aditivo financeiro foi entregue na Sesab há quase 30 dias e nenhuma negociação havia sido iniciada. “Em se cumprindo o acordado na reunião de hoje, a Santa Casa garantirá recursos necessários para manter o pleno funcionamento da unidade materno infantil do Hospital Manoel Novaes. Nunca foi nossa intenção fechar a unidade no Novaes, mas seremos obrigados a fazê-lo caso o Estado não assuma o custeio dos serviços materno-infantil que presta ao SUS em Itabuna”, declarou o provedor Renan Moreira.

Ainda durante a reunião, o provedor da Santa Casa de Itabuna solicitou oficialmente ao secretário Jorge Solla a revisão da contratualização existente com os demais prestadores de serviço de saúde na cidade, já que o subfinanciamento é uma pauta comum. Em resposta, Jorge Solla garantiu que, a partir desta quinta-feira (19), estará estabelecendo uma agenda de reuniões com os demais gestores para verificar as demandas individualmente. Entre os representantes de prestadores presentes, o diretor Hospital São Judas, José Neme, e o diretor da Maternidade da Mãe Pobre, Leopoldo dos Anjos, representante do Cemep, Sr. Ormínio, também assistiram à reunião. Ainda na reunião, o secretário Jorge Solla aproveitou para confirmar sua participação no Fórum de Saúde, agendado para o próximo dia 30, evento convocado pelo Conselho Municipal de Saúde de Itabuna.

Da Assessoria

A Coordenação de Marketing e a Assessoria de Imprensa da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna informam que, como foi notório para os presentes no Hospital Calixto Midlej Filho na manhã desta quarta-feira (19), não houve por parte desta instituição a intenção de obstruir o trabalho da imprensa no acompanhamento da reunião entre a Santa Casa e a Sesab.

 Ao contrário, cumprindo a obrigação que cabe à função assumida, esta Assessoria, em comum acordo com a Assessoria da Sesab, ponderou a possibilidade de otimizar o trabalho dos jornalistas presentes, solicitando para que as entrevistas e depoimentos fossem apresentados somente ao final da reunião. Da mesma forma, a incapacidade de absorver todo o público presente na sala disponível para a referida reunião, impossibilitou o acompanhamento da imprensa no local, no entanto, foi viabilizada a realização de imagens por parte dos diferentes veículos de comunicação presentes.

Por Jack Simões

Expressaounica
O Secretário Jorge Solla antes prometeu e não cumpriu! Será que agora os acordos serão concretizados? Esperamos que sim, o itabunense não merece tanta retaliação por parte do Governo do  Estado. 
Azevedo anuncia saneamento básico
e mais ônibus para o bairro São Pedro

Prefeito Azevedo
O bairro São Pedro terá obras de saneamento básico e uma nova linha de ônibus. A garantia foi dada pelo prefeito Capitão Azevedo, depois que ele se reuniu com moradores do bairro. O encontro aconteceu na sede da associação dos moradores do bairro e também contou com a presença do secretário municipal de Administração, Gilson Nascimento.

O anúncio do prefeito atende a reivindicações da associação, e o prefeito elogiou a iniciativa da entidade considerada por ele como “forte, unida e que sabe reivindicar seus direitos”.

“Quando uma comunidade se une para apontar e reivindicar melhorias para seu bairro ajuda o poder público municipal a direcionar atenção e definir a prioridade na execução de serviços”.

Já o titular da Administração, Gilson Nascimento, adiantou que, além de priorizar as obras solicitadas, a Prefeitura vai fazer a iluminação do campo de futebol do São Pedro e de outros 19, espalhados em igual número de localidades.

“A iluminação dos campos já estava na pauta de trabalho da Secretaria de Esporte, que tem valorizado e incentivado o esporte amador em Itabuna, em todas suas modalidades”, reforçou.

A presidente da associação, Ângela Vieira Menezes, saiu entusiasmada da reunião. “Foi um encontro positivo, principalmente pela presença do prefeito e do secretário. Eles têm se mostrado sensíveis às nossas reivindicações, e reconheço as melhorias que vêm sendo feitas em vários bairros de Itabuna”.

 Texto: Rosi Barreto – Reportagem: Hélio Fonseca - Fotos: Vinicius Borges – 18/08/10

Luiz Bassuma defende meio ambiente e educação como bandeiras de governo


Luiz Bassuma na sabatina de A Tarde: 'Precisamos investir para baratear fontes limpas de energia'


Danielle Villela, do A TARDE On Line
Como já era de se esperar, questões relativas ao meio ambiente foram destaque nas respostas de Luiz Bassuma (PV), segundo candidato ao Governo da Bahia a participar da série de sabatinas realizadas pelo Grupo A TARDE, na manhã desta quarta-feira, 18, no auditório da Fundação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb). Com fala mansa, o aspirante ao Palácio de Ondina evitou fazer propostas pragmáticas, priorizando o que definiu como “mudança de paradigma”.

O candidato só foi categórico ao se posicionar contra a legalização do aborto e contra a manutenção da possibilidade de reeleição. “Alguns até fazem um primeiro governo razoável, mas a partir de um determinado momento, só pensam na reeleição”, argumentou, defendendo a mudança na duração do mandato para cinco ou seis anos. Em relação ao aborto, o candidato propôs medidas preventivas e o desenvolvimento de políticas públicas de planejamento e preservação da vida da mulher e da criança. “O Estado não pode ser provedor da morte, evitar a gravidez indesejada é o melhor caminho”, ressaltou.

Com exceção desses posicionamentos mais decisivos, Bassuma deu preferência à exposição de sua proposta geral de distribuição das riquezas, com desenvolvimento econômico e preservação do meio ambiente. “Não podemos mais explorar a natureza de forma desordenada”, defendeu, lembrando que as questões ambientais não são mais “ficção”. Bassuma mostrou-se contrário à construção de uma usina nuclear na Bahia e argumentou que o estado não explora suficientemente seu potencial eólico e solar. “Precisamos investir em pesquisa para baratear essas fontes alternativas e limpas de energia”, propôs.

Sobre as barracas de praia de Salvador, o candidato avaliou que a demolição de todas as estruturas não foi a melhor solução, mas destacou a importância do uso racional do espaço da Orla. “Não tinha ordenamento, eu não conseguia mais andar porque tinha que tomar cuidado para não pisar no lixo deixado pelas barracas”, comentou.

Quando questionado sobre a defasagem da estrutura portuária da Bahia, Bassuma criticou a qualidade das estradas estaduais e a inexistência de uma malha ferroviária no país. “Não adianta pensar só na estrutura dos portos sem pensar na estrutura para se chegar até eles”, pontuou. Bassuma também comentou a polêmica envolvendo a construção do Porto Sul. “Não podemos deixar de fazer algo porque vai causar impacto ambiental, mas existem alternativas melhores. Muito mais importante para Ilhéus é a construção de um aeroporto digno”, defendeu.

Corrupção - Ao responder uma pergunta sobre a expansão imobiliária na Avenida Paralela, o candidato foi enfático ao criticar o atual prefeito de Salvador, João Henrique Carneiro (PMDB). “Incompetência e corrupção dão no desastre que é essa gestão de Salvador. Não se planeja nenhuma ação de redução dos impactos ambientais”, atacou.

Apesar da alfinetada em um gestor do partido adversário, Bassuma se esquivou de fazer comentários sobre indícios de irregularidades na prestação de contas nacional do seu próprio partido, o PV, em 2004, 2005 e 2006. “Não existe instituição perfeita e o PV está sujeito a cometer erros. O que tem que acontecer é que as pessoas sejam responsabilizadas por isso”.

Bassuma também alertou para o risco de desvio dos recursos destinados à Copa do Mundo. “Todas as grandes obras estão sujeitas a ter problemas se não houver fiscalização e transparência”, avaliou. O candidato prometeu trabalhar para que as ações destinadas ao mundial de 2014 resultem em soluções de longo prazo para a população, principalmente em relação à estrutura de transportes e à viabilização de áreas de lazer e esportes em bairros periféricos.

Outro ponto de destaque nas respostas do candidato foi a educação. “Está faltando mudar o modelo de gestão, em que a escola não apenas instrua as pessoas, mas eduque. Vamos dar prioridade máxima na educação de qualidade para todos”, prometeu. Entre as possíveis medidas a serem adotadas, o candidato pontuou a valorização e qualificação dos professores da rede pública.

Helo Sampaio
071 9982 8638

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Expofenita começa dia 21 com expectativa de bom público e grandes negócios


A Expofenita 2010 começa no sábado (21), com uma palestra às 13 horas e 30 minutos, sobre Como Abrir as Portas para o Mercado. A palestra conta com apoio do Sebrae e tem como público alvo representantes do setor de movelaria. Em seguida, por volta das 15 horas, os portões do Parque de Exposições Antônio Setenta (local da megaexposição) serão abertos à visitação pública.

A Expofenita será encerrada domingo (29), com a previsão de um movimento recorde de público e de negócios.

A programação prevê, às 19 horas do sábado (21), a realização de uma palestra de lançamento do programa Sebrae de Empresas Avançadas, seguido do 2º Grande Rodeio Expofenita, às 20 horas.

Na área de shows, a grande atração fica por conta da Banda Mastruz com Leite, que promete atrair um grande púbico. O evento reúne produtores rurais com exposição e comercialização de animais, além de indústrias e empresas de diversos setores.

Josias Miguel, promotor do evento
Para domingo (22), a programação começa às 10 horas com a reabertura dos portões para visitação pública. Às 13 horas e 30 minutos será repetida a palestra Como Abrir as Portas para o Mercado, para moveleiros.

Às 16 horas está programada a chegada ao Parque de Exposições Antonio Setenta da 20ª Marcha Eqüestre, que fará o percurso Itajú – Itapé – Itabuna, com a participação de centenas de cavaleiros.

No mesmo dia, às 17 horas, começa o 2º Grande Rodeio Expofenita, e às 19 horas, o Sebrae patrocina uma palestra sobre a Empretec - Descubra e Desenvolva seu Potencial Empreendedor.

A comissão organizadora programa para toda a semana até o dia 29, uma série de eventos, com leilões, concursos de animais e shows com as Bandas Lordão, dia 25; Vera Cruz, dia 27 e fechando a programação musical a dupla sertaneja Dany e Deny, de Minas Gerais. No sábado (28), serão realizados cursos e oficinas diversas, que vão oferecer opções variadas para o público.

Texto: Kleber Torres Fotos: 16-08-2010

Gestão Integrada quer iniciar ações antiviolência combatendo o tráfico

O prefeito Capitão Azevedo considerou bastante positiva a segunda reunião ordinária do Gabinete de Gestão Integrada de Itabuna (GGI), realizada na segunda-feira (16), em seu gabinete. Ele disse que as discussões estão mais amadurecidas e este é o caminho certo para o combate à violência no município. “E foi para isso que o grupo foi criado”.

A secretária Executiva do GGI, Luisa Padilha, também confirmou o sucesso do encontro que reuniu representantes dos órgãos de segurança pública, Ministério Público e Justiça. Para ela, a reunião permitiu a implementação de novas ações que serão executadas pelo grupo na prevenção e no combate à violência na cidade.

Ela disse que o GGI já tem elaborado uma nova pauta para uma próxima reunião extraordinária na qual será feito o planejamento emergencial integrado para o enfrentamento ao tráfico de drogas.

O juiz da Vara da Infância e Adolescência, Marcos Bandeira, manifestou especial preocupação com o elevado índice da violência no município. “O problema tem ganhado dimensões assustadoras porque a cada dois dias morre um jovem com idade entre 15 e 21 anos, todos envolvidos com drogas”.

Reconheceu que o crack se constitui hoje numa epidemia. “Por isso precisamos encontrar uma saída urgente para a prevenção e, principalmente, o combate a essa droga violenta”.

Para ele, o grupo gestor é um ponto de partida e a discussão, além de importante, se faz necessária para a busca de soluções que venham mudar o quadro atual em que se encontra o município.

“O combate à violência é uma luta de toda sociedade, por isso é importante essa união de forças, porque são vários atores e várias visões em um espaço democrático discutindo o mesmo propósito sem nenhuma conotação político-partidária”.

Sérgio Nascimento Trad, que também participou do encontro, considerou a reunião positiva. Para ele, os debates estão cada vez mais enriquecidos de idéias e de uma nova visão da segurança publica. “O mais interessante é que as ações estão direcionadas a três eixos básicos para o ataque às drogas: prevenção, repressão e ações sociais”.

Texto: Rosi Barreto – Reportagem: Hélio Fonseca – Fotos: Vinicius Borges – 17/08/10

 Azevedo defende parceria
para gerar emprego e renda

Ao destacar a importância do apoio à geração de emprego e renda como prioridade de governo, o prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, elogiou a parceria entre o governo municipal, através da Secretaria de Assistência Social e Escola Profissionalizante, com o Senac, Sebrae, Associação Comercial, CDL e Sindicom, na realização de Oficina do Empreendedor. A oficina, que oferece 460 vagas, foi lançada nesta terça-feira (17), em solenidade realizada no auditório da FTC.

O prefeito também elogiou a predominância de representantes do sexo feminino entre os alunos matriculados, “evidenciando a força e a participação da mulher no segmento empresarial”.

“Os cursos oferecidos mostram uma convergência importante de interesses e que vão ajudar no desenvolvimento da nossa cidade”.

Ele salientou ainda que Itabuna, graças ao seu potencial e a condição de pólo econômico regional, superou a crise do cacau e vive um momento importante, se fortalecendo graças ao somatório de parcerias institucionais voltadas para o segmento econômico.

O prefeito destacou ainda a aprovação pela Câmara Municipal da Lei do Microempresário Individual, que visa a formalização de pequenos negócios e sua inclusão no segmento empresarial.

A gestora de rede de atendimento do Sebrae, Valdinéia Borges ressaltou que a Oficina do Empreendedor visa capacitar profissionais na área de gestão, oferecendo treinamento gerencial básico, noções de técnicas de vendas, qualidade no atendimento, custos e formação de preços ou ainda na confecção de roupas, lanches rápidos, fabricação de biscoitos, bijouteiras e outras atividades.

A coordenadora do Senac, Lídia Guimarães, destacou a importância das 24 oficinas oferecidas e que estão sendo realizadas na Escola Profissionalizante de Itabuna (EPI): “Estamos de portas abertas para oferecer cursos e projetos em parceria com outras instituições como o Sebrae e a Prefeitura de Itabuna”.

A coordenadora da Escola Profissionalizante de Itabuna, Silvana Rocha, explicou que o curso visa qualificar e divulgar informações sobre empreendedorismo, com a oferta nesta fase de 460 vagas em 24 cursos minicursos e oficinas nas diversas áreas.

O evento, que é inteiramente gratuito e concentra num único local, soluções empresariais para as pessoas que desejam montar seu próprio negócio, melhorar a gestão da sua empresa ou querem buscar novas oportunidades para a geração de renda termina nesta terça-feira, dia 18.

Texto: Kleber Torres Reportagem : Osvaldo Bispo Fotos: 17-08-2010

Seleções do Maria Matos e Jorge Amado
abrem o Interbairros no próximo domingo

A Secretaria de Esportes de Itabuna está ultimando os preparativos do Campeonato Interbairros de Futebol versão 2010, que terá inicio no próximo domingo (22), no estádio Luis Viana Filho. O jogo de abertura, após o tradicional desfile das seleções inscritas, será entre as equipes do Maria Matos x Jorge Amado.

No total, serão realizados 150 jogos. Este ano o Interbairros vai reunir cerca de 1,3 mil atletas, muitos deles de bom nível técnico, com passagem pelo futebol profissional. Além disso, a competição também tem revelado novos valores.

Como parte dos preparativos foi realizada uma reunião técnica na Vila Olímpica com a participação de dirigentes das 50 equipes que participam da competição.

Na oportunidade, foram discutidos alguns pontos do regulamento da competição que apresenta algumas inovações, como por exemplo, a inscrição de apenas dois jogadores por equipe não residentes no bairro pelo qual vão atuar.

O secretário Alcântara Pelegrini salientou que o foco principal do campeonato será o congraçamento dos bairros participantes, contribuindo com a formação do caráter do espírito de equipe e do respeito às normas esportivas. O evento também fortalece atividades econômicas formais e informais ligados ao comércio e à prestação de serviços.

Ele destacou ainda o integral apoio do prefeito Capitão Azevedo ao esporte, bem como dos secretários de Administração, Gilson Nascimento e de Desenvolvimento Urbano, Fernando Vita, para que a competição seja realizada com sucesso apesar das dificuldades enfrentadas e superadas.

A construtora MRM fez a doação dos uniformes das equipes e do material esportivo. Outra novidade é em relação aos campos de futebol, que foram preparados para a competição e deverão receber iluminação.

Texto : Kleber Torres Reportagem: Hélio Fonseca 17-08-2010

COMEÇA HOJE A CAMPANHA

                                                                           SALVE ZÉ !



Saudamos o Zé que hoje inicia uma nova fase da campanha rumo à presidência.
Temos certeza que você vai chegar lá. E tenha certeza que não acreditamos nessas pesquisas manipuladas. Sabemos que você está bem na frente e vai governar o nosso país.
Temos certeza que você irá defender o Zé que hoje recebe míseros R$ 130,00 de Bolsa;
Temos certeza que você irá combater o Zé Banqueiro que fatura milhões às custas de todos os Zés do país;
Temos certeza que você irá melhorar em muito o calvário do Zé nos hospitais;
Temos certeza que você irá ajudar para que muitos Zés não sejam vítimas da violência urbana;
Temos certeza que você vai impedir que muitos Zés morram nas estradas da morte;
Temos certeza que muitos Zés irão ter uma educação melhor;
Temos certeza que os pequenos Zés que estão nascendo terão um país melhor, mais justo, livre e democrático sob o seu comando.
Salve Zé. Vá em frente com o nosso apoio. Tenha certeza.

By Blog do Lucio Neto

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Itabuna vacina mais de oito mil
crianças contra paralisia infantil

Pouco mais de oito mil crianças com idade entre zero e cinco anos foram imunizadas contra a paralisia infantil, durante a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação, no sábado (14), em Itabuna. O trabalho foi desenvolvido em todas as unidades de saúde do município, incluindo a zona rural, e contou com uma equipe de mais de 300 pessoas entre profissionais de saúde e voluntários.

A coordenadora de imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Camila Brito, destaca a importância da vacinação e lembra que a imunização continua sendo feita diariamente até o dia 3 de setembro, em todas as unidades de saúde de Itabuna. As crianças que não foram vacinadas na primeira etapa podem receber a dose da segunda etapa.

Ela pede os pais ou responsáveis que não deixem de levar seus filhos ao posto de saúde mais perto de casa e alerta para a necessidade de manter a vacina atualizada.

Camila informou que as campanhas anuais de vacinação em duas etapas já acontecem ha 31 anos no Brasil. “Foi esse trabalho que fez com que o vírus fosse erradicado no país, mas precisamos continuar vacinando para evitar que o vírus retorne, com a circulação de viajantes”.

Texto: Rosi Barreto – Reportagem: Osvaldo Bispo – Fotos: Waldyr Gomes – 16/08/10

Semana da Família é comemorada
nas escolas municipais de Itabuna

O Mutirão da Família vem sendo realizado em diversas escolas da rede municipal, marcando a Semana da Família em Itabuna. Focado no tema “Amo Minha Família”, o evento, que está levando às escolas uma série de atividades envolvendo a participação de pais, alunos e educadores, conta com a parceria da Pastoral Familiar, Centro de Referência da Assistência Social (CRAS I e II) e Programa Bolsa Família.

Coordenado pela Assessoria Técnica Pedagógica da Integração Escola-Comunidade, da Secretaria da Educação (SEC), o Mutirão, além de marcar as comemorações do Dia Municipal da Família, transcorrido no último domingo (dia 15), também visa promover o estreitamento da interação família-escola.

As atividades foram iniciadas com o Seminário da Família, promovido pela Escola Batista da Califórnia, com a participação de pais de alunos de outras oito escolas que formam o núcleo IX da rede municipal de ensino. Os participantes puderam acompanhar palestras de profissionais de diversos segmentos que atuam no atendimento às famílias, a exemplo da promotoria e juizado da Vara da Família e Programa Bolsa Família.

A assessora pedagógica da Integração Escola-Comunidade, Maria da Paz Gonçalves, destaca que a temática que está sendo trabalhada no Mutirão é muito relevante para o sucesso da escola. “A partir do momento que estimulamos uma maior integração entre a Escola, a Família e a Comunidade, estamos trabalhando para o sucesso da própria escola”, frisou.

Nesta segunda-feira (16), o Mutirão foi realizado nos turnos matutino e vespertino nas escolas Lourival Oliveira, Novo Horizonte, Frederico Smith, Roberto Santos, José Oduque Teixeira, Pedro Jerônimo, Ewerton Chaloup, Firmino Alves e Brasília Baraúna. Além de palestras, diversas oficinas foram realizadas com os pais, como a de artesanato na Escola Lourival Oliveira Soares, em Ferradas. Os alunos também tiveram a oportunidade de expor diversos trabalhos realizados na escola.

Texto: Erivaldo Bomfim - Foto: Waldir Gomes – 16/08/2010


Prefeitura vai formar novos
marceneiros e carpinteiros
O prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, inaugurou sábado (14), no Canteiro de Obras do Município, mais conhecido como Adei, uma escola profissionalizante que vai formar mão de obra jovem nas artes de marcenaria e carpintaria. A unidade recebeu o nome de João Franco Leal, pai já falecido do prefeito Capitão Azevedo, e vai qualificar jovens com idade a partir dos 16 anos e que estejam matriculados numa escola regular.

Além do prefeito, participaram da solenidade de inauguração secretários, diretores, lideranças populares, marceneiros, carpinteiros e alunos da nova escola. Inicialmente, serão preparados 30 jovens que irão receber orientação de seis profissionais.

Os alunos vão aprender a confeccionar caixões de portas, portas, janelas e móveis em geral. Futuramente será implantada a oficina de pré moldados para construção de banheiros.

De acordo com o diretor de obras da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, José Pascoal de Brito, a idéia de implantar a oficina foi do prefeito Capitão Azevedo. Ele tomou a decisão depois de visitar o bairro Ferradas, onde constatou que muitas casas não dispunham de banheiro.

“O prefeito nos pediu a elaboração de projeto de baixo custo e que pudesse atender de imediato às famílias que ainda vivem em situação de extrema pobreza. Nada melhor do que ensinar uma profissão que trará grandes benefícios para essas famílias e, por extensão, toda a comunidade”, disse Pascoal. Após a conclusão do curso, o aluno sairá pronto para enfrentar o mercado de trabalho.

Segundo ainda Pascoal, o projeto de pré-moldados será elaborado em parceria com a Emasa para a construção de banheiros comunitários, feitos com massa de isopor e cimento, laje e reservatório de água.

Um dos alunos, Itamar Oliveira Santos, morador do bairro Novo Horizonte, mostrou entusiasmo com a perspectiva de aprender uma profissão. “Vai ser muito importante fazer esse curso, porque vou ter uma profissão e assim poder trabalhar naquilo que eu sei fazer”.

Outro aluno, Hamilton dos Santos, também concorda e diz que pretende aproveitar bastante o aprendizado. “Quero ser um bom profissional e dar o melhor de mim”.

Texto: Rosi Barreto – Reportagem: Osvaldo Bispo – Fotos: Waldyr Gomes – 16/08/10

Augusto Castro inaugura comitê em Una
e visita municípios da região sudoeste


Ao participar da inauguração dos escritórios políticos da sua candidatura no município de Una e no povoado de Colônia de Una, o candidato a deputado pelo PSDB, Augusto Castro, ressaltou que nas suas caminhadas as pessoas demonstram sorrisos, reivindicações e palavras de apoio à sua candidatura, sempre solicitando melhorias para as comunidades. Acompanhado de lideranças políticas e comunitárias de diversos municípios, ele seguiu neste final de semana para novos contatos políticos e rever amigos em Encruzilhada e Cândido Sales. Já em Ilhéus, participou de reunião com cerca de 120 lideranças comunitárias.

Na oportunidade, o ex-prefeito de Una, José Bispo dos Santos (Zé Pretinho), disse que “sempre sentimos o sorriso estampado no rosto das pessoas ao aproximar de Augusto Castro. São amigos que acreditam na força de uma proposta diferente, que colocam a sua confiança em novo candidato e nos acompanham em cada local”.


No município de Cândido Sales, Augusto Castro foi recepcionado pelo ex-prefeito Amilton Fernandes, enquanto em Encruzilhada foi recebido pelo grupo político formado pelo ex-prefeito e médico Paulo Mauricio, quando participou de novas reuniões com correligionários. Amilton Fernandes disse que “percebemos a proposta séria e o compromisso regional de Augusto Castro. Ele atende aos convites de prefeitos, ex-prefeitos, vereadores, ex-vereadores e lideranças das comunidades. Temos a certeza que vai avançar muito no processo de desenvolvimento da Bahia”.


Já o ex-prefeito de Encruzilhada comentou que “tenho visto no semblante das pessoas, olho no olho, como o eleitor tem ficado alegre em saber que lançamos Augusto Castro a deputado estadual. Vejo sucesso na vida pública deste rapaz. Ele está ouvindo o povo sobre as dificuldades dos bairros e trazendo uma palavra de esperança para o futuro”.

Coordenação de Jornalismo da campanha de Augusto Castro-PSDB
Comitê central: rua Alexandre Fleming, 187, bairro Góes Calmon, Itabuna.
Itabuna, 16 de agosto de 2010.

Biofábrica lança programa “Da Porteira para Fora” para assistir produtores em parceria com a Ceplac
O Instituto Biofábrica de Cacau e Ceplac colocaram em prática na semana passada o programa “Da Porteira para Fora”, resultado de um convênio de cooperação técnica assinado pelos dois órgãos para estimular os produtores de cacau a substituir o plantio de mudas seminais por mudas enraizadas (clonais), que têm qualidade genética, geram mais frutos, custam menos e são mais fáceis de manejar. A primeira fazenda atendida foi a Leão de Ouro, dos proprietários Pedro e Lúcia Spinola, localizada no Km 30 da Rodovia BA-262 (Ilhéus –Uruçuca).

O diretor-geral da Biofábrica, Henrique Almeida, adianta que será instalada uma área demonstrativa na Leão de Ouro para produtores interessados no programa verificarem as vantagens das mudas clonais sobre as mudas seminais. Ele ressalta que o objetivo é incentivar o uso da tecnologia criada pela Ceplac e testada pela Biofábrica com sucesso. “Mudança de cultura não é fácil, mas é muito importante que vençamos a resistência do produtor em relação às mudas enraizadas, pois assim estaremos ajudando a lavoura cacaueira da Bahia a corrigir os erros do programa de recuperação criado pelo governo com falhas que até hoje prejudicam os cacauicultores”.

Entre os erros, Henrique assinala a insuficiência de recursos – o Programa de Recuperação da Lavoura Cacaueira estimou investimento de R$ 1,7 mil por hectare, porém o Banco do Brasil só liberou R$ 700 por hectare – e a falta de treinamento para o manejo do material enraizado, desconhecido pelos produtores. “Sem acompanhamento técnico no campo, quem investiu nas mudas clonais não alcançou os resultados esperados”.

Garantia de qualidade e baixo custo
O diretor técnico da Biofábrica, Aldo Lavigne, aposta que o programa “Da Porteira para Fora” mostrará aos produtores como aproveitar todas as vantagens das mudas clonais, que além de mais baratas, têm garantia de qualidade aprovada pela Ceplac, Registro Nacional de Sementes e Mudas e agora assistência técnica nas fazendas. O produtor Pedro Spinola está entusiasmado com o


programa: “A Biofábrica é de fundamental importância para nós, pois está empenhada em nos atender, e todo mundo está querendo plantar”.

Jorge Cordier, técnico agrícola designado pela Ceplac para assistir o programa “Da Porteira para Fora”, garante que a utilização das mudas enraizadas será muito benéfica para os produtores de cacau. “Estas mudas dispensam enxerto, têm alto grau de compatibilidade e custo baixo”, atesta.

Por:  Erivaldo Bomfim
16-08-2010