Vamos salvar o Rio Cachoeira! É o nosso maior patrimônio natural. Não jogue lixo em seu leito.

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Denuncia forte no programa de Val Cabral

O médico Cristiano Conrado do quadro do Hospital de Base Luiz Eduardo Magalhães, em Itabuna, chamando a atenção do Estado, dos gestores e do município, em entrevista ao programa “Língua Afiada” do radialista e blogueiro Val Cabral, às 13h30min horas de hoje (06) pela Rádio Difusora Sul da Bahia disse que 15 pessoas estão morrendo por semana naquela instituição de saúde por negligência e falta de material adequando para salvar vidas.

A denuncia é séria! Enquanto, o Governo anda informando através de seus programas políticos em televisão de que a saúde anda bem na Bahia. Na nova Bahia que ele criou fictícia, a peso de ouro nas propaganda na televisão. Lá tudo é bonito.É lindo! É maravilhoso!

Neste momento queremos chamar a atenção de todas as autoridades do município, do estado e do país, para levar a sério essa denuncia do médico, que com certeza sofreu muito na alma para fazer tal denuncia.

O fato é sério, e alguma coisa deve ser feita de imediata. A vida é a coisa mais preciosa que Deus deixou para a humanidade.

Daqui queremos parabenizar a coragem de Doutor Cristiano Conrado para fazer tal denuncia.

Esperamos que com isso ele não seja punido. Hoje ninguém aceita a verdade. Estamos vivendo um momento de inversão de valores.


Esse problema ainda ressaltou o médico vem acontecendo desde 2006. “Essas denuncias são levadas ao Ministério Público que já existe um processo com mais de 700 páginas” disse o advogado Rafle Salume, que também estava participando da entrevista ao programa de Val Cabral.


Outra questão é que com a falta de equipamentos adequados muitas pessoas estão perdendo precocemente os seus membros superiores ou inferiores, o que são obrigados a amputá-los. Essa denuncia também foi feita ao programa. Só faltou ser dito que por lá, segundo algumas pessoas, existem as injeções da meia noite!


O Hospital de Base de Itabuna tem uma verba do Governo do Estado de 1,5 milhões e atende cerca de 120 municípios de todo o sul da Bahia. Já o Hospital de Ilhéus, recebe 3,5 milhões e vem paciente de lá para Itabuna. Pode?


Que Deus nosso Pai Supremo tenha piedade de todos nós.

Nenhum comentário: